Prognóstico
Odd
Vitória do PSG
1.40
Betclic
Resultado
Erro
Afonso Canavilhas
58% Sucesso
Próg. realizados
3319
Média Odds usadas
1.68
Próg. certos
1868
Próg. errados
1350

Saint-Étienne – PSG (Ligue 1)

A realização da jornada 18 da Ligue 1 2020/21 assinala o arranque do futebol em solo gaulês no ano civil de 2021. O PSG, agora sob orientação de Mauricio Pochettino, viaja até ao reduto do Saint-Étienne.

Análise Saint-Étienne

O Saint-Étienne entra em 2021 no 14º lugar da pauta classificativa, com apenas 18 pontos conquistados em 17 desafios. Até ver, os “Verts” venceram quatro desafios, empataram seis e perderam sete, com um total de 18 golos marcados e 25 sofridos. Dos 18 pontos que os comandados de Claude Puel somam por esta altura, oito foram alcançados nas últimas cinco rondas, sequência em que o “Sainté” não perdeu nenhum jogo mas também só venceu um: Lille (1-1), Dijon (0-0), Angers (0-0), Bordéus (1-2), Nimes (2-2) e Mónaco (2-2). Ainda que longe do ideal, a atual sequência sucedeu a uma grave crise de resultados que quase ditou a saída do treinador, uma vez que o Saint-Étienne perdeu sete encontros consecutivos, quatro deles por uma margem superior a um golo, sem esquecer que pelo meio perdeu frente ao grande rival, o Lyon (2-1).

Cinco pontos acima da zona de perigo, o Saint-Étienne tem um desafio e tanto nesta receção ao PSG e custa a crer que a equipa seja capaz de orquestrar uma surpresa, tanto por aquilo que tem vindo a exibir, quanto pelo número de ausências, sobretudo no sector intermediário. Youssouf – Gourna-Douath deverão funcionar como duplo pivot defensivo nas costas de Aouchiche, médio da equipa com mais chegada para apoiar Hamouma, melhor marcador da equipa com três golos apontados. Os números da equipa do ponto de vista ofensivo não impressionam e a verdade é que só tês conjuntos (Lorient, Nimes e Dijon) fazem menos golos que o Saint-Étienne neste campeonato, conjunto que já ficou “em branco” por seis vezes.

Khazri continua a ser figura de proa nesta equipa e não poderá participar neste encontro por estar a contas com uma lesão. Gabriel Silva e Yvann Macon também estão lesionados, ao passo que Neyou e Mahdi Camara falham esta partida por estarem suspensos. Harold Moukoudi cumprir suspensão e deverá fazer dupla no eixo com Kolodzieczak, ao passo que o ex-internacional francês Mathieu Debuchy deverá ser titular à esquerda, enquanto o peruano Trauco atuará à direita.

Onze provável: Moulin, Debuchy, Moukoudi, Kolodiejczak, Trauco, Youssouf, Gourna-Douath, Aouchiche, Bouanga, Nordin, Hamouma

Análise PSG

Ligue 1O PSG terminou o ano a golear o Estrasburgo por quatro bolas a zero, resultado que, no entanto, não fez com que a direção do clube não invertesse uma decisão já tomada: a de abdicar dos serviços do técnico Thomas Tuchel. Cerca de quatro meses depois de ter guiado o emblema da capital gaulesa à primeira final da Liga dos Campeões europeus da sua história, Tuchel deixou o clube parisiense, consequência de uma fase de grupos de Liga dos Campeões acidentada e de um início de Ligue 1 irregular para uma equipa tão poderosa quanto este PSG. Zsolt Low, adjunto de Tuchel, revelou que a tensão entre Tuchel e o diretor desportivo Leonardo terá estado na base da decisão. Agora, começa uma nova era no Parc des Princes: após encantar a Europa do futebol ao leme do Tottenham, Mauricio Pochettino está de regresso à ação. Neste primeiro momento, terá que continuar a lidar com aquele que foi provavelmente o maior problemas do PSG nos últimos meses: o número de lesões. Neymar, Icardi, Paredes, Bernat, Kurzawa, Danilo Pereira, Florenzi e Kimpembe continuam de fora, todos a contas com lesões, ao passo que Rafinha testou positivo à COVID-19 e também é carta fora do trabalho. Pocettino precisa de lidar com várias ausências neste início de aventura em França, mas as unidades que tem à disposição não deixam de ser suficiente (em teoria) para vingar em contexto doméstico. A nível de sistema, é expectável que opte por escalonar a equipa em 1x4x3x3, com Mbappé, Di María e Keane na frente.

Onze provável: Navas, Dagba, Kehrer, Marquinhos, Bakker, Gueye, Herrera, Veratti, Di María, Mbappé, Kean

Dica de Prognóstico

Pochettino quer estrear-se com o pé direito e mesmo tendo em conta todas as ausências que se verificam, a equipa parisiense tem capacidade mais que suficiente para vencer aqui. A vontade de iniciar uma nova era da melhor forma é comum a todos os jogadores, empenhados em exibir de perto as suas qualidades ao novo treinador. O “Sainté” aparenta possuir demasiadas debilidades para tirar algo de proveitoso deste desafio.

Prognóstico
Odd
Vitória do PSG
1.40
Betclic
Resultado
Erro
Afonso Canavilhas
58% Sucesso
Próg. realizados
3319
Média Odds usadas
1.68
Próg. certos
1868
Próg. errados
1350