Os mercados de Over e Under (Mais/Menos) associados a jogos de futebol constam em qualquer Casa de Apostas. Por norma, as linhas ficam estabelecidas na margem de 2.5 – que é o mesmo que dizer menos ou mais de três golos. Ao longo deste artigo exploraremos os números de diversos campeonatos de futebol por forma a percebermos quais são as competições mais rentáveis para apostas em mais ou menos golos.

Campeonatos nos quais o “Over 2.5” Golos é mais provável

La Liga  é uma das ditas “Big 5” europeias, os seus jogos constam em qualquer Casa de Apostas e falamos de uma competição na qual se marcam muitos golos. Na tabela abaixo recolhemos os dados de Real Madrid, Barcelona e Atlético de Madrid nas temporadas 2019/20 e 2020/21.

Temporadas 2019/20 2020/21
Total Golos Marcados/Sofridos  GM/GS  GM/GS
 Real Madrid  70/25  67/28
Barcelona  86/38  85/38
Atlético Madrid  51/27  67/25

Na época 2019/20, o Real Madrid apresenta uma média 1.8 golos por jogo, enquanto que o Barcelona conseguiu superar esse registo, marcando em média 2.2 golos por jogo. Já o Atlético de Madrid, não tão poderoso quanto os “Merengues” ou os “Culés”, apresenta uma média de 1.3 golos por jogo.

Quanto à época 2020/21, destaca-se o Barcelona novamente com uma média em tudo idêntica à do ano anterior, ao passo que o Real caiu ligeiramente, terminando com os mesmos 67 golos e a mesma média de 1.8 golos por jogo que o Atlético, conjunto que se sagrou campeão.

Agora atentaremos nos conjuntos que foram relegados ao segundo escalão, por forma a ter em conta a discrepância entre os conjuntos da parte de cima da tabela e as formações despromovidas.

Temporadas 2020/21
Total Golos Marcados/Sofridos  GM/GS
Huesca  34/53
 Valladolid  34/57
 Eibar  29/52
Temporadas 2019/20
Total Golos Marcados/Sofridos  GM/GS
 Leganés  30/51
Mallorca  40/65
Espanyol  27/58

Tanto numa temporada quanto noutra, podemos verificar que o número de golos marcados dos últimos colocados costumam variar entre os 30 e os 40 golos. Os números não são tão negativos quanto isso, mas o “reverso da medalha” surge no número de tentos sofridos.

Concluímos que a La Liga reúne coletivos com grande poderio do ponto de vista ofensivo, nomeadamente o Real Madrid e o Barcelona, conjuntos que marcam muitos golos por jogo, importando destacar outras equipas bem dotadas a esse nível, como o Sevilha. Por outro lado, o Atlético, embora se debata nos lugares cimeiros, é um conjunto mais conservador e que vale essencialmente pela organização que denota do ponto de vista defensivo. Ao efetuar as suas apostas em mais ou menos golos na La Liga, privilegie os “overs”.

A Bundesliga também é uma competição que reúne equipas que privilegiam um futebol ofensivo, bem à maneira alemã. Como tal, é comum que se verifiquem três ou mais golos em diversos jogos, ao passo que em jogos de equipas como o Bayern de Munique, muitas vezes só se encontra valor em mercados a partir dos 3.5 golos para efeitos de over.

Temporadas 2019/20 2020/21
Total Golos Marcados/Sofridos  GM/GS  GM/GS
 Bayern Munique 100/32 99/44
Borussia Dortmund  84/41 75/46
RB Leipzig 81/37 60/32

Na época de 2019/20, o Bayern Munique terminou com uma média de 2.9 golos por jogo, ao passo que o Borussia Dortmund apresentou um registo de 2.5 golos marcados por jogo e o RB Leipzig se situou perto desses números com aproximadamente 2.4 golos marcados por encontro.. A época 2020/21 também foi bastante produtiva a esse nível, ainda que as três equipas tenham registado menos golos marcados, sobretudo o RB Leipzig, que fez menos 21 golos.

Nas épocas 2019/20 e 2020/21, os últimos três classificados desta Bundesliga apresentaram os seguintes registos:

Temporadas 2020/21
Total Golos Marcados/Sofridos  GM/GS
Koln 34/60
Werder Bremen 36/57
Schalke 04 25/86
Temporadas 2019/20
Total Golos Marcados/Sofridos  GM/GS
Werder Bremen 42/69
Fortuna 36/67
Paderborn 37/74

Como é natural, os últimos colocados não apresentam registos particularmente auspiciosos em termos atacantes. Atentando nos números de 2019/20 e 2020/21, o melhor registo foi mesmo o do Werder Bremen em 2019/20, com 42 tentos marcados. Nessa temporada, a formação que veste de verde disputou o “play-off” de subida/descida e acabou por conseguir assegurar a manutenção entre a elite, mas a queda para a 2. Bundesliga acabou por ser consumada no ano seguinte.

A Bundesliga conta com conjuntos tradicionalmente fortes em termos ofensivos, destacando-se não só o Bayern Munique mas também coletivos como o Borussia Dortmund, o RB Leipzig, o Borussia M’Gladbach ou o Bayer Leverkusen.

Seguimos com a Eredivisie, principal divisão do futebol neerlandês. A escola neerlandesa é sobejamente conhecida pelas suas virtudes do ponto de vista ofensivo e isso faz com que estejamos perante uma prova bastante apetecível para apostar em “overs”.

Temporadas 2019/20 2020/21
Total Golos Marcados/Sofridos  GM/GS  GM/GS
Ajax 68/23 102/23
PSV 54/28 74/45
Feyenoord 50/35 64/36

Ao atentar nos números acima expostos, por certo reparou que existe uma discrepância considerável entre os números da época 2019/20 e os da temporada seguinte. Tal situação deve-se ao facto de a edição 2019/20 da Eredivisie ter sido dada como terminada ao cabo de 25 jornadas, devido à pandemia COVID-19. Ainda assim, o Ajax terminou a época com uma média de aproximadamente 2.7 golos marcados por jogo, registo que bateu na temporada seguinte com uma média de exatamente três golos marcados por jogo.

Nas épocas 2019/20 e 2020/21 os últimos três classificados da Eredivisie apresentam os seguintes registos:

Temporadas 2020/21
Total Golos Marcados/Sofridos  GM/GS
Emmen 40/68
VVV-Venlo 43/91
ADO Den Haag 29/76
Temporadas 2019/20
Total Golos Marcados/Sofridos  GM/GS
Fortuna Sittard 29/52
ADO Den Haag 25/54
RKC 27/60

Como podemos ver – sobretudo pelo exemplo de 2020/21, uma vez que a prova chegou ao fim -, mesmo os últimos colocados da Eredivisie apresentam registos interessantes do ponto de vista ofensivo.

O campeonato holandês é historicamente próspero em número de golos e tudo leva a crer que a assim continuará, obedecendo à escola futebolística neerlandesa.

Ligas nas quais o Under 2.5 Golos é mais provável

Por outro lado, há ligas nas quais optar por apostar em menos golos pode ser uma opção bem mais interessante. A Liga Bwin, exceção feita aos “grandes”, pode ser uma competição interessante para explorar nesse sentido, sem esquecer campeonatos menos mediáticos como o romeno. Por Itália, o “Catenaccio” já faz parte do passado e, atualmente, integrar a Série A neste lote seria totalmente incoerente.

A Liga I tem vindo a perder a força no que toca ao número de golos marcados por jogo, tendo contabilizado uma fraca média na temporada de 2020/21 (fase regular).

Temporadas 2020/21
Total Golos Marcados/Sofridos  GM/GS
Steaua Bucareste 57/22
Cluj 42/15
CS U Craiova 33/14

Assim, a competição chegou ao fim com uma média de 2.23 golos marcados por jogo. O resultado mais comum ao longo de toda a temporada (registado em 44 jogos) foi uma igualdade a um golo.

Já os últimos três classificados desta Liga I, por sua vez, apresentam o seguinte registo:

Temporadas 2013/14
Total Golos Marcados/Sofridos  GM/GS
Dinamo Bucuresti 26/41
Politehnica Iasi 30/62
Hermannstadt 28/40

Estes conjuntos situados na zona de despromoção, mostraram um desempenho paupérrimo quanto ao número de golos marcados: o Dinamo terminou com uma média a rondar os 0.9 golos/jogo, o Politehnica apresentou uma média de exatamente um golo por partida e o Hermannstadt apresentou uma média idêntica mais ligeiramente superior à do Dinamo.

Se esquecermos o Steaua Bucareste, o Cluj e o Sepsi, a maioria dos conjuntos nesta época marcou entre os 30 e os 40 golos, sendo que apenas o Steaua fez mais de 50 golos. Como resultado deste fraco desempenho ofensivo, são poucos os jogos em que o número de golos ultrapassa os 2.5 golos, o que consequentemente causa uma baixa média de golos por jogo nesta Liga I. Se quiser efetuar as suas apostas em mais ou menos golos no principal escalão romeno, privilegie os “unders”.

Por fim, a Liga Bwin, competição que também está longe de estar entre as que mais e melhor espetáculo apresentam do ponto de vista ofensivo e cuja média de golos marcados por equipa é “puxada” e positivamente influenciada pelos golos marcados pelos “grandes”.

Temporadas 2020/21
Total Golos Marcados/Sofridos  GM/GS
FC Porto 74/22
SL Benfica 71/26
Sporting 65/20

Na temporada 2020/21, verificou-se uma média de 2.42 golos por jogo. Tirando os ditos “três grandes”, só o Braga (53) fez mais que 50 golos e se reduzirmos a linha para os 40, apenas o Santa Clara bateu esse registo, com 44.

Já os últimos dois classificados desta Liga Bwin, por sua vez, apresentam o seguinte registo:

Temporadas 2020/21
Total Golos Marcados/Sofridos  GM/GS
Farense 31/48
Nacional 30/59

Os dois últimos colocados, ambos relegados para o segundo escalão nacional, terminaram as respetivas campanhas com mais jogos disputados que golos marcados. O Farense encontrou os caminhos para as redes adversárias em 31 ocasiões nos 34 encontros em que esteve envolvido, ao passo que o Nacional fê-lo por 30 vezes.

Podemos concluir que a La Liga, a Bundesliga e a Eredivisie, principalmente em jogos de equipas como o Real Madrid, Barcelona, Bayern Munique e Ajax, o número de golos facilmente supera a linha de 2.5, em virtude do poderio ofensivo destes conjuntos. Já em campeonatos como a Liga I ou a Liga Bwin, o número de golos por tende ser a inferior, pelo que na hora de efetuar as suas apostas em mais ou menos, neste segundo caso, deve optar pelo menos.

Logicamente, nenhum método de apostas é infalível, contudo, este artigo servirá como base em futuras apostas em mais ou menos 2.5 golos, por forma a tornar as suas apostas mais seguras. Acompanhe os nossos prognósticos para apostas que podem auxiliar os seus investimentos.

Casas de Apostas com mercados de Mais/Menos Golos

[bwin] [nossa-aposta]

Boas Apostas!