No mundo das apostas desportivas sabemos que são poucos aqueles que aplicam conceitos de medição e análise financeira por forma aferirem a sua performance, descobrirem informações sobre o seu estilo de jogo bem como quais os seus pontos fracos e fortes. No entanto, qualquer apostador profissional sabe a importância da análise estatísticas em apostas desportivas, uma vez que é a partir dessa análise que é possível extrair o seu histórico de resultados de apostas e com isso medir facilmente o retorno do investimento (ROI).

A medição do ROI permite-lhe saber concretamente qual a rendibilidade dos seus métodos de apostas, sendo também um excelente mapa para o guiar no futuro das suas apostas.

O que é o Retorno do Investimento (ROI)?

O Retorno do Investimento é um termo habitualmente utilizado no mundo das finanças e tem que ver com o nível de rendibilidade em relação ao capital investido.

No fundo, o ROI é um medidor de performance que é usado para avaliar a eficiência de um investimento e que  pode ser usado para comparar também diferentes tipos de investimentos.

Ao nível das apostas online, a terminologia pode ser aplicada de uma forma muito similar, pese embora possa parecer à partida um assunto complicado.

Para todos aqueles que não dominam o básico de gestão financeira, ou para aqueles que não dominam os termos de economia e finanças, o Retorno de Investimento pode parecer algo complexo, mas a realidade é que não o é e por isso vamos desmistificar tudo nas próximas linhas.

ROI nas apostas desportivas

Como calcular o ROI nas apostas desportivas?

Nas apostas desportivas, o retorno de um investimento é calculado de forma muito simples: dividindo os lucros ou perdas das suas apostas ou stake pelo montante apostado ou pelo valor, em euros, da sua stake.

  • Retorno do Investimento = Lucros ou Perdas / Valor da Aposta X 100

Tenha em consideração que a multiplicação da fórmula por 100 é feita para que o resultado final seja apresentado em forma de percentagem (%).

Vejamos um exemplo de um apostador que investiu 100€ na operadora Nossa Aposta, por exemplo, numa equipa cuja vitória “pagava” a 1.50€.

  • Retorno do Investimento = 50€ / 100EUR X 100 = 50%

ROI nas apostas desportivas

Baseado nesta fórmula, imaginemos agora um jogador que coloca uma aposta de 100€ e perde-a. O cálculo do retorno do investimento seria o seguinte:

  • Retorno do Investimento = 100€ / 100EUR X 100 = -100%

Neste caso concreto, o retorno de investimento seria de 100% negativo, uma vez que ele perdeu o valor total da sua aposta.

Um dos aspetos que por norma tornam o cálculo do ROI confuso numa perspetiva de apostas desportivas é o facto de este considerar cada aposta como um investimento em si mesma.

Com um histórico grande, todas estas apostas individuais ou stakes podem ser agregadas num valor único para retornar a média do retorno de investimento por aposta.

Compreender as diferenças

Se começarmos a nossa conta de apostas desportivas com 5000€, por exemplo, e formos progredindo de forma sólida e sustentável, a nossa banca pode crescer para 6000€.

Dessa forma, podemos dizer que o retorno do investimento a 12 meses foi de 20%.

Como? Simples.

Chegamos a este valor dividindo o lucro de 1000pelo valor inicial da nossa stake, que era de 5000 Euros e multiplicando esse valor por 100, por forma a obtermos os 20% de retorno. Caso tivéssemos perdido 1000, o nosso Retorno de Investimento seria de -20%.

Com um histórico de apostas grande, estes cálculos podem dar-lhe, de forma concreta, qual o valor que ganha ou perde de cada vez que realiza uma determinada aposta desportiva.

Esta é a informação crítica que precisa ao medir o seu Retorno de Investimento, uma vez que lhe permite aferir a sua performance enquanto apostador de uma forma clara e bem objetiva.

Não subestime o resultado do Retorno do investimento

Sem qualquer tipo de histórico de apostas, este cálculo é logicamente despropositado, pelo que é importante que saiba como criar um registo de apostas  e que, depois de o fazer, o atualize com frequência.

Criar esse registo de apostas é fundamental para consiga medir o retorno do seu investimento e, acima de tudo, para que perceba quais as suas grandes falhas e os seus pontos mais fortes.

Esses dados vão permitir que consiga delinear uma estratégia de apostas em torno dos seus pontos mais fortes, evitando cometer erros de principiante que apenas que lhe servem como forma de aniquilar a sua banca de apostas.

Medição do ROI de forma prática

Qualquer apostador profissional sabe da importância de manter um histórico das suas apostas e finanças.

Em negócios como um restaurante ou uma loja, existem imensos dados para inserir e retirar, mas nas apostas desportivas, tudo se resume a uma única transação – a aposta realizada.

Não existe, portanto, qualquer motivo para que não realize este tipo de medição, uma vez que o esforço necessário para o fazer é mínimo, mas os resultados e consequências são realmente impressionantes e uma excelente forma de você ter à sua disposição informação de valor acrescentado para melhorar as suas apostas e a sua performance nos mercados de compra de apostas.

Vejamos um exemplo prático de um histórico de dez apostas e a informação que elas nos podem proporcionar usando a medição do ROI.

Tenha em consideração que esta é uma versão reduzida de um histórico de apostas, mas poderá fazer isto usando o seu histórico de apostas completo.

Aposta /Stake Odds Ganhos / Perdas Lucro / Perda
100 1.40 Ganha 40
100 2.10 Perdida -100
100 1.25 Ganha 25
100 1.70 Ganha 70
100 1.80 Ganha 80
100 1.15 Ganha 15
100 2.50 Ganha 150
100 1.40 Perdida -100
100 1.20 Ganha 20
100 1.50 Perdida -100
1000 Euros 7 Ganhas – 3 Perdidas 100 Euros

Esta é a informação que poderemos retirar da análise deste histórico de 10 apostas:

  • 10 foram realizadas
  • 7 apostas foram ganhas
  • 3 apostas foram perdidas
  • 100 Euros era o valor da banca total de investimento
  • 400 Euros é o montante dos ganhos
  • 300 Euros é o montante das perdas
  • 100 Euros é o valor do lucro

Esta é a forma mais eficiente de compreender como é que cada uma das suas apostas individuais contribui para o cálculo do seu retorno do investimento.

Dos resultados acima coletados, sabemos que o nosso lucro foi de 100€, num total de várias apostas que, somadas, ascendem a 1000€ de investimento.

Vamos agora colocar estes dados na nossa fórmula de cálculo do ROI:

  • Retorno do Investimento = Lucros ou Perdas / Valor da Aposta X 100
  • Retorno do Investimento = 100€ / 1000€ X 100 = 10%

O cálculo diz-nos que o retorno do nosso investimento foi de 10%. No entanto, não tenha para si que este valor será sempre positivo –  nas apostas desportivas, todos os apostadores passam por momentos altos e baixos.

O exemplo do cálculo do ROI de 10% acima demonstrado diz-nos o seguinte:

  • Historicamente, por cada 100€ de apostas, houve um retorno de 10€.
  • No futuro, cada aposta de 100€ poderá gerar um lucro de 10€.

Mais uma vez, quanto maior for o seu histórico de apostas, mais fácil será identificar padrões e perceber qual a verdadeira performance das suas apostas desportivas. Como tal, caso ainda não esteja a criar um histórico da sua performance nas casas de apostas, deveria ponderar fazê-lo.

As apostas desportivas são um mercado de investimento complicado no qual a grande maior dos profissionais conseguem Retornos de Investimento na ordem de 20%, 15% ou mesmo 10% ao longo de vários anos, pelo que não se assuste caso o seu ROI seja baixo ou no limiar do breakeven. O importante é que compreenda os padrões de apostas e que calcule regularmente o retorno do seu investimento para perceber se o seu modelo de investimento está a ser o mais acertado possível.

Faça as suas Apostas com os melhores Bónus

[nossa-aposta]

Boas Apostas!