Menu
LaLiga 3ª Jornada

Valência – Real Betis (La Liga)

Tanto o Valência como o Real Betis gostariam de premir o botão reiniciar nesta edição da Liga Espanhola e esta interrupção para seleções pode ser mesmo o momento cero para operar esse virar de página. O clube Ché espera interromper a série de duas derrotas na estreia dos reforços de última hora: Garay, Mangala e Munir. Gustavo Poyet está ansioso para ver o trabalho desenvolvido a render no relvado. Será que é desta?

O Valência somou duas derrotas nas primeiras duas jornadas da Liga Espanhola – Las Palmas (2-4) e Eibar (1-0) – e, de repente, todos os fantasmas da época passada vieram à superfície. O clube Ché decidiu este verão vender alguns jogadores com valor de mercado elevado e procedeu a uma verdadeira limpeza de balneário. Era necessário, depois da campanha horrorosa da temporada transata. A direção decidiu manter Pako Ayestarán, um homem da casa, supostamente por ter visto nela a capacidade para se ligar aos jogadores e fazer a recuperação do conjunto. O treinador perdeu peças de qualidade mas nem tudo foram perdas. Houve algum investimento em jogadores interessantes, como Nani e Álvaro Medrán, e outras escolhas inteligentes chegaram por empréstimo. É o caso dos reforços do fecho de mercado. O argentino Ezequiel Garay transferiu-se do Zenit por vinte milhões e vai já formar dupla no eixo da defesa Ché com Eliaquim Mangala, cedido pelo Manchester City. Na mesma condição chega Munir El Haddadi, que continua a pertencer aos quadros do Barcelona. Os recém-chegados entram diretamente para o onze que defronta o Real Betis este domingo, segundo declarações de Ayestarán. Santi Mina é uma das dúvidas: o extremo anda a arrastar uma fascitis plantar há algum tempo, que o impede de dar o seu máximo. Caso não esteja apto deve ser Rodrigo a ocupar o seu lugar.

Em cima do fecho de mercado confirmou-se a saída de Paco Alcácer para o Barcelona, para desgosto do clube e adeptos Ché. A insatisfação é natural mas a proposta dos Culé é uma tentação demasiado poderosa para qualquer jogador, ainda mais quando o Valência demora a dar à volta à fase negra.

Onze Provável: Ryan – Cancelo, Garay, Mangala, Gayá – Parejo, Enzo Pérez, Medrán – Nani, Munir, Santi Mina.

O Real Betis também não cola liga santandernseguiu nas duas primeiras jornadas do campeonato os resultados pretendidos. Perdeu o jogo inaugural, em Camp Nou (6-2), e empatou a zero com o Deportivo antes da interrupção da Liga Espanhola. Gustavo Poyet diz que está um pouco impaciente para ver o trabalho desenvolvido no clube desde o verão render em campo. O treinador uruguaio vai assistir aos próximos dois jogos dos Verdiblancos a partir da bancada. O Comité de Disciplina não deu razão ao recurso apresentado pelo Betis e assim manteve os dois jogos de castigo.

Musonda e Felipe Gutíerrez estão de volta ao ativo. Infelizmente, o mesmo ainda não acontece com Jonas Martin, Sanabria e Alex Martínez. Poyet optou por não convocar o mais recente reforço, Ryan Donk, e Dani Ceballos para esta deslocação ao Mestalla. Foram precisos dois milhões de euros para trazer o médio holandês do Galatasaray.

Onze Provável: Adán – Piccini, Mandi, Pezzelle, Durmisi – Petros, Brasanac, Gutiérrez – Joaquín, Rúben Castro, Musonda.

Real Betis 1-0 Valencia
Liga BBVA 15/16
Valencia 0-0 Real Betis
Liga BBVA 15/16

Na época passada a visita do Betis a Valência terminou com um empate a zeros. Mas o registo recente de confrontos diz-nos que normalmente a equipa da casa leva vantagem.

Prognóstico Odd Casa Sucesso
Ambas Equipas Marcam 1.86 Betrally
valencia
Valência
  • País: Espanha
  • Estádio: Mestalla
  • Cidade: Valência
  • Fundação: 1919

Ver ficha completa

betis
Real Betis
  • País: Espanha
  • Estádio: Benito Villamarín
  • Cidade: Sevilha
  • Fundação: 1907

Ver ficha completa

Justa Barbosa
Justa Barbosa
  • Próg. realizados 1783
  • Média Odds usadas 2.22
  • Próg. certos 748
  • Próg. errados 1009
comments powered by Disqus

Últimos jogos