Menu

Tomas Berdych – Jo-Wilfried Tsonga (ATP Finals)

Tomas Berdych teve uma estreia um tanto ao quanto frustrante no ATP Finals. Depois de ter vencido o primeiro set frente a Andy Murray, o tenista checo esteve perto de conseguir a quebra decisivo mas cometeu alguns erros infantis e acabou por entregar o encontro ao tenista da casa. A vitória poderia ter sido decisiva, visto que o número seis mundial encontra-se num grupo bastante difícil. Para tentar remediar a sua falha, ele precisa de derrotar na próxima fase o francês Jo-Wilfried Tsonga, um adversário que até traz boas recordações ao tenista de 27 anos.

Os dois tenistas já jogaram entre si por quatro vezes, tendo Tomas Berdych uma vantagem no confronto direto de três triunfos. O primeiro duelo aconteceu o ano passado, com Berdych a conseguir um triunfo em três sets no ATP de Pequim. No ano passado, justamente no ATP Finals, foi o francês que saiu do court com a vitória. A partir daí foi Berdych quem dominou o head to head, conseguindo dois triunfos, nos ATP’s de Shangai e Estocolmo. Por isso, podemos afirmar que o atleta checo conta com algum favoritismo para este duelo, visto que psicologicamente está com alguma confiança extra comparativamente a Tsonga.

ATP FinalsTomas Berdych está a realizar a melhor temporada da sua carreira. Ele venceu os ATP’s de Estocolmo e Montpellier e ainda atingiu a final em Winstom-Salem e no ATP 1000 de Madrid. Mas a sua melhor campanha aconteceu mesmo no Open dos Estados Unidos. O checo surpreendeu meio mundo ao derrotar Roger Federer e só foi eliminado por Andy Murray, num dia em que o vento prejudicou claramente o desempenho do tenista de 27 anos. No que toca a prestações no ATP Finals, o melhor que Berdych conseguiu foi mesmo a meia-final atingida o ano passado. Já em 2010, ficou-se pela fase de grupos. Algo normal, tendo em conta que o seu grupo era constituído por Rafael Nadal, Novak Djokovic e Andy Roddick…

Jo-Wilfried Tsonga parece ser um tenista feito para este torneio de final de ano. Ele foi finalista o ano passado, derrotando tenistas como Nadal ou o próprio Tomas Berdych. Na final, ainda obrigou Roger Federer a um terceiro set. Mas esta foi a sua segunda participação na prova. O francês também já tinha marcado presença em 2008, mas nem sequer conseguiu passar da fase de grupos. Quanto a 2012, apesar de ter sido um ano algo complicado para Tsonga devido à sua troca de treinador, o tenista gaulês até conseguiu alguns resultados interessantes. Ergueu o troféu em Metz e Doha e ainda foi finalista em Estocolmo e Pequim.

Este duelo será de todo decisivo para a passagem do grupo. Uma segunda derrota por parte de qualquer um dos dois tenistas poderá tirar o seu afastamento da competição. Além disso, vencer em dois sets também poderá ser de extrema importância, visto que depois o número de sets poderá funcionar como fator de desempate. Apesar de todo o equilíbrio, acredito que Tomas Berdych possa ter algum favoritismo relativamente ao francês Jo-Wilfried Tsonga.

A Bet365 oferece-lhe 50€ de bónus para apostar neste jogo: http://bitly.com/50eurbonus

Prognóstico Odd Casa Sucesso
Vencedor do Jogo: Tomas Berdych 1.61 Bet365
tomasberdych
Tomas Berdych
  • País: República Checa
  • Estádio:
  • Cidade:
  • Fundação:

Ver ficha completa

Tsonga
Jo-Wilfried Tsonga
  • País: França
  • Estádio:
  • Cidade:
  • Fundação:

Ver ficha completa

Luciano Larrossa
  • Próg. realizados 47
  • Média Odds usadas 1.79
  • Próg. certos 23
  • Próg. errados 21
comments powered by Disqus

Últimos jogos