Menu

Sevilla – Real Betis (Taça do Rei)

Terceiro dérbi da Andaluzia da temporada, o primeiro no Ramón Sánchez Pizjuán. Empate a zero no jogo do campeonato, vitória do Sevilla no Benito Villamarín na primeira mão destes oitavos de final da Taça do Rei. O calendário é apertado e obriga a rotação mas nunca se facilita em demasia quando se enfrenta o rival. Pep Mel foi dispensado depois de mais um mau resultado em Getafe e Juan Merino, treinador da equipa B, foi promovido à principal, de modo interino.

O treinador do Sevilla reconheceu que o calendário preenchido vai obrigar a alguma rotação na equipa. Mas também disse que não podia alinhar com um onze enfraquecido. Isto é um dérbi entre rivais de Sevilha e mesmo com a vantagem da primeira mão os Blanquirrojos não podem arriscar ficar mal diante do seu público. Michael Krohn-Dehli e Gregorz Krychowiak marcaram no Villamarín os golos que deram a vantagem na eliminatória ao Sevilla, e o marcador manteve-se inalterado desde os minutos iniciais do segundo tempo. Agora a eliminatória transfere-se para o Sánchez Pizjuán e a equipa sente-se respaldada pelo bom registo nos jogos em casa, onde só perdeu três encontros nesta temporada – dois para a Liga, Atlético de Madrid (0-3) e Celta de Vigo (1-2), e com o Manchester City para a Liga dos Campeões (1-3).

A primeira mudança que se impõe, por questões de disciplina, é a saída de Coke, castigado, e entrada de Mariano para o seu lugar. Regressa também Rami, que no fim de semana ficou de fora por castigo. É possível que Escudero seja um dos beneficiados com minutos. Os nomes de Reyes e Llorente também são dos mais referidos para entrar de início.

Os Blaquirrojos contam apenas um desaire (com o Granada, 2-1) nos últimos onze jogos em todas as competições (8V/ 2E/ 1D), um percurso que se veio a livrar de alguma instabilidade demonstrada no início da temporada. Os dois jogos por semana a partir de dezembro não abalaram as prestações, bem pelo contrário. São agora sétimos classificados, com vinte e nove pontos, tendo vindo a subir na tabela nas jornadas mais recentes. Estão só a um ponto de distância dos lugares de acesso às competições europeias, que é o seu objetivo.

Onze Provável: Rico – Mariano, Carriço, Rami, Escudero – Iborra, Krychowiak – Vitolo, Banega, Reyes – Llorente.

taça do reiA direção do Real Betis decidiu romper os laços com Pep Mel. Porquê fazê-lo agora, só eles o saberão. O clube foi buscar o treinador, que é uma figura da casa, na temporada passada para subir de divisão e foi o que fez. Este ano o objetivo da equipa tem que ser a manutenção e essa ainda não está em causa. É verdade que há seis jogos do campeonato que os Verdiblancos não vencem (4D/ 2E), tendo somado apenas dois pontos de dezoito disponíveis. Mas ainda assim estão no décimo quarto lugar, a cinco pontos da zona de despromoção, encabeçada pelo Rayo Vallecano. Outros apontam como motivo a falta de crença do plantel na equipa técnica. Certo é que sai e o seu lugar, pelo menos de imediato, é assegurado pelo treinador da equipa B, Juan Merino, que não tem nenhum problema no título de interino. Foi bastante sincero ao dizer que, com a desvantagem de dois a zero da primeira mão, se fosse outro qualquer adversário optaria por descansar jogadores, já que a prioridade tem que ser a Liga Espanhola. Mas em se tratando do rival da cidade essa lógica vai ao ar. Merino terá que alinhar o seu onze mais capaz, para tentar reverter o resultado ou, no mínimo, não passar vergonhas.

Onze Provável: Adán – Molinero, González, Westermann, Vargas – Petros, Joaquim – Wolfswinkel, Ceballos, Digard – Castro.

Real Betis 0-2 Sevilla Taça do Rei 15/16
Real Betis 0-0 Sevilla Liga BBVA 15/16
Real Betis 0-2 Sevilla Liga BBVA 13/14
Real Betis 0-2 (3-4 g.p.) Sevilla Europa League 2013/14
Sevilla 0-2 Real Betis Europa League 2013/14

A diferença de valia das equipas, neste momento, pende claramente para o lado do Sevilla. Na memória de todos está ainda a eliminação dos oitavos de final da Liga Europa, há dois anos, quando os Verdiblancos traziam uma vantagem de dois golos da primeira mão, no seu reduto, e acabaram por perder o segundo jogo nas grandes penalidades.

Prognóstico Odd Casa Erro
Menos de 3 golos 1.79 Betrally
sevilla
Sevilla
  • País: Espanha
  • Estádio: Ramón Sánchez Pizjuán
  • Cidade: Sevilha
  • Fundação: 1905

Ver ficha completa

betis
Real Betis
  • País: Espanha
  • Estádio: Benito Villamarín
  • Cidade: Sevilha
  • Fundação: 1907

Ver ficha completa

Justa Barbosa
Justa Barbosa
  • Próg. realizados 1933
  • Média Odds usadas 2.21
  • Próg. certos 810
  • Próg. errados 1100
comments powered by Disqus

Últimos jogos