Menu

PSV – Atlético de Madrid (Liga dos Campeões)

O PSV e o Atlético de Madrid medem forças esta quarta-feira no Philips Stadium, em Eindhoven, num embate a valer para a 1ª mão dos oitavos de final da Liga dos Campeões. Após 9 anos, o conjunto da casa volta finalmente às eliminatórias da Liga Milionária, apresentando-se aqui em grande fora, com 18 vitórias nos seus últimos 22 jogos competitivos, de todas as competições. Já o Atlético de Madrid mantém-se em grande forma já desde o início da temporada, chegando aqui com o 2º melhor registo defensivo desta Liga Milionária, sendo o PSG o melhor, com apenas 1 golo sofrido em toda a prova.

Para chegar aqui, o PSV começou por fazer parte do Grupo B, juntamente com o Wolfsburg, Manchester United e CSKA Moscovo, tendo-se conseguido qualificar até esta eliminatória ao garantir o 2º lugar com 2 pontos a menos que os alemães, e 2 a mais que os ingleses, marcando presença nesta etapa da prova pela 1ª vez nos últimos 9 anos. Os Camponeses têm vindo a conseguir desempenhar uma boa campanha na competição caseira, onde apesar de terem sido postos fora dos quartos de final da Taça da Holanda pelo Utrecht, encontram-se na liderança da tabela de classificação geral da Eredivisie com 59 pontos, fruto de 18 vitórias, 5 empates e 1 derrota, com parciais de 62 golos marcados e 24 golos sofridos. Este conjunto orientado por Philip Cocu atravessa então uma grande forma, liderando o campeonato holandês com apenas 1 ponto de vantagem sobre o 2º classificado Ajax, apresentando o sector ofensivo mais eficaz da Eredivisie, sendo a defesa onde reside o seu maior problema, visto que têm sofrido alguns golos devido a erros individuais. No entanto, importa destacar que para além dos Camponeses chegarem aqui com um registo de 18 vitórias nos seus últimos 22 jogos competitivos, estes terão que enfrentar o poderoso Atlético de Madrid sem o seu melhor marcador Luuk de Jong, também melhor marcador da Eredivise com 17 tentos.

Nos seus últimos 5 jogos oficiais, PSV apresenta um histórico de 4 vitórias e 1 derrota. Esta sequência de resultados iniciou-se com uma vitória por 4-2 na recepção ao De Graafschap. Seguiu-se uma derrota por 1-3 na recepção ao Utrecht, em jogo a contar para a Taça da Holanda, uma vitória por 0-2 em terreno do Utrecht, uma vitória por 0-3 em terreno do NEC, e na última jornada, uma vitória por 2-0 na recepção ao Heracles Almelo. Andrés Guardado e Maxime Lestienne são baixas confirmadas, por lesão, enquanto que Luuk de Jong ficará a cumprir castigo.

Onze Provável: Zoet – Arias, Bruma, Moreno e Brenet – Propper, Hendrix e Ginkel – Narsingh, Locadia e Pereiro.

Liga dos CampeõesAtlético de Madrid, por sua vez, chegou a esta etapa da prova como líder do Grupo C, constituído pelo Benfica, Galatasaray e Astana, qualificando-se com 3 pontos de vantagem sobre o 2º classificado Benfica, e apresentando o 2º melhor registo defensivo da fase de Grupos desta Liga dos Campeões, tendo cedido apenas 3 tentos, tendo o melhor conjunto sido o PSG, que cedeu apenas 1. Já na temporada caseira, apesar de já estar fora da Taça do Rei ao ser eliminado nos quartos de final pelo Celta de Vigo, os Indios ocupam o 2º lugar na tabela de classificação geral com 55 pontos, fruto de 17 vitórias, 4 empates e 4 derrotas, com parciais de 35 golos marcados e 11 golos sofridos. Apesar de se encontrarem em 2º lugar, os homens orientados por Diego Simeone contam com apenas 1 ponto de vantagem sobre os vizinhos Real Madrid, tendo também vindo a perder o ímpeto nos encontros mais recentes, e com o empate da última jornada, os Colchoneros ficaram agora a 8 pontos do líder Barcelona. Este é um jogo onde o melhor sector defensivo de Espanha tem pela frente o melhor ataque da Holanda, sendo de esperar que os Indios procurem um resultado positivo para trazerem a eliminatória controlada para Espanha.

Nos seus últimos 5 jogos oficiais, o Atlético de Madrid apresenta um histórico de 2 vitórias, 1 empate e 2 derrotas. Esta sequência de resultados iniciou-se com uma derrota por 2-3 na recepção ao Celta de Vigo, em jogo a contar para a Taça do rei. Seguiu-se uma derrota por 2-1 em terreno do Barcelona, uma vitória por 3-1 na recepção ao Eibar, uma vitória por 0-1 em terreno do Getafe, e na última jornada, um empate por 0-0 na recepção ao Villarreal. Tiago, Augusto Fernández, Thomas Partey e Yannick Carrasco são baixas confirmadas, todos lesionados.

Onze Provável: Oblak – Juanfran, Giménez, Godín e Luis – Óliver Torres, Gabi, Ñiguez e Koke – Griezmann e Fernando Torres.

Em toda a história existiram apenas 2 confrontos directos, tendo o Atlético de Madrid vencido ambos.

Atlético Madrid
2-1
PSV
LC 2008/09
PSV
0-3
Atlético Madrid
LC 2008/09

É de esperar um jogo renhido entre dois conjuntos com bastante qualidade e muita técnica presente nos seus plantéis. O PSV adopta um estilo de jogo mais ofensivo e ousado, no entanto, enfrenta a maior muralha defensiva de Espanha, posto isto, prevê-se que os Colchoneros aproveitem os erros tácticos do seu oponente para partir para o ataque, podendo também explorar o espaço nas costas da defensiva holandesa, uma das suas especialidades. Portanto, antevê-se que o Atlético de Madrid consiga levar esta eliminatória controlada para Espanha.

Prognóstico Odd Casa Erro
Vitória do Atlético de Madrid 1.90 Betrally
psv
PSV
  • País: Holanda
  • Estádio: Philips Stadium
  • Cidade: Eindhoven
  • Fundação: 1913

Ver ficha completa

atle de madrid
Atlético de Madrid
  • País: Espanha
  • Estádio: Vicente Calderón
  • Cidade: Madrid
  • Fundação: 1903

Ver ficha completa

Fabio Mota
Fabio Mota
  • Próg. realizados 1773
  • Média Odds usadas 1.83
  • Próg. certos 929
  • Próg. errados 755
comments powered by Disqus

Últimos jogos