A duas jornadas do final da Primeira Liga, falta apenas decidir qual será o campeão, o último relegado e o último qualificado para a Liga Europa. No top-3 é já sabido que ficarão Benfica, Porto e Sporting, com os dois primeiros ainda em luta pelo título, enquanto que os Leões têm já para si garantido o 3º lugar. Na 4ª e 5ª posições, já definidas, classificam-se o SC Braga e o Vitória de Guimarães, também já com o apuramento europeu garantido, enquanto que existem ainda cinco equipas em luta pela 6ª e última posição de qualificação europeia. No último lugar classifica-se o Penafiel, já sem volta a dar, e no penúltimo para já classifica-se o Gil Vicente mas pode ainda trocar de lugar com o Vitória de Setúbal ou o Arouca, 16º e 15ºs, respectivamente.

1 Benfica 81 32  Liga dos Campeões
2 FC Porto 78 32  Liga dos Campeões
3 Sporting 70 32  Liga dos Campeões – Playoff
4 SC Braga 55 32  Liga Europa
5 V. Guimarães 51 32  Liga Europa – Playoff
6 Paços Ferreira 44 32  Liga Europa – 3ª Pré-eliminatóira
7 Belenenses 44 32  
8 Rio Ave 43 32  
9 Nacional 41 32  
10 Marítimo 41 32  
.
.
.
15 Arouca 28 32  
16 V. Setúbal 26 32  
17 Gil Vicente 23 32  
18 Penafiel 19 32  Despromovido

Ao olharmos para a tabela classificativa alcançamos então que, dos lugares de qualificação europeia, apenas o último, onde para já se classifica o Paços de Ferreira, está ainda por definir. Para esta posição encontramos ainda na luta o Belenenses, o Rio Ave, o Nacional da Madeira e o Marítimo, todos num espaçamento pontual entre os 41 e os 44 pontos. Apesar de em vantagem pontual perante a restante concorrência, nem o Paços de Ferreira nem o Belenenses se podem considerar favorecidos visto que, nas duas próximas jornadas, os primeiros recebem a Académica e deslocam-se à Choupana, enquanto que os Azuis do Restelo recebem o FC Porto e deslocam-se ao terreno do Gil Vicente. Também o Rio Ave, que se desloca ao reduto do Marítimo para depois receber o Sporting, na última jornada, não se pode gabar de facilidades. Já o Marítimo, que recebe ainda o Rio Ave para depois terminar o campeonato em casa do Benfica, é mais um com as contas dificultadas, enquanto que o Nacional da Madeira, deslocando-se para já ao reduto do Boavista e, na última jornada, recebendo o Paços de Ferreira, é provavelmente aquele que mais luta dará aos Castores, actuais ocupantes do lugar.

Já no fundo da tabela, o Penafiel já nada pode fazer para além de cumprir calendário mas Gil Vicente, Vitória de Setúbal e Arouca lutam ainda para escapar à despromoção. Mais desafogado, ao Arouca basta apenas um ponto para que garanta a continuidade nesta Primeira Liga mas para isso terá que se fazer notar ou na deslocação a Setúbal ou na recepção ao Moreirense, jogos que são já sabidos difíceis. O Vitória de Setúbal, para além da recepção ao Arouca, onde pontuar também os livrará da descida, tem ainda uma quase impossível deslocação ao terreno do SC Braga para terminar o campeonato. Já o Gil Vicente, sendo aquele que se vê em pior situação, precisa quase obrigatoriamente de vencer nas próximas duas jornadas, continuando ainda assim a depender de resultados alheios. Ainda assim são também os que têm o calendário, à partida, mais simplificado, visto que se deslocam a Penafiel na próxima jornada e terminarão o campeonato a receber o Belenenses.

Boas Apostas!