Menu
  • 07 junho
  • 20:45
  • Bet365

Portugal – Rússia (Qualificação Mundial 2014)

Jogo fundamental para as aspirações da seleção portuguesa, que precisa de vencer para continuar a acreditar na presença no Mundial do Brasil. Os russos lideram o Grupo F com quatro vitórias nos quatro jogos disputados, enquanto Portugal já jogou seis partidas, tendo três vitórias, dois empates e uma derrota. Em causa, para os portugueses, está a confirmação do segundo lugar, à frente de Israel, para além de ter a necessidade de ser um dos oito melhores segundos classificados para conseguir disputar o playoff de acesso.

Portugal vive uma dolorosa fase de transição na sua seleção, tendo grandes carências em várias posições e não encontrando no estilo de jogo adotado nos últimos anos uma boa resposta para suprir essas fragilidades. Apesar de contar com Cristiano Ronaldo, um dos melhores jogadores do mundo, a equipa orientada por Paulo Bento não tem encontrado a melhor forma de aproveitar as suas capacidades. Ronaldo costuma ocupar a faixa esquerda do ataque, tendo total liberdade para surgir em qualquer espaço do ataque. No entanto, com Hélder Postiga em constante crise de confiança e Nani (ou Silvestre Varela) apagados na faixa contrária, começa a ser urgente repensar este trio. O mesmo se passa no meio-campo, onde a aposta de Paulo Bento em Miguel Veloso, Raul Meireles e João Moutinho parece longe de poder render a agressividade e intensidade que um 4-3-3 necessita para assegurar vitórias ao mais alto nível. A possibilidade de vermos André Martins, por exemplo, como titular, parece ínfima. No entanto, o jovem médio do Sporting parece reunir a velocidade e criatividade que tem faltado nessa zona do terreno. Na defesa, perante a ausência de Pepe, será Luís Neto a ocupar a faixa central, ao lado de Bruno Alves, seu colega no Zenit.

Com a necessidade absoluta de vencer, Paulo Bento deverá pedir aos seus jogadores que segurem a bola, procurando desfazer a solidez defensiva dos russos, que ainda não sofreram qualquer golo nesta fase de qualificação. Para que isso seja possível, é mesmo preciso que os jogadores mais adiantados da equipa portuguesa estejam inspirados. Ou então, o Mundial será uma coisa para ver, apenas, na televisão.

Onze provável: Rui Patrício – João Pereira, Luís Neto, Bruno Alves, Fábio Coentrão – Raul Meireles, Miguel Veloso, João Moutinho – Nani, Hélder Postiga, Cristiano Ronaldo.

mundial 2014Viagem confortável para a Rússia até ao Estádio da Luz, preparados que estão para fazer esquecer a sua última viagem até Lisboa, quando perderam por 1-7 no Estádio de Alvalade. Agora, são eles quem está no controlo da situação, tendo batido o conjunto português em casa e assistido, da poltrona, a duas escorregadelas da equipa lusitana frente a adversários mais frágeis. Ainda assim, para Fabio Capello, este jogo tem ainda um caráter essencial, já que uma vitória aqui afastará quaisquer dúvidas que possam resistir sobre a vitória russa neste grupo. Da lista inicial de convocados, de registar o afastamento de Kokorin, por lesão, sendo que o técnico italiano tem consigo dois jogadores que, logo após o jogo, viajarão para Israel, de maneira a juntarem-se à seleção de Sub-21: Alan Dzagoev, uma das estrelas da equipa russa, e Fyodor Smolov, melhor marcador dos Sub-21 na fase de qualificação para o Europeu e avançado de reserva na partida da Luz. A Rússia tem crescido bastante nos últimos anos, mostrando uma personalidade bem forte e um estilo de jogo muito organizado. A velocidade utilizada pelos jogadores das faixas e a habilidade de Kerzhakov – que irá ser um perigo para a dupla de centrais portuguesa, sobretudo explorando os espaços de um Portugal balanceado no ataque – criam grandes perigos para o adversário. Defensivamente, a experiência de jogadores como Ignashevich e os irmãos Berezutsky tornam o último reduto russo muito difícil de bater. Na baliza, Akinfeyev ampara os poucos golpes que conseguem ultrapassar o muro defensivo. Para quem tenha dúvidas, uma rápida espreitadela ao jogo de preparação com o Brasil, quando os russos apagaram as estrelas brasileiras e garantiram o empate a uma bola.

Onze provável: Akinfeyev – Anyukov, Ignashevich, V.Berezutsky, Kombarov – Denisov, Shirokov, Bystrov – Dzagoev, Faizulin – Kerzakhov.

Desde a fragmentação da União Soviética, Portugal e Rússia disputaram quatro encontros, com Portugal a vencer os primeiros dois, ambos em Lisboa, em 2004, num jogo do Euro, e, poucos meses depois, na fase de qualificação para o Mundial 2006. Nas outras duas partidas, disputadas em solo russo, Portugal não conseguiu vencer.

Rússia 1-0 Portugal  WC2014 UEFA
Rússia 0-0 Portugal  WC2006 UEFA
Portugal 7-1 Rússia  WC2006 UEFA
Rússia 0-2 Portugal  Euro 2004

Num jogo de tudo ou nada para os portugueses, a bola estará do lado de Cristiano Ronaldo e companhia. Apesar das tremendas dificuldades – a Rússia é, agora, uma equipa em quase tudo superior à portuguesa -, acredito que a seleção portuguesa possa garantir uma vitória que a mantenha viva a caminho do Brasil. O empolgamento do público e a capacidade portuguesa de dar a volta nos momentos mais exigentes serão a chave para alcançar esse resultado positivo.

A Bet365 oferece-lhe 50€ de bónus para apostar neste jogo: http://bitly.com/50eurbonus

Prognóstico Odd Casa Sucesso
Resultado final: Portugal 1.83 Bet365
portugal
Portugal
  • País: Portugal
  • Estádio:
  • Cidade: Lisboa
  • Fundação: 1914

Ver ficha completa

russia
Rússia
  • País: Rússia
  • Estádio:
  • Cidade: Moscovo
  • Fundação: 1992

Ver ficha completa

Luís Cristóvão
Luís Cristóvão
  • Próg. realizados 2880
  • Média Odds usadas 2.15
  • Próg. certos 1352
  • Próg. errados 1487
comments powered by Disqus

Últimos jogos