Menu

A Bet.pt oferece-te um bónus de25€ grátis para este jogo!

Olympiakos – FK Krasnodar (Liga dos Campeões)

O Olympiakos de Pedro Martins, José Sá, Rúben Semedo e Daniel Podence mede forças com o FK Krasnodar, “carrasco” do Porto na eliminatória anterior. A eliminatória entre gregos e russos arranca esta quarta-feira (21), em Atenas, capital da Grécia

Depois de uma temporada ausente da prova de clubes mais importante da Europa, o Olympiakos ambiciona regressar à fase de grupos da Liga dos Campeões. Para alcançar esse objetivo, a equipa ateniense que continua a ser orientada por Pedro Martins precisa de se superiorizar ao FK Krasnodar, derradeiro adversário nesta etapa preliminar da competição. Para chegar a esta fase da etapa de qualificação, o Olympiakos começou por afastar o Viktoria Plzen. Na eliminatória com os checos, após um empate sem golos fora de portas num encontro em que até fez o suficiente para vencer, o Olympiakos soube impor-se categoricamente no Pireu ao levar a melhor por quatro bolas a zero – Guilherme, Guerrero, Rezník (auto-golo) e Rúben Semedo deram expressão ao marcador. A terceira pré-eliminatória ditou um duplo embate com o Basaksehir e o Olympiakos levaria a melhor em ambos os desafios. Na primeira mão, disputada em solo turco, Giorgos Masouras fez o único golo da partida, mas o grande destaque foi para o guardião português José Sá que, já para lá dos 90, defendeu uma grande penalidade. Já no segundo desafio, disputado em Atenas, houve outro jogador “luso” a brilhar – Rúben Semedo, autor do primeiro de dois golos do Olympiakos que encerraria a vitória com um golo de Valbuena na conversão de uma grande penalidade. Ao cabo de 360 minutos de futebol “milionário”, o Olympiakos ainda não sofreu golos, algo digno de registo.

O Olympiakos ainda não se estreou seu campeonato doméstico, pelo que contabiliza apenas quatro encontros oficiais até à data. Pela primeira vez nesta fase preliminar da Liga dos Campeões, o Olympiakos vai disputar a segunda mão de uma eliminatória fora de portas. Sobejamente conhecido pelas suas boas prestações caseiros, o coletivo grego quer viajar até à Rússia em vantagem.

Onze Provável: José Sá, Omar Elabdellaoui, Rúben Semedo, Yassine Meriah, Kostas Tsimikas, Guilherme, Valbuena, Bouchalakis, Podence, Masouras, Guerrero

Liga dos CampeõesO FK Krasnodar provocou um dos maiores choques nesta fase preliminar da Liga dos Campeões ao bater o Porto na eliminatória anterior. Como se levar de vencida uma das duas melhores equipas em cena nesta etapa da competição (a par do Ajax) não fosse suficiente, a formação russa fê-lo de forma totalmente inesperada, uma vez que foi ao Dragão recuperar após a derrota por uma bola a zero em casa. Depois de uma primeira mão em que o Krasnodar passou a sensação de se ter deixado dominar pelo nervosismo, protagonizando uma exibição “tímida” na sua zona de conforto, os papéis inverteram-se e a equipa russa soube aproveitar a ansiedade portista. O facto de ter marcado logo aos três minutos ajudou, o aumento da vantagem aos 12 contribuiu para o aumento da confiança e que dizer do 0-3 aos 34 minutos, “bis” de Suleymanov que permitiu estabelecer o resultado que se registaria ao intervalo. O Porto tinha uma parte para fazer três golos a atuar perante os seus adeptos e ainda marcou por duas vezes, mas a entrada em falso e a ineficácia ofensiva apresentada pelos “dragões” deixaria a formação soviética a sorrir. Da eliminatória com o Porto fica também a sensação de uma equipa com várias fragilidades do ponto de vista defensivo, fragilidades essas que só não foram melhor aproveitadas na primeira mão por desacerto dos dianteiros portistas.

Ainda sem ter enfrentando outro adversário nesta época oficial que não o Porto, o Krasnodar já disputou seis desafios para o campeonato russo. Apesar de se ter estreado com uma derrota no terreno do Akhmar Grozny, nos restantes jogos, o Korasnodar venceu o Ufa (2-3), o Schi (3-0), o Rubin Kazan (1-0), o Tambov (0-2) e empatou no terreno do Zenit (1-1).

Onze Provável: Safonov, Petrov, Martinovich, Spajic, Ramírez, Kambolov, Vilhena, Cabella, Wanderson, Suleymanov, Berg

O Olympiakos espera manter a consistência apresentada na eliminatória anterior e seguir para a Rússia em vantagem na eliminatória, ao passo que o Krasnodar, confiante pela vitória no Dragão, dará muito trabalho aos atenienses.

Prognóstico Odd Casa Sucesso
Olympiakos ou Empate e Mais de 1.5 Golos 1.67 Bet.pt
olympiakos
Olympiakos
  • País: Grécia
  • Estádio: Karaiskákis
  • Cidade: Piraeus
  • Fundação: 1925

Ver ficha completa

FK Krasnodar logo
FK Krasnodar
  • País: Rússia
  • Estádio:
  • Cidade: Krasnodar
  • Fundação: 2008

Ver ficha completa

Afonso Canavilhas
  • Próg. realizados 2366
  • Média Odds usadas 1.74
  • Próg. certos 1280
  • Próg. errados 1004
comments powered by Disqus

Últimos jogos