Menu

Oklahoma City Thunder – Houston Rockets (NBA Playoffs)

Sem surpresa, os Oklahoma City mostraram-se muitíssimo superiores aos Houston Rockets, não dando qualquer hipótese no primeiro encontro da eliminatória. Com o marcador a assinalar um 120-91, vale a pena procurar as razões para tão grande diferença.

Os Oklahoma City Thunder dominaram desde o início do encontro, começando a construir um elevado score graças às boas exibições do seu “Big Three”, composto por Kevin Durant, Russell Westbrook e Serge Ibaka. 24, 19 e 17 pontos, um acerto próximo da perfeição na linha de lance livre, ressaltos, assistências. A juntar a este trio, Kevin Martin, um dos melhores sextos jogadores da liga, somou mais 16 pontos à soma dos Thunder. Tudo correu pelo melhor na primeira noite, com a equipa de Scott Brooks a reduzir o ataque dos Rockets à insignificância. Isto permitiu que o técnico de Oklahoma City pudesse rodar todos os seus jogadores, dando minutos a quem estava no banco. O que pode fazer Brooks para melhorar? Não grande coisa. A equipa dos Thunder terá que manter este mesmo nível, sabendo da sua superioridade e não deixando que o adversário possa aproveitar qualquer relaxamento para conseguir surpreender.

nba playoffsNos Houston Rockets, James Harden deve estar a sentir-se muito só. Depois de um início de época prometedor, os Rockets perderam alguma da intensidade e terminaram a fase regular em oitavo lugar da Conferência Oeste. Para piorar, a entrada nos playoffs revelou uma equipa ausente, incapaz de criar dificuldades ao seu adversário. Jeremy Lin esteve muito apagado, Omer Asik foi reduzido a um papel banal e Chandler Parsons não foi capaz de dar a ajuda no marcador que lhe foi habitual durante a fase regular. A equipa terminou o jogo com apenas 36% de aproveitamento no lançamento, ficando muito aquém daquilo que é exigido a uma equipa que chega a esta fase, ainda para mais sem lhe serem feitas nenhumas exigências. Será isso mesmo que Kevin McHale deverá ter dito aos seus jogadores: não há nada a perder. Não adianta o nervosismo, nem a pressa, nem o lançamento mal preparado. Fundamental é manter a concentração e procurar dar o melhor. Para Lin, é realmente muito difícil encontrar espaço perante a agressiva defesa dos Thunder, por isso Patrick Beverley teve muitos bonitos no primeiro encontro e arrisca-se a ter ainda mais no resto da eliminatória. Harden terá que juntar qualidade ofensiva a qualidade defensiva, sacrificando-se pelo seu grupo. E no jogo interior, Omer Asik terá que ter mais ajuda, seja de Greg Smith, seja de Terrence Jones. No fundo, os Rockets sabem que não terão hipóteses de continuar na competição, mas precisam de aproveitar esta oportunidade para crescer e aprender alguma coisa para o seu futuro como equipa.

Em suma, os Rockets são demasiado frágeis e imaturos para defrontar uma equipa de Oklahoma que já passou por este mesmo processo e é agora um conjunto preparado para ir até às Finais e dar luta a qualquer adversário.

Nos quatro encontros entre Thunder e Rockets, a equipa de Oklahoma venceu sempre, o que parece certo que voltará a acontecer esta madrugada. De qualquer maneira, espera-se algum tipo de reação dos Rockets, de forma a que o jogo possa a ser mais disputado e, quem sabe com Harden e Parsons em bom nível, possam fazer com que os Thunder tenham uma vitória bem mais curta do que no primeiro jogo.

A Bet365 oferece-lhe 50€ de bónus para apostar neste jogo: http://bitly.com/50eurbonus

Prognóstico Odd Casa Erro
Handicap: Thunder -7.5 1.52 Bet365
Oklahoma City Thunder
Oklahoma City Thunder
  • País: Estados Unidos
  • Estádio:
  • Cidade: Oklahoma
  • Fundação: 1967

Ver ficha completa

houston rockets
Houston Rockets
  • País: Estados Unidos
  • Estádio:
  • Cidade: Houston
  • Fundação: 1967

Ver ficha completa

Luís Cristóvão
Luís Cristóvão
  • Próg. realizados 2838
  • Média Odds usadas 2.16
  • Próg. certos 1332
  • Próg. errados 1465
comments powered by Disqus

Últimos jogos