Menu

Novak Djokovic – Rafael Nadal (World Tour Finals)

A primeira semifinal a ficar fechada na edição de 2015 das World Tour Finals recupera a maior rivalidade do ténis. Mas dada a temporada espetacular do número um mundial custa a acreditar que Nadal esteja em condições de o eliminar, apesar da excelente forma como se apresenta neste final de época.

Novak Djokovic é o número mundial e venceu quase tudo esta temporada, à exceção do Roland Garros. Curiosamente, foi no Major de Paris que o sérvio enfrentou pela primeira vez Rafael Nadal, nos quartos de final, há nove temporadas. Assim começava a maior rivalidade do ténis, pelo menos ao nível da quantidade de confrontos. Esta semifinal será a quadragésima sexta ocasião que se cruzam em court. No início era o espanhol que estava no auge mas nos anos mais próximos Djokovic tem conseguido encurtar as distâncias. Nadal continua a ter vantagem – vinte e três contra vinte e duas vitórias – apesar de já não vencer o rival há mais de um ano. A última vez que saiu vencedor de um destes duelos foi no Grand Slam de Paris de 2014 mas o último triunfo fora da sua superfície de eleição, a terra batida, foi já há dois anos, no Open dos Estados Unidos (6-2, 3-6, 6-4, 6-1).

2015 está a ser o melhor ano de sempre de Novak Djokovic, até ao momento, claro. Oito Masters e três Majors, só ficou mesmo a faltar Roland Garros, a pedra que lhe falta para completar o puzzle. Esta temporada esteve tão perto de vencer em Paris e finalmente completar, de uma assentada o Grand Slam – os quatro no mesmo ano – e o de carreira, sendo que já conquistou títulos em todos os outros. Mas Wawrinka roubou-lhe esse momento.

Depois da época a que assistimos talvez se esperasse mais dele na O2 Arena. É verdade que bateu Nishikori no primeiro jogo, em sets diretos (6-1, 6-1). Mas na partida com Roger Federer pareceu algo frustrado e reconheceu que lhe custou reagir à variação de jogo do suíço. Ora, Nole é o rei das respostas, precisamente pela capacidade de antecipação. A derrota (7-5, 6-2) deixou-o na posição de ter obrigatoriamente que ganhar o terceiro encontro, frente a Tomas Berdych. Foi bem-sucedido, e sem ter que recorrer a um terceiro parcial (6-3, 7-5) mas foi exigente.

Djokovic sagrou-se por quatro vezes campeão da Masters Cup, a primeira em 2008 a que somou as três últimas edições. Apesar do que se disse acima ninguém duvida que ele continua a ser o favorito a conquistar o Penta.

ATP FinalsRafael Nadal teve um ano para esquecer, ou pelo menos assim indicava até ao final do verão. Mas desde o Open dos Estados Unidos o espanhol, que muitos deram como acabado, parece estar a dar passadas seguras para voltar a ser uma força a ter em conta na elite do ténis mundial.

Talvez Rafa nunca volte a ser o que era mas o final de temporada que está a fazer deixa boas indicações para a próxima. Em Londres, apesar de este não ser o seu piso de eleição, tem estado imbatível. A vitória inicial, frente a Stan Wawrinka, foi uma boa indicação (6-3, 6-2) de que vinha com ambição. Na ronda seguinte Nadal conseguiu, porventura, o triunfo mais significativo da temporada, e até há poucos dias impensável. Superiorizar-se a Andy Murray, que está de novo a cem por cento, em piso rápido e diante do público londrino, é um feito impressionante (6-4, 6-1). Diante do compatriota David Ferrer, Rafa sentiu maiores dificuldades. É verdade que a qualificação já estava garantida mas a verdade é que os dois se conhecem muito bem e Ferrer nunca desiste. Foi duro, houve coisas que correram menos bem, mas a resistência do menorquino também parece estar de volta (6-7, 6-3, 6-4).

2015 Pequim Djokovic 2   6 6 F
Nadal 0 2 2
2015 Roland Garros Djokovic 3   7 6 6 QF
Nadal 0 5 3 1
2015 Monte Carlo Djokovic 2   6 6 SF
Nadal 0 3 3
2014 Roland Garros Nadal 3   3 7 6 6 F
Djokovic 1 6 5 2 4

A última vez que Nadal venceu Djokovic em piso sintético foi em 2013, na final do Open dos Estados Unidos.

Prognóstico Odd Casa Erro
Tie break na partida 2.45 Betrally
novakdjokovic
Novak Djokovic
  • País: Sérvia
  • Estádio:
  • Cidade:
  • Fundação:

Ver ficha completa

rafael nadal
Rafael Nadal
  • País: Espanha
  • Estádio:
  • Cidade:
  • Fundação:

Ver ficha completa

Justa Barbosa
Justa Barbosa
  • Próg. realizados 1821
  • Média Odds usadas 2.21
  • Próg. certos 764
  • Próg. errados 1034
comments powered by Disqus

Últimos jogos