Menu

Miami Heat – Los Angeles Clippers (NBA)

Este é um dos encontros possíveis da final da NBA deste ano, pelo que a viagem dos Los Angeles Clippers até Miami, em início de temporada, serve como interessante oportunidade para avaliar a forma como ambas as equipas encaixarão na outra. Num início de temporada algo atípico, onde apenas os Indiana Pacers não somaram qualquer derrota, os Miami Heat chegam a este jogo com três vitórias e duas derrotas – ambas fora de casa -, enquanto os Los Angeles Clippers contabilizam três vitórias e uma derrota – na abertura da Liga, frente aos Lakers.

Os Miami Heat mantém o mesmo desenho que os levou ao título no ano passado. A equipa depende, sobretudo, de LeBron James, o melhor jogador da Liga e cada vez mais capaz de viver uma época inteira em concentração máxima, com Dwayne Wade e Chris Bosh como seus fiés escudeiros e Mario Chalmers e Udonis Haslem a completarem o cinco inicial. Ray Allen é o sexto jogador, com muito mais tempo de utilização do que Haslem, por exemplo, enquanto Norris Cole, Shane Battier e Chris Andersen completam a rotação da equipa. A novidade Michael Beasley ainda só por uma vez foi utilizada, enquanto Greg Oden ainda não mereceu tal honra. Surpresa foi mesmo ver Roger Mason Jr surgir como titular na partida em que Wade ficou de fora, embora sem nada de nota a assinalar. Erik Spoelstra tem dado claros sinais daquilo que espera da sua equipa este ano. Uma organização defensiva bastante intensa, deixando pouco espaço para os seus adversários explorarem tempo de ataque, e que possa retirar pressão daquilo que os Heat podem fazer no ataque. Se em casa, esse esquema tem funcionado na perfeição, as más performances fora de casa prejudicam, e muito, os números defensivos da equipa.

NBA LogoOs Los Angeles Clippers serão, neste capítulo, a antítese dos Miami Heat, apresentando a defesa mais permissiva da Liga, mas compensando isso com o melhor ataque, obtendo uma diferença entre pontos marcados e sofridos mais favorável do que os seus adversários desta noite. A derrota no jogo de abertura parece ter servido de lição para uns Clippers que, desde aí, demonstram uma voragem ofensiva quase impossível de parar. Chris Paul apresenta, por agora, uma média de 13.3 assistências por jogo, sendo também o melhor marcador da equipa. Jamal Crawford e JJ Redick estão incríveis na forma como adicionam pontos à Lob City, que espera conseguir tirar mais e mais da sua rotação interior. Blake Griffin e DeAndre Jordan complementam-se defensiva e ofensivamente, podendo inclusive ganhar alguma vantagem no confronto direto com os Heat, no jogo interior, mas com Chris Andersen a ser chamado a campo, será preciso que Byron Mullens ou Ryan Hollins se mostrem muito mais capazes do que vêm provando – devia haver uma aposta só para isto!

Num frente-a-frente de desequilíbrios, os Miami Heat deverão impor a sua pressão sobre Chris Paul, tentando conter defensivamente os atiradores de LA. LeBron James poderá defender Blake Griffin, tentando, com isso, igualar o poder físico do jogador dos Clippers. A capacidade do jogo interior de DeAndre Jordan pedirá, seguramente, uma rotação elevada entre Chris Bosh, Chris Andersen e, eventualmente, Joel Anthony. No entanto, para ganharem este jogo, os Clippers também terão que saber defender. E esse parece ser um problema bem mais difícil de ultrapassar neste momento.

A Bet365 oferece-lhe 50€ de bónus para apostar neste jogo: http://bitly.com/50eurbonus

Prognóstico Odd Casa Sucesso
Menos de 210.0 pontos 1.90 Bet365
Luís Cristóvão
Luís Cristóvão
  • Próg. realizados 3067
  • Média Odds usadas 2.13
  • Próg. certos 1442
  • Próg. errados 1588
comments powered by Disqus

O jogo a dinheiro real só é permitido a pessoas com mais de 18 anos de idade. Seja responsável e jogue com moderação. Neste site promovemos o jogo como uma actividade de entretenimento. É extremamente importante que jogue de uma forma responsável. Saiba mais na página jogo responsável.