Daehli nasceu em Oslo mas passou 2 anos da sua infância em Londres. Quando voltou à Noruega evoluiu no Lyn até 2010, altura em que o clube faliu. Nesse mesmo ano transferiu-se para o Stabaek para representar a equipa de reservas na 2ª divisão, o que corresponde ao terceiro escalão norueguês. Voltou a jogar pelo Lyn antes de rumar ao Manchester United.

Aos 12 anos foi descoberto por um olheiro que o recomendou ao clube inglês, onde rumou em Fevereiro de 2011. Pelo meio treinou várias vezes em Manchester, tendo assinado o contrato em Novembro de 2010.

O norueguês assinou um contrato profissional com o United quando completou 17 anos, estreando-se pela equipa de reservas em Março de 2012, na derrota por 1-0 frente às reservas do West Brom. Daeli foi contratado para os Sub-18 e foi lá que mostrou todo o seu potencial. Em Maio recebeu o prémio de Melhor Jogador da academia pela impressionante época que realizou.

O percurso no Manchester United não atingiu o nível que o norueguês desejava e em Julho de 2013 regressou à Noruega para assinar um contrato de dois anos e meio com o Molde, orientado por um dos seus maiores ídolos, Ole Gunnar Solskjaer. O clube inglês ficou com opção de recompra que acabou por não exercer. No clube norueguês só somou 12 presenças das quais podemos destacar os 91% de eficácia de passes nos primeiros 8 jogos. O pequeno viking conquistou a Taça da Noruega frente ao Rosenborg antes de acompanhar Solskjaer para o Cardiff em Janeiro de 2014.

Daehli foi utilizado em 13 jogos na Premier League onde jogou maioritariamente descaído para uma das faixas. Estreou-se no dia 25 de Janeiro em jogo a contar para a 4ª ronda da FA Cup frente ao Bolton que ditou a vitória da sua equipa por 1-0.

Na corrente época já leva 7 jogos na Championship, contando com 2 assistências. Na League Cup já somou 2 jogos. O ponto mais alto desta época aconteceu na 1ª jornada da fase de qualificação para o Euro 2016. Daehli alinhou os 90 minutos na derrota por 2-0 frente à Itália e foi dos jogadores mais irreverentes.

Coroa

Mats Daehli é uma das novas coroas norueguesas. O pequeno médio-ofensivo rompe com a ideia tradicional do jogador nórdico alto, tosco e forte fisicamente. O jovem de 19 anos é baixo, evoluído tecnicamente e ágil.

Mats Møller Dæhli no Manchester United

Mats Møller Dæhli passou nos escalões de formação do Manchester United, mas achou melhor sair para crescer

O seu caminho nas selecções da Noruega começou em 2010 nos Sub-15. Num torneio frente a Espanha, França e Holanda, Daehli foi considerado o melhor jogador do torneio.

Em Agosto de 2012, em virtude de ter sido chamado à equipa de reservas do Manchester United, decidiu fazer uma pausa nos jogos internacionais para que pudesse reduzir o número de jogos e continuar a evoluir conforme o planeado. Depois da paragem, Daehli foi chamado ao Sub-19 mas não tardou muito a subir de patamar.

Com 17 anos estreou-se nos Sub-21 em Fevereiro de 2013.

Em Novembro de 2013, com apenas 18 anos, alcançou a sua primeira internacionalização na selecção principal num amigável frente à Dinamarca.

Daehli é um jovem extremamente talentoso e capaz de jogar como organizador ou nas faixas. Rápido, imprevisível e dinâmico. Estas são algumas das características que distinguem o norueguês. Com uma personalidade bastante vincada, o extremo do Cardiff gosta de arriscar em situações de 1×1 e apresenta uma grande capacidade técnica e confiança. Mats sabe segurar bem a bola e temporizar pelo melhor momento para a soltar, descobrindo os companheiros com passes de ruptura. Com uma excelente visão de jogo e qualidade de passe é uma mais-valia nos processos ofensivos. Sabe pautar e dar ritmo ao jogo, isto é, possui uma boa capacidade de leitura táctica, sabendo acelerar quando é preciso.

Quando joga como extremo-esquerdo procura muito o jogo interior, algo que não se verifica na direita, onde oferece profundidade e verticalidade ao seu corredor. Na posição de organizador recorre à sua qualidade técnica para desequilibrar e abrir espaços entre os defesas contrários.

Precisa de evoluir fisicamente e a nível de intensidade para poder jogar em ambientes mais competitivos. As suas acções defensivas também devem ser alvo de melhorias.

O norueguês precisa de encontrar o seu espaço no Cardiff para se poder afirmar e voltar a pisar os maiores palcos do futebol europeu. Com 19 anos e qualidade evidente Daehli tem condições para marcar uma geração e ser uma referência de futuro, dando início a um novo ciclo no futebol nórdico com jogadores talentosos tecnicamente e inteligentes tacticamente.

Ficha Técnica

Nome: Mats Møller Dæhli

Clube: Cardiff City Football Club

Nacionalidade: Noruega

Nascimento: 1995-03-02 (19 anos)

Posição: Extremo-Esquerdo

Pé: Direito

Altura: 177 cm

Peso: 67 kg

Boas Apostas!