Com apenas 15 anos de idade, Martin Ødegaard tem arrastado multidões de adeptos e olheiros à terra do sol da meia-noite.

A paixão de Martin pelo Stromsgodset é hereditária. O seu pai, Hans Erik Ødegaard, também actuou como médio da equipa norueguesa. Com apenas 14 anos o prodígio nórdico treinou à experiência no Bayern Munique e Manchester United mas a escola falou mais alto e Martin acabou por permanecer em Drammen.

Em Dezembro completou 15 anos e passou a figurar na equipa principal do Sromsgodset, estreando-se em Abril, na 3ª jornada da Tippeligaen 2014 frente ao Aalesund FK. O mais jovem de sempre a actuar no principal escalão norueguês entrou aos 72 minutos quando o resultado estava 0-0 e só precisou de 18 minutos para mostrar a sua qualidade. A sua equipa acabou por vencer por 2-0 e ele desenhou a jogada do 2º golo. Pouco tempo depois assinou um contrato válido por duas temporadas.

Solidão nórdica

No Inverno norueguês só os fortes sobrevivem. Um campeonato que individualmente tem vindo a crescer mas que colectivamente continua estagnado. Martin Ødegaard conseguiu romper com a monotonia e solidão existente e promete derreter o gelo nórdico.

Da escuridão e do frio surgiu uma das maiores promessas do futebol mundial. No BI apresenta 15 anos mas coloca em campo uma maturidade rara para a idade. Foram precisos poucos jogos para agarrar a titularidade e deixar os adeptos do futebol pregados à televisão ou às cadeiras do estádio. Soma 16 jogos, 3 golos marcados e 5 assistências. Em termos internacionais começou pela selecção Sub-16, passou pelos Sub-15 e de Fevereiro a Setembro alinhou nos Sub-17, Sub-21 e estreou-se pela selecção principal, tornando-se o norueguês mais jovem de sempre a representar a Noruega com 15 anos e 253 dias.

Martin, o pequeno génio

Messi é a grande referência de Martin o que se compreende pela genialidade de ambos. A estatura física do pequeno norueguês, a forma como conduz a bola com o seu pé esquerdo e a maneira como consegue criar os seus próprios espaços transporta-nos para a realidade e o mundo do craque do Barcelona.

Ødegaard tem vindo a queimar etapas e fá-lo porque tem qualidade suficiente para se apresentar neste ambiente competitivo. O talento precoce de Martin faz com que seja um dos jogadores mais cobiçados actualmente mas aparenta estar rodeado de pessoas responsáveis e que sabem gerir de forma sustentada o seu desenvolvimento e a sua carreira que ainda agora dá os primeiros passos.

Um 10 que pensa como extremo

Longe de ser um prodígio em termos físicos, Martin consegue compensar essa lacuna com as suas capacidades técnicas e tácticas.

Trata-se de um jogador veloz com e sem bola, inteligente tacticamente e com um talento ímpar no que toca à técnica. Pode actuar nas faixas mas é no meio onde o seu talento mais rende. Parte do corredor central para os espaços nas laterais ou para aparecer nas zonas de finalização. Martin é conhecido pela sua criatividade, pragmatismo e objectividade nas manobras ofensivas.

Sente-se confortável quando tem de assumir o jogo e carregar a equipa às suas costas. Arrisca nas jogadas individuais sem medo de perder os lances. Um jogador que aos 15 anos não apresenta quaisquer problemas em lidar com pressão, alinhando numa posição central de muitos modelos de jogo.

Apresenta uma velocidade de pensamento e execução muito acima da média. Consegue rapidamente sair de zonas de pressão, recorrendo à sua capacidade de aceleração e drible. A facilidade com que conduz as acções ofensivas e transporta o jogo da sua equipa no momento ofensivo é digna de um 10 de referência.

A visão táctica e a leitura de jogo são outras das características mais relevantes de Martin. O jovem nascido em 1998 tem a capacidade para romper nos espaços, arrastando consigo a marcação adversária para depois com um passe tirado da cartola isolar os seus companheiros. Este é um movimento muito típico do norueguês. Parte da direita para o meio para depois passar na diagonal para o espaço deixado entre o central e o lateral.

Se é verdade que os génios não se medem aos palmos também podemos constatar que não os devemos medir pela idade. Martin Ødegaard atingiu um patamar que poucos sonharam pisar com apenas 15 anos. Será interessante ver até onde pode chegar o jovem Martin mas para já sabemos que é dos jogadores com maior potencial da actualidade. 15 anos de pouco futebol mas de muita qualidade.

Ficha Técnica

Nome: Martin Ødegaard
Clube: Stromsgodset IF
Nacionalidade: Norueguesa
Nascimento: 1998-12-17 (15 anos)
Posição: Médio Ofensivo
Pé: Esquerdo
Altura: 170 cm
Peso: 60 kg

Boas Apostas!