Menu

Marrocos – África do Sul (CAN 2013)

Jogo decisivo para Marrocos e África do Sul na terceira e última jornada do Grupo A da Taça das Nações Africanas. Enquanto para os sul-africanos até uma derrota pode servir para passar aos quartos-de-final (caso Cabo Verde e Angola empatem na outra partida), Marrocos precisa de uma vitória para não depender de ninguém o seu apuramento. Assim, enquanto a África do Sul poderá voltar a uma organização mais calculista, os marroquinos precisam de fazer tudo para vencer este jogo.

A presença de Younés Belhanda no onze marroquino não pareceu trazer uma significativa melhoria ao futebol marroquino, que apresentou as mesmas qualidade e defeitos nos dois empates conseguidos frente a Angola e Cabo Verde. Uma equipa com capacidade de organização no setor defensivo, com muita criatividade no meio-campo ofensivo e fortes lacunas na frente de ataque. A juntar a isso, a falta de espírito coletivo, o que foi evidente em ambas as partidas, apenas ultrapassada no período inicial do jogo contra Angola e no período final do jogo contra Cabo Verde.

El Arabi continua fora das contas do técnico Rachid Taoussi para o onze inicial, preferindo utilizar El Hamdaoui, um jogador que permite maiores trocas e mobilidade na frente de ataque. Ainda assim, parece ter menor capacidade de choque com os centrais adversário, criando como que um vazio na zona central do ataque marroquino. El Arabi foi opção saída do banco e marcou o golo do empate frente a Cabo Verde, o que poderá convencer o técnico à alteração.

Amrabat e Assaidi vão ser chamados a dar mais, também, junto das linhas. Os dois extremos foram opções iniciais, ainda que Belghazouani também tenha entrado bem no jogo. Barrada é outro dos jogadores que poderá surgir mais encostado à linha, caso Taoussi opte mesmo por um onze mais ofensivo e com menos ocupação no centro do terreno. Para isso, esperará que Benatia e Al Adoua continuem a não comprometer na zona central, como tem acontecido até aqui. A dupla de centrais marroquina tem um excelente nível, contando ainda com Lamyaghri, guarda-redes capaz do melhor e do pior, tendo sido um dos melhores em campo no jogo frente aos Tubarões Azuis.

CAN 2013Quanto à África do Sul, bastantes dúvidas sobre que onze aparecerá em campo e, sobretudo, com que atitude. A mudança da primeira para a segunda jornada foi como se da noite para o dia se tratasse. No entanto, julgo que essa alteração se deveu mais aquilo que o adversário lhes permitiu do que necessariamente uma grande diferença de qualidade da equipa. Um adversário mais recuado, ofereceu confiança aos organizadores da CAN, para terem a bola em seu domínio e procurarem, incansavelmente, o golo.

Dean Furman foi chamado no jogo da segunda jornada e foi dos jogadores mais influentes no meio-campo sul-africano. Ao seu lado, no entanto, fica a dúvida sobre quem poderá ocupar o lugar. A nossa aposta é Letsholonyane, que acabou por ser utilizado nas duas partidas, apesar de ter perdido a titularidade. Dikgacoi também poderá voltar ao onze, depois de um jogo de ausência, já que apesar de ser um jogador faltoso, dá uma dimensão física a uma equipa a quem bastará o empate.

Mphela manterá o seu lugar na frente, sendo que poderá estar mais sozinho, para que o meio campo tenha três jogadores em lugar de dois. Como extremos, Phala e Parker parecem sólidos nas suas posições, assim como na defesa não são de esperar grandes alterações, Khumalo e Sangweni no centro, Masilela à esquerda, Ngcongca à direita, com Khune (muito bem no jogo frente a Angola) a ser o guardião de uma equipa que entusiasmou os seus adeptos e contará, por certo, com um estádio cheio a apoiá-la.

Em três encontros ocorridos entre estes dois países, todos eles a contar para a CAN, o saldo é altamente favorável à equipa da África do Sul. Duas vitórias e um empate, entre 1998 e 2004:

Marrocos 1-1 África do Sul  CAN 2004
África do Sul 3-1 Marrocos  CAN 2002
Marrocos 1-2 África do Sul  CAN 1998

Com Marrocos a ter que ganhar, espera-se que o maior pendor ofensivo dos marroquinos lhes permita até marcar primeiro, mas a jogar em casa, a África do Sul terá uma palavra a dizer neste encontro, podendo esperar-se um encontro com golo que acabe por interessar a ambos os conjuntos, dependendo do que for acontecendo no outro jogo deste grupo. Um encontro para jogar ao vivo.

A Bet365 oferece-lhe 50€ de bónus para apostar neste jogo: http://bitly.com/50eurbonus

Prognóstico Odd Casa Sucesso
Empate 3.00 Bet365
marrocos
Marrocos
  • País: Marrocos
  • Estádio:
  • Cidade:
  • Fundação:

Ver ficha completa

África do Sul
África do Sul
  • País: África do Sul
  • Estádio:
  • Cidade: Cidade do Cabo
  • Fundação: 1991

Ver ficha completa

Luís Cristóvão
Luís Cristóvão
  • Próg. realizados 2884
  • Média Odds usadas 2.15
  • Próg. certos 1352
  • Próg. errados 1491
comments powered by Disqus

Últimos jogos