Menu
Primeira Liga 2ª Jornada

Marítimo – FC Porto (Liga NOS)

Um dia depois de ver confirmada a saída de Alex Sandro, os Dragões visitam o Estádio do Marítimo, onde não têm sido particularmente bem sucedidos em tempos mais recentes. Será um jogo de exigência máxima para os FC Porto. Os resultados passados não contam mas pesam, no sentido em que abrem precedentes. E Ivo Vieira está apostado em fazer de tudo para contrariar o poderio dos visitantes.

Ivo Vieira foi muito claro. O Marítimo não pode ficar sentado à sombra dos resultados passados e esperar que assim lhe caia mais um triunfo no colo. O facto dos maritimistas terem vencido os três últimos confrontos com os azuis e brancos na Madeira não vai tornar o jogo de sábado mais fácil para os insulares. Saber que já foram capazes de perturbar, mais do que uma vez, a equipa nortenha dá confiança, isso é inegável. Mas os jogos são todos diferentes e até pode complicar um pouco o sentido do jogo. Romain Salin, o guarda-redes que defende as cores do Marítimo, aponta os perigos. O Porto vai chegar mais cauteloso, mais humilde, porque recorda as dificuldades que sentiu antes e o que se pode repetir se não forem cuidadosos. Mas o francês também aponta a estratégia de sucesso. A equipa vai precisar de se sacrificar muito e só como força coletiva poderá voltar a anular o maior talento individual dos jogadores adversários.

A levar fé no que se tem visto nos treinos de preparação o treinador do clube madeirense vai apostar em quatro alterações no onze, relativamente à primeira jornada. E as grandes mexidas acontecem na defesa. João Diogo, que saiu do treino mais cedo com mazelas, vai ser substituído prelo mais recente reforço a chegar ao plantel dos Barreiros, Patrick Vieira. Também Diney vai para o banco, agora que Raúl Silva cumpriu o castigo, assim com Briguel, que dará lugar a Rúben Ferreira.No meio-campo Tiago Rodrigues será substituído por Fransérgio.

Na primeira jornada o Marítimo foi derrotado na Ribeira Brava, pelo União da Madeira, por duas bolas a uma. Será que consegue os primeiros pontos na receção aos Dragões?

Onze provável: Salin – Patrick Vieira, Raúl Silva, Deyvison, Rúben Ferreira – Fransérgio, Alex Soares, Ghazaryan – Edgar Costa, Marega, Xavier.

Liga NOSO FC Porto entrou com o pé direito na Liga Nos, ao vencer o Vitória de Guimarães por um expressivo 3-0. Ou deveremos antes dizer que Vincent Aboubakar fez um arranque de luxo, já que foi o camaronense, em noite de afirmação, a tornar tudo bem mais simples, afastando qualquer tipo de ansiedade ou nervosismo no onze portista, ao marcar logo aos oito minutos da partida? Embora, para muitos comentadores, Maxi Pereira tenha sido o melhor elemento portista em campo, assumindo a lateral como se estivesse lá há anos, sempre com a intensidade que o caracteriza, e que já lhe valeu o cartãozinho da praxe. Nem tudo correu bem, contudo. O meio-campo – devo antes dizer o encaixe certo das peças de que o FC Porto dispõe no setor – continua a ser um setor aos engasgões. Hector Herrera foi a vítima mais evidente. Não está em causa a qualidade do jogador mas a mudança de posicionamento – com Danilo em campo – não está a funcionar para o mexicano e o público nas bancadas não esteve com contemplações.

O Porto acabou de perder Alex Sandro para a Juventus e Julen Lopetegui lamentou a saída de sete titulares neste defeso mas também disse que não ia chorar por causa disso. O espanhol está é a rezar para que o dia de fecho do mercado chegue rapidamente, para poder começar a planear sem surpresas. Fala-se da possibilidade de Guilherme Siqueira rumar ao dragão mas o valor pedido pelos Colchoneros não é bom prenúncio. Por enquanto, e sem se saber exatamente qual a condição física de Cissokho, José Angel deve ser a opção para o lado esquerdo.

Onze provável: Casillas – Maxi Pereira, Maicon, Marcano, José Angel – André André, Danilo Pereira, Imbula – Tello, Aboubakar, Brahimi.

Marítimo 2-1 FC Porto Taça da Liga 2014/15
Marítimo 1-0 FC Porto Liga NOS 14/15
Marítimo 1-0 FC Porto Liga 2013/14
Marítimo 1-1 FC Porto Liga ZON Sagres 12/13
Marítimo 0-2 FC Porto Liga ZON Sagres 11/12

Há mais de três anos que o Porto não vence nos Barreiros e as últimas três visitas redundaram mesmo em derrota. Definitivamente, o microclima daquele estádio não cai bem aos dragões. Aposto que Aboubakar não vai ficar em branco.

Prognóstico Odd Casa Erro
Aboubakar para marcar 2.40 Dhoze
marítimo
Marítimo
  • País: Portugal
  • Estádio: Estádio dos Barreiros
  • Cidade: Funchal
  • Fundação: 1910

Ver ficha completa

FC Porto
FC Porto
  • País: Portugal
  • Estádio: Estádio do Dragão
  • Cidade: Porto
  • Fundação: 1893

Ver ficha completa

Justa Barbosa
Justa Barbosa
  • Próg. realizados 1830
  • Média Odds usadas 2.21
  • Próg. certos 767
  • Próg. errados 1035
comments powered by Disqus

Últimos jogos