Menu

Manchester City – Real Madrid (Liga dos Campeões)

O Etihad recebe pela primeira vez uma meia-final da Liga dos Campeões e os Citizens estão bem cientes de que este é um momento histórico para o clube azul de Manchester. O Real Madrid parte com estatuto de favorito mas também poucos acreditavam que o City tivesse hipóteses frente ao PSG e a qualificação foi justíssima. Mantêm-se as dúvidas quanto à condição de Cristiano Ronaldo e Benzema mas Zidane levou todos os vinte e três jogadores para Inglaterra.

Pela primeira vez na sua história o Manchester City está presente na semifinal da Liga dos Campeões. Talvez na época em que as expetativas de sucesso internacional estavam mais baixas, pelo menos desde que chegaram os milhões para fazer desta equipa um colosso europeu, o conjunto de Manchester foi avançando paulatinamente e está agora a dois jogos da final da competição de elite europeia. Mas até aos quartos de final ninguém lhes dava grande crédito, enquanto candidatos a ter em conta. Os Citizens tiveram uma prestação irregular e abaixo do esperado nas provas inglesas. Desperdiçaram por completo uma época em que o Chelsea implodiu e o United andou a arrastar-se, ao ponto de ser anunciada a contratação de Guardiola com uma antecedência inusitada, no fundo uma forma da direção do clube assumir que a temporada não ia dar em nada. Com este percurso poucos acreditavam que o Manchester City tinha hipóteses de levar a melhor sobre Zaltan e companhia lda. Qual não foi a surpresa quando os homens de Manuel Pellegrini foram ao Parque dos Príncipes arrancar um empate, marcando para o efeito dois golos no terreno adversário (2-2)? E na segunda mão, no Etihad, a equipa foi muito inteligente na forma como gerir a eliminatória. Kevin de Bruyne acabaria por marcar o único golo da partida e o belga tem sido peça incontornável neste fôlego recente do City, ao ponto de já ninguém sentir a falta de Yayá Touré. O costa-marfinense é o único elemento do plantel dado como baixa para a receção ao Merengues.

No fim de semana o Manchester City venceu confortavelmente o Stoke City (4-0), ainda que o treinador chileno poupasse vários dos habituais titulares. O nigeriano Kelechi Iheanacho foi o que melhor aproveitou a oportunidade, acrescentando dois golos à sua conta. Nesta jornada os Citizens aproveitaram o escorregão do Arsenal para ocupar a terá posição na tabela classificativa, ainda que em igualdade pontual com os Gunners.

Onze Provável: Hart – Sagna, Kompany, Otamendi, Clichy – Fernando, Fernandinho – Navas, David Silva, De Bruyne – Aguero.

Liga dos CampeõesO Real Madrid teve que recuperar de uma desvantagem de dois a zero ao intervalo para sair de Vallecas com as hipóteses do título intactas. Só na segunda parte, com Garteth Bale a assumir o comando da equipa, é que os Merengues conseguiram dar a volta ao marcador. O galês, que regressava de lesão, marcou em dose dupla e Lucas Vázquez, que rendeu Benzema, ajudou à reviravolta. O Real foi a jogo sem Cristiano Ronaldo, Luka Modric, Sergio Ramos e Casemiro, embora isso não sirva de desculpa. O avançado francês dos Merengues saiu perto do intervalo a coxear e será uma das dúvidas para a primeira mão da meia-final da Liga dos Campeões. Lucas tem entrado bem sempre que solicitado mas aqui acresce a interrogação quanto à utilização ou não do capitão português. Cristiano vai jogar, resta saber a sua condição real e a forma como será gerida essa utilização. Se os noventa minutos, se aproveitar uma fase em que a defesa dos Citizens já esteja mais desgastada. Afinal de contas ainda haverá um segundo jogo inteirinho para jogar, no Santiago Bernabéu, esse sim absolutamente decisivo. Apesar das questões o treinador levou os vinte e três jogadores para Inglaterra.

Ainda que o Real continue apenas a um ponto da liderança da Liga Espanhola o ressurgimento dos Culé parece indicar que os catalães não vão deixar escapar o título. Assim sendo a única hipótese de glória para o clube branco é mesmo a conquista do décimo primeiro troféu da Liga dos Campeões. Partem como claros favoritos mas se a eliminatória anterior serviu para alguma coisa foi para lembrar que esse favoritismo será posto em causa no relvado.

Onze Provável: Navas – Carvajal, Ramos, Pepe, Marcelo – Kroos, Camiro, Modric – Bale, Lucas Vázquez, Ronaldo.

Manchester City
1-1
Real Madrid
LC 2012/2013
Real Madrid
3-2
Manchester City
LC 2012/2013

Na única visita que fez ao Etihad, em jogos oficiais, o Real Madrid não conseguiu melhor que uma igualdade a um.

Prognóstico Odd Casa Erro
Manchester City marca primeiro 2.00 Betrally
manchestercity
Manchester City
  • País: Inglaterra
  • Estádio: Etihad
  • Cidade: Manchester
  • Fundação: 1880

Ver ficha completa

realmadrid
Real Madrid
  • País: Espanha
  • Estádio: Santiago Bernabéu
  • Cidade: Madrid
  • Fundação: 1902

Ver ficha completa

Justa Barbosa
Justa Barbosa
  • Próg. realizados 1938
  • Média Odds usadas 2.21
  • Próg. certos 810
  • Próg. errados 1100
comments powered by Disqus

Últimos jogos