Menu

Jamaica – El Salvador (Gold Cup 2015)

A vitória sobre o Canadá ao cair do pano deixou a Jamaica a um pequeno passo dos quartos-de-final da Gold Cup. Os reggae boys lideram o grupo B e só dependem de si mesmos para seguir em frente, se bem que, à partida, até os quatro pontos que detêm atualmente poderão servir para passar como um dos melhores terceiros. Na terceira e última jornada da fase de grupos enfrentarão El Salvador, seleção que mantém intacta a esperança de chegar à próxima fase.

Na copa América, enquanto convidada, ameaçou. Na Gold Cup, impôs-se definitivamente. A Jamaica é já uma verdadeira sensação da prova que reúne as melhores seleções da américa do norte e central, entrando para a última jornada da fase de grupos na liderança do respetivo grupo em que se encontra inserida. Depois de ter empatado na primeira jornada a dois frente à Costa Rica, no duelo com o Canadá, um violento cabeceamento de Rudy Austin ofereceu a vitória à Jamaica ao cair do pano. Um resultado que se adequa aquilo que foi o encontro sobretudo na segunda parte, com o Canadá mais retraído, a tentar sair com o empate, e a Jamaica a ter mais iniciativa no sentido de conquistar os três pontos. Final que se reveste de um cariz dramático mas premeia aquela que foi a melhor equipa ao longo dos 90 minutos.

A Jamaica apresenta aqui uma equipa competitiva, combativa e com um poder a nível físico distinto das demais. Sem grandes artifícios a nível técnico, vai conseguindo compensar as lacunas que lhe são reconhecidas. O facto de ter participado na Copa América em jeito de preparação para este torneio ajudou, simultaneamente, a seleção do Caribe. Mais tempo de trabalho, maior entrosamento e, até ver, a ausência de dois atletas que foram impedidos de participar na Gold Cup pelos respetivos clubes ainda não se fez notar significativamente.

Onze Provável: Miller – Mariappa, Morgan, Taylor, Lawrence – Austin, Watson, McAnuff, McCleary – Mattocks, Barnes.

Gold Cup 2015El Salvador também mantém intacta a esperança na qualificação. Já defrontou Canadá e Costa Rica, permanecendo ainda sem qualquer derrota. Empatou ambos os jogos e, diante de “Los Ticos”, o golo do empate surgiu mesmo a acabar. A exibição diante da Costa Rica – que tem sido uma sombra daquilo que protagonizou no Mundial – foi decididamente positiva. Tal como diante do Canadá, os salvadorenhos estiveram em bom plano, embora desta vez se tenham deixado levar um pouco pela emoção do jogo, abusando em alguns lances por excesso de agressividade. Para o jogo frente à Jamaica, “La Selecta” está obrigada a vencer para vencer se quiser seguir em frente. Contará com Nelson Bonilla, um importante reforço para o setor ofensivo.

Onze Provável: Carrillo – García, Molina, Mendoza, Larín – Cerén, Menjívar, Punyed – Álvarez, Alas, Bonilla.

Encontro entre duas equipas que ainda não perderam na presente edição da Gold Cup. A Jamaica parte com ligeiro favoritismo mas El Salvador tem que fazer pela vida de modo a garantir o acesso aos quartos-de-final. São seleções com caraterísticas distintas mas igualmente munidas de bons argumentos para conquistar aqui os três pontos. O saldo de “La Selecta” é de um golo marcado e um golo sofrido em dois jogos – 0-0 e 1-1 – enquanto que o da Jamaica é de três golos marcados e dois sofridos. Com ambas as seleções a ambicionarem ganhar, é expectável que haja espaço para ambas as equipas explorarem e os golos surjam.

A Bet365 oferece-lhe 50€ de bónus para apostar neste jogo: http://bitly.com/50eurbonus

Prognóstico Odd Casa Erro
2 ou 3 Golos 2.00 Bet365
Jamaica
Jamaica
  • País: Jamaica
  • Estádio:
  • Cidade:
  • Fundação:

Ver ficha completa

el salvador
El Salvador
  • País: El Salvador
  • Estádio:
  • Cidade:
  • Fundação:

Ver ficha completa

Afonso Canavilhas
  • Próg. realizados 1571
  • Média Odds usadas 1.79
  • Próg. certos 815
  • Próg. errados 679
comments powered by Disqus

Últimos jogos