Ontem disputou-se a 3ª jornada da 2ª Fase de Grupos da qualificação Asiática ao Mundial 2018, onde se destacou o Irão que foi até casa do Usbequistão arrancar 3 pontos, o que o deixa agora como líder do Grupo A, enquanto que a Austrália e Arábia Saudita, líderes do Grupo B, empataram e permitiram ao Japão aproximar-se dos lugares de qualificação.

Irão de Queiroz é líder do Grupo A

Irão do português Carlos Queiroz lidera o Grupo A.

Irão do português Carlos Queiroz lidera o Grupo A.

O Irão chega aqui como líder do Grupo A com 7 pontos, os mesmos que a República da Coreia, mas que lidera por ainda não ter concedido nenhum golo. Depois de empatar a zero na 2ª jornada, contra a China, o Irão foi agora até ao território do Usbequistão, que liderava o Grupo A, e saiu vencedor pela vantagem mínima de 0-1, com Hosseini Jalal a marcar o único golo da partida com um bom cabeceamento, depois de um cruzamento de bola parada. O jogo foi aborrecido, com um Usbequistão a não fazer um único remate à baliza iraniana, enquanto que os pupilos de Carlos Queiroz acertaram no alvo duas vezes. O Usbequistão passa agora para 3º lugar com 6 pontos.

Arábia Saudita não consegue afastar Austrália

Nasser Al-Shamrani marca o golo do empate para a Arábia Saudita.

Nasser Al-Shamrani marca o golo do empate para a Arábia Saudita.

Os dois líderes do Grupo B enfrentaram-se ontem na 3ª jornada do Grupo B, num embate que terminou empatado por 2-2. Num jogo equilibrado e com várias situações de golo para os dois lados, embora a Austrália tenha criado mais situações de perigo, foi a Arábia Saudita a inaugurar o marcador aos 5 minutos, por intermédio de Taisir Al-Jassim. A Austrália viria a responder mesmo em cima do intervalo por Sainsburry. Já na 2ª parte foi a Austrália que se colocou à frente da equipa da casa no marcador, com Tomi Juric a fazer o 1-2 para os forasteiros, aos 71 minutos. Ainda assim, a vantagem pouco durou, com Al-Shamrani a fazer o 2-2 apenas 8 minutos depois.

A Arábia Saudita e a Austrália lideram agora o Grupo B com 7 pontos, depois de um empate que permitiu ao Japão e aos Emirados Árabes Unidos que se aproximassem dos lugares de qualificação, ambos com 6 pontos.

República da Coreia aproveita deslize de Usbequistão

República da Coreia vence o Catar e passa para 2º lugar do Grupo A.

República da Coreia vence o Catar e passa para 2º lugar do Grupo A.

Com a derrota do Usbequistão em casa do Irão, ficou o caminho aberto para o 2º lugar, com a República da Coreia a aproveitar esse deslize e, ao vencer na recepção ao Catar por 3-2, conseguiu colocar-se mesmo atrás do Irão, ficando com os mesmos 7 pontos que os iranianos. O jogo com o Catar foi um encontro bastante animado, com inúmeras ocasiões de golo ao longo da partida. Os Tigres da Ásia colocaram-se em vantagem aos 11 minutos por Ki Sung-Yueng, vantagem que demorou pouco tempo, com o Catar a empatar através de uma grande penalidade, por Al Haidos, e mesmo em cima do intervalo, Sebastián Soria coloca o Catar em vantagem, fazendo o 1-2 para os visitantes.

Com o começo do 2º tempo, a República da Coreia entrou forte e marcou dois golos de rajada, aos 55 e 58 minutos, por Ji Dong-Won e Son Heung-Min. A partida ficou ainda marcada com uma expulsão para os Tigres da Ásia aos 66 minutos, com o Catar a não conseguir tirar proveito da vantagem numérica durante o resto da partida, perdendo então por 3-2. A República da Coreia tem agora 1 ponto de superioridade sobre o 3º Usbequistão.

Outras curtas da jornada

  • Os Emirados Árabes Unidos receberam, e golearam a Tailândia por 3-1, com Ahmed Khalil a marcar um dos três golos, e a destacar-se como melhor marcador desta fase de qualificação. Os Emirados Árabes Unidos ocupam agora o 4º lugar, com apenas 1 ponto a menos que os líderes Austrália e Arábia Saudita.
  • A China voltou a perder, desta vez na recepção à Síria, acabando derrotada por 0-1 e caindo para 5º lugar.
  • Japão vence o Iraque com o golo da vitória a chegar aos 5 minutos de descontos do apito afinal, graças a Yamaguchi, colocando o Japão em 3º lugar, com 1 ponto a menos que os líderes Austrália e Arábia Suadita.

Boas Apostas!