Menu

A Bet.pt oferece-te um bónus de25€ grátis para este jogo!

Hungria – Rússia (Amigável Internacional)

A seleção húngara defronta a congénere russa na noite de segunda-feira. Os magiares preparam o encontro de qualificação para o Mundial 2018 agendado para sexta-feira, frente a Andorra, enquanto os russos ultimam o envolvimento na Taça das Confederações 2017. O encontro será disputado na Áustria.

O seleccionador Bernd Storck liderou a seleção da Hungria até à fase final do Euro 2016, alcançando os quartos-de-final da prova e caindo posteriormente diante da Bélgica. Os responsáveis do futebol húngaro optaram por apostar na continuidade do treinador que devolveu a seleção a um grande torneio volvidos 30 anos, mas a etapa de qualificação para o Mundial 2018 não está a correr da melhor forma. Os húngaros “correm por fora” num grupo em que também estão Suíça e Portugal. A frágil seleção de Andorra é a adversária que se serve neste percurso.

Neste momento, a seleção húngara atravessa uma fase de renovação. Bernd Storck promoveu seis estreias nesta convocatória para os confrontos com Rússia e Andorra, deixando de fora elementos experientes como Zoltan Gera, Adam Pinter, Gergo Lovrencsics, Krisztian Nemecs e Nemanja Nikolic. Richard Guzmics, Mate Vida e Bence Mervo falham o jogo por lesão, mas Zoltan Stieber está de volta às opções. Este encontro amigável com a Rússia representa uma boa oportunidade para os novos elementos na convocatória provarem que merecem constar nas convocatórias com maior regularidade. A convocatória de 25 jogadores será encurtada depois do jogo com a Hungria, seguindo com menos jogadores para solo andorrenho.

Onze Provável: Gulácsi, Bese, Lang, Vinícius, Kleisz, Kádár, Nagy, Kleinheisler, Gyurcsó, Dzsudzsák, Szalai

amigável internacionalA Rússia ultima a preparação na Taça das Confederações 2017. O duelo com a seleção da Hungria é o penúltimo antes da estreia na competição, a 17 de junho, frente à congénere na Nova Zelândia. Akinfeev, Neustadter e Gabulov foram os últimos atletas a integrarem os trabalhos da seleção da Rússia. Yuri Gazinskiy, Denis Glushakov e Roman Zobnin estão em duvida. Artem Dzyuba, Alan Dzagoev, Mário Fernandes e André Lunyov falham a participação na Taça das Confederações devido a lesão. A formação russa chega a este jogo com mais dez dias de preparação que a equipa húngara, factor que deve ser tido em conta.

Depois de ter desiludido na fase final do Euro 2016, a seleção russa iniciou um novo ciclo sob as ordens de Stanislav Cherchesov, seleccionador que sucedeu a Leonid Slutsky e procura renovar a equipa soviética. A Rússia quer fazer boa figura nas duas próximas competições que vai disputar no seu terreno, com a Taça das Confederações a constituir um ensaio determinante para a participação no Mundial do próximo ano. No que concerne aos amigáveis já disputados sob as ordens de Cherchesov, note-se que a Rússia perdeu com a Costa Rica, o Qatar e a Costa do Marfim, vencendo a Roménia e empatando com a Bélgica.

Onze Provável: Akinfeev, Vasin, Neustadter, Kudryashov, Kombarov, Zobnin, Erokhin, Ozdoev, Kanunnikov, Samedov, Poloz

As duas seleções atravessam um período idêntico, dado que apresentam várias caras novas que representam uma renovação geracional. A Rússia chega a este desafio com mais tempo de prepararção e esse facto coloca a formação de Leste como favorita.

Prognóstico Odd Casa Erro
Ambas Equipas Marcam 1.76 Bet.pt
Hungria
Hungria
  • País: Hungria
  • Estádio:
  • Cidade: Budapeste
  • Fundação: 1901

Ver ficha completa

russia
Rússia
  • País: Rússia
  • Estádio:
  • Cidade: Moscovo
  • Fundação: 1992

Ver ficha completa

Afonso Canavilhas
  • Próg. realizados 1569
  • Média Odds usadas 1.79
  • Próg. certos 814
  • Próg. errados 679
comments powered by Disqus

Últimos jogos