Jamie Vardy admitiu ser uma honra ter sido votado para o jogador do ano 2016 pela FWA (Football Writters’ Association), a associação de jornalistas de futebol de Inglaterra. O internacional inglês venceu uma votação de 290 jornalistas com 36% dos votos, um claro vencedor comparado com os seus colegas de equipa Riyad Mahrez e N’Golo Kanté. O avançado de 29 anos, que começou a sua carreira futebolística de escalão sénior no Stocksbridge Park Steels após ser rejeitado pelo Sheffield Wednesday quando era adolescente, marcou até agora 24 golos pelo seu clube e pela selecção de Inglaterra, à medida que as Raposas se aproximam daquele que poderá ser uma extraordinária conquista do título de campeão da Premier League. Os homens provenientes de King Power Stadium serão coroados campeões caso o seu rival mais próximo, o Tottenham, vença o Chelsea esta noite.

Presidente da FWA elogia o percurso de Vardy

No total, sete jogadores do Leicester foram votados na eleição da FWA, tendo alguns sido o capitão Danny Drikwater, o guarda-redes Kasper Schmeichel, e os defesas Wes Morgan e Danny Simpson, todos a serem reconhecidos pelos eleitores. Jamie Vardy será homenageado com o prestigioso prémio da FWA, que está em funcionamento desde 1948, num jantar de gala em Londres, no dia 12 de Maio. O presidente da FWA, Andy Dunn do jornal Sunday Mirror, afirmou que o facto de tantos jogadores do Leicester terem apurado votos dos membros da FWA apenas prova a excelência dos jogadores a todos os aspectos, porém, a história de Jamie Vardy claramente que captou a imaginação de vários escritores.

vardy

Jamie Vardy que ainda à 6 temporadas era um completo desconhecido no mundo do futebol, hoje ingressa nos palcos do futebol internacional.

“O seu feito de quebrar o record de marcar em 11 jogos consecutivos será a jóia naquela que será certamente a coroa do Leicester de Campeão da Premier League. E o prémio de Futebolista do Ano não é apenas um reflexo da sua fantástica temporada, mas sim o reconhecimento de um percurso notável desde as camadas de futebol amador até aos palcos internacionais.” Disse Andy Dunn.

Outros jogadores que também receberam votos dos membros da FWA foram o ponta de lança do Tottenham, Harry Kane, o criador de jogo do West Ham, Dimitri Payet, o fantástico duo do Manchester City, Kun Agüero e Kevin De Bruyne, e ainda o meio campista do Tottenham, Dele Alli.

Humildade de Vardy e desejo de representar Inglaterra no Euro

Vardy, que falhou o empate deste Domingo, 1-1, contra o Manchester United, por estar a cumprir castigo, admitiu estar encantado por se ter juntado a uma lista de vencedores que inclui nomes como Sir Tom Finney, Bobby Moore, George Best e Gary Lineker. ” É uma grande honra vencer um prémio tão prestigiado e ver o meu nome incluido na lista dos antigos vencedores, onde constam nomes de alguns jogadores inacreditáveis. Obrigado à FWA e a todos aqueles que votaram em mim.” Disse Jamie Vardy.

Obrigado também aos meus colegas de equipa, que foram a razão pela qual eu ter conseguido atingir seja o que for. Tem sido uma temporada incrível no Leicester, baseada em trabalho de equipa e não em individualidades, tal como se pôde ver nas votações. Obrigado também ao treinador, a todos os funcionários do clube, e a todos os fãs pelo seu apoio. Estamos todos completamente focados em conseguir aquilo que todos pensavam que era impossível e em tornar esta grande temporada em algo que nunca iremos esquecer. Espero que possa contribuir para isso e, se seleccionado, espero também contribuir da melhor forma no Euro este verão.” Adiantou Vardy.

Em Novembro, o ponta de lança de 29 anos quebrou o record de longa duração imposto por Ruud van Nistelrooy pelo Manchester United, onde marcou em 11 jogos consecutivos na Premier League. Este prémio significa que os jogadores do Leicester já venceram dois dos principais prémios do fim da temporada, após Mahrez ter sido votado para o futebolista inglês do Ano da PFA, Professional Footballers’ Association Players’ Player of the Year, no mês passado. Esta votação é realizada entre os membros do sindicato de jogadores, e não entre uma associação de jornalistas. Riyad Mahrez foi o primeiro africano em toda a história a vencer este prémio.

Boas Apostas!