Menu
  • 27 julho
  • 02:30
  • Bet.pt

A Bet.pt oferece-te um bónus de25€ grátis para este jogo!

Estados Unidos – Jamaica (Gold Cup 2017)

Chegou o momento da decisão. O estádio Levi’s, em Santa Clara, acolhe a final da Gold Cup 2017 entre Estados Unidos e Jamaica. A anfitriã da prova está de regresso a uma final e quer vingar a derrota nas meias-finais, em 2015.

Quatro anos depois, a seleção dos Estados Unidos quer voltar a ocupar o trono do futebol da zona CONCACAF. Os norte-americanos ambicionam conquistar o sexto título do seu palmarés para se aproximarem do México, vencedor máximo do troféu.

A seleção orientada por Bruce Arena não sofreu nenhuma derrota no seu percurso até à final. Terminou a fase de grupos na liderança do grupo A com sete pontos, tantos quanto o Panamá, superiorizando-se a El Salvador nos quartos-de-final por duas bolas a zero. Já nas meias-finais da competição, foi a vez de bater a seleção da Costa Rica por dois golos sem resposta. A equipa norte-americana não sofreu golos nos últimos 270 minutos de futebol e esse é um aspecto a ter em conta.

Na meia-final diante da Costa Rica, Clint Dempsey igualou o recorde de Landon Donovan como goleador máximo da equipa americana, apontado o seu 57º golo ao serviço dos Estados Unidos. O jogador que atualmente defende as cores do Seattle Sounders ambiciona bater esse registo nesta final diante da Jamaica.

Onze Provável: Tim Howard, Graham Zusi, Matt Besler, Jorge Villafaña, Omar González, Kellyn Acosta, Michael Bradley, Clint Dempsey, Darlington Nagbe, Jordam Morris, Jozy Altidore

gold cup 2017A seleção da Jamaica é finalista da Gold Cup pela segunda edição consecutiva. Depois da surpresa em 2015 que culminou com uma derrota na final diante do México, eis a confirmação de que estamos perante uma das melhores gerações da história dos “reggae boys”.

Segunda colocada do grupo C com cinco pontos contra os sete conquistados pelo México, a equipa jamaicana encontrou a congénere canadiana nos quartos-de-final e triunfou por duas bolas a uma. Na meia-final, frente ao favorito México – mesmo numa versão alternativa -, a Jamaica triunfou por uma bola a zero graças a um grande golo de Kemar Lawrence na conversão de um livre direto. Na final da prova pela segunda edição consecutiva, a seleção jamaicana nunca ergueu o troféu, mas pode gabar-se de, nas duas meias-finais que disputou, ter conseguido eliminar as duas grandes potências da zona CONCACAF.

Para derrotar a seleção dos Estados Unidos, a equipa jamaicana precisa de voltar a demonstrar a resistência defensiva que demonstrou frente ao México, muito graças a mais uma noite inspirada do guardião Andre Blake. No ataque, o seleccionador Theodore Whitmore sabe que conta com a superação de jogadores como Darren Mattocks e Romario Williams, atletas que têm estado a bom nível na competição.

Onze Provável: Andre Blake, Alvas Powell, Damion Lowe, Jermaine Taylor, Shaun Francis, Kemar Lawrence, Ladale Richie, Je-Vaughn Watson, Darren Mattocks, Romario Williams, Owayne Gordon

As seleções de Estados Unidos e Jamaica encontraram-se em fevereiro deste ano num duelo amigável. Os norte-americanos venceram o encontro por uma bola a zero.

Prognóstico Odd Casa Sucesso
Jamaica Para Marcar 1.90 Bet.pt
Estados Unidos
Estados Unidos
  • País: Estados Unidos
  • Estádio:
  • Cidade: Washington, D.C.
  • Fundação: 1913

Ver ficha completa

Jamaica
Jamaica
  • País: Jamaica
  • Estádio:
  • Cidade:
  • Fundação:

Ver ficha completa

Afonso Canavilhas
  • Próg. realizados 1461
  • Média Odds usadas 1.79
  • Próg. certos 758
  • Próg. errados 627
comments powered by Disqus

Últimos jogos