Sugerir atualização
Tem mais informação sobre Vitória de Setúbal?

Sugira aqui uma actualização

Sugerir

Estádio do Bonfim
Estádio do Bonfim
  • País: Portugal
  • Cidade: Setúbal
  • Capacidade: 18.694

Ver ficha

Foi a 10 de Novembro que divergências na direcção do Bonfim Foot-Ball Club levaram à saída de alguns membros desta que decidiram criar um novo clube, o Sport Vitória. Em 10 dias estava reunida uma direcção para o novo clube, com membros de outros clubes da região que abandonaram os mesmos. A 5 de Maio do ano seguinte realizava-se a primeira Assembleia Geral, onde o clube seria renomeado definitivamente para Vitória Foot-Ball Club.

Os primeiros anos de futebol do clube foram difíceis, com a recusa dos clubes da AF Lisboa em deslocarem-se a Setúbal, que ainda não tinha Associação de Futebol. Apesar de jogar sempre fora de casa, o Vitória ainda somou bons resultados no Campeonato Regional de Lisboa.

Na época de 43/44 o clube atinge a sua primeira final da Taça de Portugal, de onde sairia derrotado pelo Benfica. Esta derrota não tirou a alegria e orgulho aos adeptos do Vitória que deixaram Lisboa espantada com os seus festejos. Em 44/45, onze anos depois, o Vitória repete o feito, desta vez jogando frente ao Sporting, de onde sairia também derrotado. Esta derrota por 3-2 foi considerada injusta, sendo os critérios do árbitro considerados parciais, o que levou os setubalenses a justarem-se e comprarem uma taça, chamada Taça Recompensa, para os jogadores que representaram a equipa naquela final.

Com o objectivo de responder ao constante crescimento do clube, em 1962 é inaugurado o Estádio do Bonfim, que passaria a ser a nova casa do Vitória. Este acontecimento, no dia 16 de Setembro, trouxe gente de todo o lado a Setúbal com o objectivo de conhecer a nova casa deste grande clube.

Logo no ano seguinte o Vitória vence a sua primeira Taça de Portugal, frente ao Benfica. Dois anos depois a conquista é repetida, desta feita frente à Académica, naquela que foi a final mais duradoura da história, com 144 minutos de futebol.

Na década de 70 o clube mostrou-se ao mundo, primeiro nas competições europeias, onde chegou quatro vezes aos quartos de final da Taça UEFA, contando com outras participações na Taça das Taças. Esta foi uma das melhores fases do clube, que foi também convidado para inúmeros trofeus amigáveis, derrubando gigantes europeus como o Inter de Milão, Lyon, Chelsea, entre outras.

Daí em diante o clube esmoreceu, sendo a conquista da Taça de Portugal na época 2004/2005 o maior feito do Vitória, que hoje é um dos que luta pela manutenção na Primeira Liga.