Sugerir atualização
Tem mais informação sobre The Strongest?

Sugira aqui uma actualização

Sugerir

The Strongest Club fundado em 1908 é um dos mais antigos e históricos clubes de futebol da Bolívia. O primeiro título do clube acontece logo três anos após a sua fundação, em 1911 num campeonato organizado por convite dos mais bem reputados clubes bolivianos. O sucesso amador do Strongest prolongou-se durante esta fase amadora tendo conquistado vários campeonatos nacionais nestes anos.

Em 1965 o Strongest estreia-se na Taça Libertadores da América, caindo no entanto logo na fase de grupos. No ano de 1969 acontece um dos mais tristes episódios do futebol mundial quando o avião em que seguia a equipa do Strongest a cair junto a uma área rural chamada Viloco, com todos os passageiros, inclusive tripulação a morrerem. Para recuperar desta tragédia o clube beneficiou de apoios de todas as partes, em especial da Argentina e do Brasil cujas federações de futebol ofereceram dinheiro ao clube e ainda várias equipas organizaram jogos amigáveis com as receitas as contribuírem para a recuperação do Strongest. Com estes apoios as boas exibições do clube nas competições internas não baixaram de forma, sendo suficientes para que, aquando da formação da primeira liga profissional na Bolívia em 1977 o Strongest fosse um dos clubes a disputar a prova inaugural tornando-se também no primeiro campeão da era profissional do futebol boliviano.

Daí em diante o sucesso foi contínuo, com o Strongest a conquistar os campeonatos nacionais de 1986 e 89 por entre várias qualificações para provas internacionais. Nos anos 90 o clube continuou com as suas boas prestações e conquistou o campeonato nacional em 1993. Depois deste campeonato o clube atravessou um jejum de dez anos, até chegar finalmente a 2003, quando repete a conquista do campeonato nacional, lançando-se assim para os melhores anos da sua história. Em 2005, o clube tem a sua melhor prestação na Taça Sudamericana quando atingiram os oitavos de final da prova onde caíram diante do Pumas do México. No entanto, depois deste bom desempenho o clube apagou-se um pouco a nível nacional, voltando apenas em 2011 a fazer jus ao nome ao vencer mais um Campeonato Nacional, conquista que repetiu na temporada 2012/13.