Sugerir atualização
Tem mais informação sobre Red Bull Salzburg?

Sugira aqui uma actualização

Sugerir

Red Bull Arena - Salzburg
Red Bull Arena - S
  • País: Áustria
  • Cidade: Salzburg
  • Capacidade: 31.895

Ver ficha

O Red Bull Salzburg nasceu em 1933 com o nome de SV Austria Salzburg fruto da união de dois antigos clubes da cidade, o Rapid e o Hertha Salzburg.

O clube apenas começou a dar nas vistas na primeira temporada da década de 70, quando atingiu o segundo lugar na liga atrás do Wacker Innsbruck. Esta classificação valeu ao Salzburg a estreia nas competições europeias na temporada 1971/72 na Taça UEFA, sendo eliminados ainda na fase de qualificação pelo UTA da Roménia com um agregado do 5-4. Esta foi realmente uma fase de grande evolução do clube austríaco que logo em 1974 atinge também a sua primeira final da Taça da Áustria, perdendo-a para o Áustria de Viena.

No final dos anos 70 o nome do clube foi alterado para SV Casino Salzburg e este ficou de fora dos grandes palcos durante toda a década de 80. Foi então na temporada de 1993/94 que surge a primeira grande conquista do clube de Salzburgo, com o título de campeão austríaco. Mas o clube não se ficou por aqui, e para além da conquista também da Taça de 1994 a equipa atingiu também a final da Taça UEFA desse ano, sendo derrotado pelo Inter de Milão por 1-0 na partida do título. Na temporada seguinte, 1994/95 o Salzburg revalida o título de campeão nacional e repete a conquista da Taça. Já em termos internacionais, desta vez inserido nos grupos da Champions o Salzburg não foi capaz de ultrapassar esta fase depois de se classificar em 3º num grupo com A.C. Milan, Ajax e AEK Athenas.

A temporada de 1995/96 correu francamente mal à equipa que teve mesmo que disputar os play-offs de manutenção. No entanto no ano seguinte, antes de mais um mudança de nome, o clube conquista o seu terceiro título de campeão nacional. Após esta conquista um novo contracto de imagem entra em vigor no clube, alterando assim mais uma vez o nome deste para  SV Wüstenrot Salzburg.

Sob este denominação o clube iria atravessar mais um jejum de títulos, interrompido somente na temporada 2006/07, já depois da compra do clube pela reconhecida marca de bebidas energéticas, Red Bull. Esta compra aconteceu em 2005 e devido à radicais mudanças que foram feitas em todas as àreas do clube com que muitos adeptos não concordaram um novo clube por estes foi fundado, mantendo o nome e história do SV Austria Salzburg. Uma das alterações acontecidas que dão agora nome às claques dos clubes foi a cor dos equipamentos. Os fundadores do novo Austria Salzburg decidiram manter as cores originais do clube de violeta e branco, sendo assim chamados de “Violet-White” enquanto que a nova equipa da Red Bull passou a utilizar equipamentos com imagens e cores semelhantes aos fatos utilizados pelos pilotos de Formula 1 da companhia, passando então os adeptos a ser apelidados de “Red-Whites”.

FC_Red_Bull_Salzburg2012

Equipa do Red Bull Salzburg campeã da liga austríaca 2012.

Estas alterações vieram então acompanhadas de outras tantas, como por exemplo a entrada do reconhecido treinador italiano Giovanni Trapattoni para o comando técnico do clube, o que teve resultados imediatos pois o agora Red Bull Salzburg viria a conquistar o seu quarto título de campeão nacional nesse mesmo ano. Depois de uma temporada sem títulos, Trapattoni abandonou o comando técnico da equipa no final da temporada 2007/08, cedendo o seu lugar ao ex-Porto Co Adriaanse que voltou a levar o Red Bull Salzburg ao primeiro lugar da liga austríaca. No final da temporada Adriaanse viria também a sair, cedendo o seu lugar a Huub Stevens que conduziu o clube para o primeiro bi-campeonato da era Red Bull, falhando no entanto o tri, o que levou à sua demissão.

Para o cargo de treinador foi então eleito o holandês Ricardo Moniz que tinha como objectivo imposto pela direcção lançar jovens da formação na equipa principal. O treinador fez então seu papel da melhor forma, terminando a temporada 20011/12 na primeira posição da liga austríaca e com 4 jovens da formação no plantel principal capazes ainda de vencer pela primeira vez na história do clube a Taça da Áustria.