Sugerir atualização
Tem mais informação sobre Rayo Vallecano?

Sugira aqui uma actualização

Sugerir

Estádio de Vallecas
Vallecas
  • País: Espanha
  • Cidade: Madrid
  • Capacidade: 14.708

Ver ficha

No dia 29 de Maio de 1924 foi fundada a Associação atlética El Rayo, sendo o primeiro presidente Julian Huerta Priego. De 1931 e 1936 o clube participou no campeonato da Federação Obrera de Futebol. Depois da guerra civil espanhola, o clube em 1939-1940 foi reorganizado e foi nomeado Miguel Rodríguez Alzola como presidente. Em 13 de novembro de 1947, numa reunião, foi acordado a alteração do nome do clube para Rayo Vallecano Athletic Association. Na temporada de 1948-1949 o clube encontrava-se a jogar na terceira divisão. Jogou na terceira divisão até 1957, ano em que conseguiu atingir o primeiro lugar e assim garantir a subida à segunda divisão. Manteve-se nesta competição durante 5 anos, até que no inicio dos anos 60, o Rayo Vallecano Athletic Association volta a descer à terceira divisão.

rayo vallecano

Equipa do Rayo Vallecano em 1924

Nos anos 60, o clube jogou na terceira divisão terminando os campeonatos sempre muito perto do topo da tabela. No entanto, só na temporada 1964-1965 é que consegue alcançar o primeiro lugar, garantindo assim, mais uma vez, a subida à segunda divisão. Permaneceu nesta durante 12 anos consecutivos. Durante todos estes anos, os resultados não foram bons, mantendo-se sempre a meio da tabela classificativa da segunda divisão, poucos foram os anos em que conseguiu chegar perto do topo. Na temporada 1967-1968 conseguiu chegar ao 4º lugar do campeonato, contudo, nos anos seguintes os resultados foram piorando. Só em 1976-1977 é que o Rayo Vallecano consegue a subida à primeira divisão, ficando essa temporada marcada, por a equipa não ter perdido um único jogo no Nuevo Estádio de Vallecas. Na temporada seguinte, o clube fez uma magnifica exibição, terminando a temporada em 10º lugar e conseguindo atingir os 10 mil sócios. Permaneceu na primeira divisão por mais dois anos, em 1978-1979 o clube não consegue manter os resultados, terminando o campeonato em 16º lugar, descendo então à segunda divisão.

Nos anos 80 o Rayo Vallecano jogou sempre na segunda divisão, excepto na temporada 1984-1985 que jogou na segunda divisão B, pois na temporada antes terminou o campeonato na 20ª posição. Nestes anos, as exibições da equipa não foram boas, não chegando perto da subida para a primeira divisão. O seu melhor resultado foi um 5º lugar nas temporadas 1986-1987 e 1987-1988, sendo que se notava um crescimento na qualidade do futebol no clube. Em 1988-1989 o Rayo Vallecano conseguiu alcançar o 2º lugar, garantindo assim acesso à primeira divisão. A sua presença na primeira divisão foi curta, sendo que, terminou o campeonato em 20º lugar, voltando a descer à segunda divisão. Em 1991 o clube tornou-se uma Sociedade Anónima Desportiva, tendo o empresário José Maria Ruiz Mateos comprado a maioria das acções, tornando-se assim presidente do clube em tempos de crise económica. O clube sobe mais uma vez à primeira divisão em 1992-1993, sendo o treinador José Antonio Camacho.

No dia 12 de Janeiro de 1994, o presidente foi substituído pela sua mulher, Maria Teresa Rivero Sanchez-Romate, sendo a primeira mulher como presidente de um clube de futebol da primeira divisão. Nesse mesmo ano, o nome do clube alterou-se para Rayo Vallecano de Madrid. Em 1993-1994 o Rayo Vallecano termina a temporada em 17º lugar, voltando para a segunda divisão. Na temporada seguinte, termina 2º lugar na segunda divisão, alcançando novamente a primeira divisão. Nesta mesma temporada o clube consegue chegar aos quartos-de-final da Taça do Rei, perdendo contra Sporting de Gijón. Manteve-se na primeira divisão por duas temporadas até que em 1997-1998 ficou em 18º lugar, descendo novamente para a segunda divisão.

rayo vallecano

Equipa do Rayo Vallecano em 2012-2013

No início do novo milénio o Rayo Vallecano consegue alcançar a primeira divisão, mantendo-se nesta por quatro anos, mas sem grandes resultados. O clube nunca conseguiu alcançar os lugares do topo. Em 2002-2003 terminou o campeonato em 20º lugar, voltando a descer à segunda divisão. Na temporada seguinte, passaram pelo clube três treinadores, de forma a, obter bons resultados. Contudo, tal não foi possível e o Rayo Vallecano não conseguiu evitar a descida à segunda divisão B. O clube jogou na segunda divisão B por quatro anos consecutivos, ficando sempre muito perto da subida, mas só a conseguindo em 2007-2008, terminando o campeonato em primeiro lugar. Na temporadas seguinte, o Rayo Vallecano jogou na segunda divisão até que em 2010-2011 consegue o 2º lugar, alcançado o grande objectivo – a primeira divisão. Em 2011-2012 o Rayo Vallecano consegue apenas o 15º lugar no campeonato e na Taça do Rei não consegue passar dos trinta-e-dois-avos, perdendo contra o Racing Santander. Na temporada seguinte, as suas exibições melhoraram bastante, conseguindo o excelente 8º lugar, contudo, na temporada de 2013-2014, volta a descer na tabela classificativa, terminando em 12º lugar mas alcançado os dezasseis-avo na Taça do Rei, perdendo frente ao Levante por 1-0.