Sugerir atualização
Tem mais informação sobre Palmeiras?

Sugira aqui uma actualização

Sugerir

Estádio allianz parque
Allianz Parque
  • País: Brasil
  • Cidade: São Paulo
  • Capacidade: 46.700

Ver ficha

O Sociedade Esportiva Palmeiras foi fundado em 1914 depois de os italianos do Torino e do Pro Vercelli terem por lá feito uma digressão. Esta digressão dos clubes italianos impulsionou quatro jovens da comunidade italiana de São Paulo a fundar o clube que à altura chamaram de Palestra Itália. Durante o ano de fundação o futebol do clube foi apenas praticado entre os seus associados, para depois, em 1915 começarem a disputar partidas de carácter amigável. Foi então em 1916 que o Palestra Itália conseguiu entrar para a Associação Paulista de Esportes Atléticos depois de o campo utilizado pela associação ser desactivado e a fábrica Mazzaro, com raízes italianas que também já tinha apoiado a fundação do Palestra Itália, ter ajudado no transporte das bancadas do antigo reduto para um novo espaço.

logo palestra itália

Primeiro brasão do Palestra Itália.

Iniciando-se assim a competir no campeonato estatal, ainda durante a década de 1910 o Palestra Itália estaria por duas vezes perto do título, sendo a primeira em 1917 e a segunda em 1919, com a conquista da 2ª posição da tabela em ambos os anos. Com o início dos anos 20 o clube chega também às primeiras conquistas, e é logo campeão do Campeonato Paulista em 1920, para depois passar três temporadas consecutivas relegado ao 2º posto. Novo título do Palestra Itália voltaria a acontecer em 1926 depois de realizarem uma campanha irrepreensível com 9 vitórias em 9 jogos e 33 golos marcados, o que lhes conferiu uma média de 3.67 golos por jogo. Na temporada seguinte o Palestra Itália renova o título e fecha assim as conquistas no século 20.

Em 1932 o clube inicia a sua primeira grande senda vitoriosa, com a conquista do tricampeonato Paulista nos anos de 1932, 33 e 34. Durante este período, mais especificamente no ano de 1933 foi também um ano importante para a equipa visto que foi o ano em que terminou a construção do Estádio Palestra Itália, que à data era o maior do Brasil construído em betão. Na década de 30 o Palestra Itália conquistou ainda mais um título, em 1936, para depois iniciar a década de 40 com mais dois títulos de campeão do Campeonato Paulista, em 40 e 42, sendo estes os últimos títulos que o clube conquistou com a denominação original.

Com o rebentamento da 2ª Grande Guerra e devido à aliança italiana com os países do Eixo (Japão e Alemanha), o Brasil cortou todas as relações que tinha com o Governo de Mussolini e por isso ordenou também que todas as nomenclaturas italianas deixassem de existir. Assim em 1942 o Palestra Itália deixa de ser assim conhecido e passa a denominar-se de Sociedade Esportiva Palmeiras, conquistando o seu primeiro título com este nome em 1944, e o segundo em 1947, fechando assim a década.

Os anos 50 iniciam-se da mesma maneira como terminaram os 40, a vencer, começando logo por conquistar o Campeonato Paulista em 1950, ganhando assim um lutar na disputa da Taça Rio Internacional, que foi a primeira competição do gênero do Campeonato do Mundo de Clubes, que o Palmeiras viria a vencer logo nesse ano, conquistando assim o seu primeiro torneio internacional. Depois disto o clube atravessou 9 temporadas em jejum de títulos, voltando apenas a fazer festa em 1960 com mais uma conquista no Campeonato Paulista, que valeu ao clube um lugar na Taça Brasil, que foi a primeira competição nacional a existir naquele país, formada em 1959. A estreia em competições nacionais não podia ter corrido melhor à equipa de São Paulo que conquistou o título logo naquele ano, ganhando assim a qualificação para a Taça Libertadores da América de 1961, onde até atingiram a final, acabando no entanto derrotados pelo Peñarol, do Uruguai, depois de perderem lá 1-0 e empatarem em casa 1-1.

Depois de se mostrar a qualidade do seu futebol no panorama internacional, o Palmeiras voltou a sagrar-se campeão do Campeonato Paulista em 1964, voltando assim à disputa dos campeonatos nacionais em 1965, para daí nunca mais sair. Em 1966 conquista um novo título estatal, que se segue de mais uma vitória na Taça Brasil em 1967, ganhando assim lugar em mais uma Libertadores da América, onde se repetiria a experiência de 1961, com o clube a atingir a final e a ser então derrotado pelo Estudiantes de La Plata. Antes de terminar a década de 60, o Palmeiras conquistaria ainda mais um título de campeão nacional em 1969.

Os títulos na década de 70 acontecem pela primeira vez em 1972, e logo em dose dupla, com a conquista do Campeonato Brasileiro e ainda do Paulista. Em 1973 o sucesso na prova nacional foi repetido, enquanto que para festejar mais um título nacional os adeptos do clube ainda tiveram que esperar mais uma temporada, fazendo então a festa em 1974. Depois deste bis nacional, as prestações do clube no Brasileirão descem de forma e até 1992 a única conquista do clube aconteceu no Campeonato Paulista de 1976, e em 1978 o 2º posto obtido no Campeonato Brasileiro deixou os adeptos perto da surpresa.

scolari palmeiras 1999

Luis Filipe Scolari, treinador do Palmeiras entre 1997 e 2000, a levantar a Taça Libertadores da América conquistada pela equipa em 1999.

Atravessada então a pobre década de 80, o Palmeiras chega aos anos 90 com fome de títulos e, por isso, logo em 1993 sagra-se vencedor de três provas diferentes: Taça Rio-São Paulo, Brasileirão e Campeonato Paulista. Em 1994 repetem-se os feitos nos campeonatos nacionais e estatais. Na temporada seguinte a 5ª posição no Brasileirão valeu à equipa a qualificação para se estrear na Copa Sul-Americana em 1996, onde acabariam por cair ainda nos oitavos de final. Também neste ano, para além da conquista de mais um Campeonato Paulista, o Palmeiras realizou a sua primeira grande campanha na Copa Brasil, atingindo a final onde acabou derrotado pelo Cruzeiro. O sucesso nesta prova acabaria então por acontecer apenas duas temporadas mais tarde, em 1998, onde enfrentaram mais uma vez o Cruzeiro na final, levando agora a melhor sobre os rivais. Também nesta temporada o clube conquista o título da Copa Sul-Americana, à altura denominada de Mercosul, ao derrotar também novamente o Cruzeiro. Em 1999 o clube continuou a amealhar conquistas. Desta vez com a conquista de uma das provas mais importantes para as equipas sul-americanas – a Taça Libertadores da América, ao vencer o Deportivo de Cali na final, fechando assim o séc. XX em festa.

Na primeira temporada do novo milénio o Palmeiras atingiu o sucesso em mais um Taça Rio-São Paulo, deixando depois disto que as prestações da equipa voltassem a cair de rendimento, o que resultaria numa descida de divisão nacional em 2002, depois de um 24ª na Série A do Brasileirão. Ainda assim esta passagem pelo escalão secundário do futebol brasileiro revelaria-se curta, visto que logo em 2003 o Palmeiras consegue a promoção ao vencer a Série B do Campeonato Brasileiro. Depois disto, e apesar das qualificações no campeonato estatal não serem as melhores, o clube ainda conseguiu qualificar-se na 4ª posição da Série A por duas temporadas consecutivas, em 2004 3 2005., o que ainda lhes valeu as qualificações para as Taças Libertadores da América de 2005 e 2006. No entanto, neste último ano, mais uma fraca campanha no campeonato nacional levou a equipa ao 16º posto da tabela, ficando assim fora de qualquer competição internacional em 2007.

O Palmeiras acaba então por recuperar, voltando a sagrar-se campeão estatal em 2008, ano em que consegue também uma nova qualificação para a Libertadores da América de 2009, depois de mais uma 4ª posição na Série A do Brasileirão. Ainda assim, campanha da equipa na prova continental em 2009 esteve longe das melhores e o Palmeiras acabou por cair nos quartos de final. Depois disto o clube apenas se conseguiu qualificar para Copas Sul-Americanas, tendo atingido os quartos de final em 2009, e os oitavos em 2013. Neste período o único feito do Palmeiras foi a conquista da Taça Brasil em 2012, que salvou uma temporada negra em que a equipa foi despromovida à Série B do Brasileirão depois de se classificar na 18ª posição da tabela do campeonato brasileiro.

A disputa da Série B do Brasileirão acabou por revelar-se curta e o clube alcançou de imediato o regresso à Série A com a conquista do título de campeão da Série B em 2013. Ainda assim, a nível estatal, o Palmeiras continua bem longe do seu melhor, tendo nas últimas duas temporadas terminado a prova no 6º lugar da tabela.