Sugerir atualização
Tem mais informação sobre Genk?

Sugira aqui uma actualização

Sugerir

estadio Cristal Arena
Cristal Arena
  • País: Bélgica
  • Cidade: Genk
  • Capacidade: 25.956

Ver ficha

Koninklijke Racing Club Genk é fruto da convergência de duas equipas da cidade de Genk, o KFC Winterslag e o Waterschei Thor, em 1988. No entanto os administradores do novo clube decidiram adoptar o número de inscrição do Winsterslag na federação belga de futebol, fixando consecutivamente 1923 como ano de fundação do KRC Genk.

Ao adoptar o número de inscrição do Winterslag o Genk iniciou-se a competir na Primeira Divisão Belga, sendo no entanto despromovido ao fim da primeira temporada. No ano seguinte, a competir na Segunda Divisão Belga o Genk alcança o regresso ao escalão de topo belga e fixa-se nele, alcançando o seu primeiro título na temporada 1997/98 ao vencer a Taça da Bélgica. Este título, em conjunto com a 2ª posição no campeonato valeu à equipa a primeira qualificação para a uma competição europeia –  a Taça das Taças, onde acabou eliminado nos dezasseis-avos de final. Ainda nessa temporada, apesar da eliminação na Europa, o Genk torna-se pela primeira vez campeão belga para grande alegria dos adeptos.

Depois da primeira vitória no campeonato o clube passou por momentos pouco consistentes, tendo-se classificado em 9º e 11º nos dois campeonatos seguintes. No entanto na temporada 2001/02 o Genk voltou novamente a mostrar do que era capaz e repetiu a conquista do título de campeão da Bélgica. Na temporada seguinte o clube alcança pela primeira vez a fase de grupos da Champions League, acabando no entanto eliminado no final desta fase apesar dos empates frente à Roma, Real Madrid e AEK.

Depois de mais um excelente segundo posto alcançado na temporada 2006/07 o Genk baixou de forma e efectuou 3 épocas de baixo calibre, terminando sempre na zona central da tabela. No entanto durante este período o Genk conquistou ainda mais uma Taça da Bélgica na temporada 2008/09, o que lhes valeu mais uma qualificação europeia. No entanto, este único troféu não salvou três temporadas mal conseguidas, pelo que no inicio de 2010 Franky Vercauteren assumiu o comando técnico da equipa para a conduzir logo em 2010/11 a mais uma conquista do título de campeão nacional.

O título não se voltou a repetir desde então, mas o Genk continua a fazer a história e na temporada 2012/13 ultrapassou pelo primeira vez a fase de grupos da Liga Europa, participando assim pela primeira vez numa fase mais avançada de uma competição europeia.