Sugerir atualização
Tem mais informação sobre Fortaleza?

Sugira aqui uma actualização

Sugerir

O Fortaleza Esporte Clube nasceu em 1918 na cidade que lhe dá jus ao nome pela mão de um jovem, Alcides Santos que já em 1912, após regressar duma viagem a França onde adquiriu a paixão pelo futebol, tinha tentado fundar uma equipa com o mesmo nome, no entanto sem sucesso. Finalmente em 1918, com o futebol já implantado na cidade, a ideia vai avante e nasce o clube que logo no primeiro ano de existência conquista de imediato um campeonato amador da cidade e cola-se ao Ceará no topo do Campeonato Cearense, terminando as temporadas de 1918 e 1919 em 2º.

Após dois anos a classificar-se na segunda posição o Fortaleza consegue finalmente impor-se e conquista o bicampeonato em 1920 e 1921, sendo interrompido em 1922 pelo Ceará. Este foi o inicio de uma grande rivalidade que se viria a confirmar quando o mesmo episódio se repete apenas dois anos mais tarde, novamente após o bicampeonato do Fortaleza de 1923 e 24 que o Ceará interrompe de novo em 1925. Ainda assim o Fortaleza não se deixou abater e afirmou-se ainda mais, conquistando o tricampeonato nos anos de 1926 a 1928, interrompendo em 1929 a senda vitoriosa depois de divergências directivas que motivaram o abandono do clube das competições até ao ano de 1932.

Na década de 30 o Fortaleza repete os bicampeonatos dos dez anos anteriores, conquistando dois títulos consecutivos por duas vezes, em 1933 e 34 e 1937 e 38. No inicio da década de 40 é inaugurado o Estádio Presidente Vargas onde o clube continuou com as suas excelentes campanhas nos campeonato estatais, conquistando o primeiro título no novo reduto em 1946, repetindo-o ainda por mais duas vezes na década, em 1947 selando o bicampeonato, e em 1949.

Os anos continuaram e o Fortaleza continuou a conquistar títulos estatais. Os primeiros da década de 50 aconteceram de forma consecutiva nas temporadas de 53 e 54, sendo repetidos quatro temporadas depois, em 1959 e 60. Este início dos anos 60 foi para o Fortaleza um dos melhores inícios de década. Para além do campeonato estatal conquista, o clube atingiu também neste ano de 1960 a final da Série A do Campeonato Brasileiro, no entanto sem grande sucesso, pois o Fortaleza perdeu os dois jogos da final disputada a duas mãos para o Palmeiras, o primeiro na sua casa, por 3-1 e o segundo em terreno hostil por 8-2, sendo assim derrotado por um agregado de 11-3. Esta viria então a ser a melhor década da história do Fortaleza, que em 1968 repetiu o feito de 60, sendo desta vez derrotado pelo Botafogo, conquistando nos anos intermédios três campeonatos e ainda mais um em 1969.

No entanto, depois de uma década de 60 em altas, nos anos 70 0 Fortaleza nada conseguiu fazer contra a superioridade assumida pelo Ceará que apenas permitiu que o Leão do Pici conquistasse o título por duas vezes, sendo no entanto em forma de bicampeonato, nas temporadas de 1973 e 74. Depois deste bis o clube acabaria por ficar em jejum por 9 temporadas, voltando a conquistar o título do campeonato estatal em 1982 e 1983, novamente na forma de bis. Depois de mais um bis, surgiram os títulos isolados nos Campeonatos Cearenses de 1985 e 1987.

Na década de 90 o Fortaleza voltou a apresentar-se abaixo das expectativas tendo conquistado apenas dois títulos de campeão do Ceará, de forma consecutiva, em 1991 e 1992. Depois deste bicampeonato o clube voltou a ficar afastado dos principais lugares do Campeonato Cearense, não voltando a conquistar nenhum título antes da entrada no novo milénio. Com a virada do século os jogadores ganharam também motivação para virarem as más exibições do Fortaleza e levarem o clube de regresso ao trilho das glórias, o que aconteceu logo no ano 2000 com mais um conquista do Campeonato Cearense. Esta conquista repetiu-se em 2001, selando assim mais um bis nos campeonatos estatais. Em 2002 o Ceará causou nova interrupção na senda vitoriosa do Fortaleza que se vingou logo nas três temporadas seguintes com um tricampeonato estatal que foi interrompido em 2006, de novo pelo Ceará. Desde então, o Fortaleza conquistou 4 títulos consecutivos, entre 2007 a 2010, sendo depois disto incapaz de se voltar a superiorizar ao Ceará que conquistou todos os títulos do Campeonato Cearense desde 2011 até 2013, dividindo assim com o Fortaleza a totalidade dos títulos do Campeonato Cearense do novo século.