Sugerir atualização
Tem mais informação sobre Dínamo Kiev?

Sugira aqui uma actualização

Sugerir

Stadion Kiev
Olímpico de Kiev
  • País: Ucrânia
  • Cidade: Kyiv
  • Capacidade: 70.050

Ver ficha

O Dínamo de Kiev é um clube ucraniano que nasceu em 1927, descendente da recém formada associação desportiva de Dínamo, com raízes na polícia secreta da URSS, realizou o seu primeiro jogo logo no ano seguinte frente ao Bila Tserkva, tendo sido derrotado por 2-1.

Com o inicio da actividade competitiva o clube definiu como objectivo ser melhor e mais forte que os clubes da capital soviética – Moscovo, que era na altura um objectivo para qualquer clube da zona soviética. Atendendo a essas necessidades, os líderes da zona soviética ucraniana elevaram o clube a um estatuto de equipa nacional oferecendo-lhes generosas condições, fazendo com que este fosse desde cedo na sua história um grande clube internacional.

Em 1936 era realizado o primeiro campeonato soviético e o Dínamo não desiludiu, apesar de não ter conseguido o mais importante – o título, o clube alcançou um muito honroso segundo lugar. Na segunda edição da prova o Dínamo ficou-se pelo 3º lugar, que não deixou de deixar os adeptos orgulhos que nas épocas seguintes viram as prestações do clube decrescer, até que em 1941, depois de nove partidas disputadas, o campeonato foi interrompido pela segunda grande guerra.

Durante este período bélico a maioria dos jogadores do Dínamo e de outros clubes ucranianos empregaram-se numa padaria ucraniana e continuaram a jogar futebol numa vertente amadora. Aquando da ocupação de Kyev pelos nazis estes jogadores foram convidados a jogar contra uma equipa do exército alemão, sob o nome de “Start”. Oito jogadores do Dínamo e três do Lokomotiv de Kiev faziam esta equipa que não teve dificuldade em vencer o primeiro jogo, sendo então escolhida pelo exército nazi e seus aliados outra equipa mais forte para defrontar os Start. Mais uma vez os nazis não tiveram sorte e voltaram a perder o jogo, bem como os seguintes que quiseram disputar, até que a 16 de Agosto de 1942 foi o Rukh o escolhido pelos alemães para defrontar os Start. Mais uma vez os jogadores ucranianos não perdoaram e venceram a modesta equipa do Rukh por 8-0. A partir desse dia jogadores dos Start começaram a ser presos sem razão aparente, sendo muitos torturados e até mortos. Esta partida entre o Start e o Rukh ficou para sempre conhecido na história do futebol ucraniano como “The Death Match” e foi já argumento para vários filmes.

Depois da guerra o clube não conseguiu chegar imediatamente à ribalta, desfalcado de muitos e importantes jogadores, o Dínamo esperou que tudo voltasse ao normal para em 1989 se separar da associação desportiva de Kyev, tornando-se assim num clube independente, ao mesmo tempo que era formada a Primeira Liga Ucraniana, depois da queda da URSS. Os primeiros anos como independente não foram fáceis, muito por culpa do dirigente Viktor Bezverkhy que logo em 1993 foi obrigado a abandonar o clube, deixando-o na banca rota.

Apesar de tudo o clube não deixou de ser dos mais consagrados da Ucrânia e ocupou uma das duas posições cimeiras da tabela classificativa em todos os campeonatos realizados até hoje, tendo tido uma das suas melhores épocas europeias em 2009 quando atingiu as meias finais da Liga Europa, tendo sido eliminado pelo arquirival ucraniano – Shakhtar Donetsk. Esta foi também a época do último campeonato ucraniano para o Dínamo, que desde aí fica relegado ao segundo lugar pelo Shakhtar.