Sugerir atualização
Tem mais informação sobre Anderlecht?

Sugira aqui uma actualização

Sugerir

estadio Constant Vanden
Constant Vanden
  • País: Bélgica
  • Cidade: Anderlecht
  • Capacidade: 29.042

Ver ficha

O Royal Sporting Club Anderlecht nasceu em 1908 na cidade belga que dá nome à equipa. Fruto da paixão de alguns entusiastas do futebol, o inicialmente chamado Sporting Club Anderlechtois, estreou-se nas competições oficiais logo no ano seguinte ao disputar a 3ª divisão distrital da Bélgica. Em apenas 4 anos, na temporada 1912/13 o Anderlecht atinge a segunda liga belga. No entanto, neste ano iniciou-se também a 1ª Grande Guerra, o que causou uma pausa nos campeonatos que viriam a ser concluídos apenas na temporada 1919/20. Foi então na temporada seguinte que o Anderlecht alcança finalmente a promoção à Primeira Liga Belga.

A estreia do clube no principal escalão de futebol belga não correu da melhor forma à equipa que foi despromovida logo em 1923, conseguindo no entanto recuperar no ano seguinte. Este episódio repetiu-se por mais duas vezes durante a década de 20, em 1926 e 1928 quando desceu para subir em 1927 e 1929, respectivamente. No entanto o Anderlecht não iria ter sempre esta sorte e quando desceu em 1931 as coisas já não foram tão fáceis, com o clube a atravessar 4 longos anos sempre no escalão secundário do futebol belga, retornando à primeira liga apenas em 1935. Foi também durante este período, mais precisamente em 1933, ano dos festejos dos 25 anos de história da equipa, que a designação nominal desta foi alterada para a actual.

Depois de alcançar a subida definitiva à Primeira Liga Belga o Anderlecht demorou ainda algum tempo a consolidar-se nessa prova. Durante esse tempo a direcção aproveitou para acrescentar bons valores ao plantel, realizando no ano de 1942 uma contratação por valores a rondar os 125.000 francos belgas, um recorde para a altura. No entanto, o investimento foi justificado pouco tempo depois com a conquista do primeiro campeonato do clube em 1947. Depois do primeiro a equipa ganhou motivação e aumentou o rendimento para entrar nos anos 50 em força e conquistar uns impressionantes 6 campeonatos consecutivos em 6 temporadas, de 1949/50 a 1955/56. Nesta última época o Anderlecht esteve também presente na primeira prova da Liga do Campeões, sendo eliminado logo nos oitavos-de-final, primeira fase da fase final da prova, pelo Voros Lobogó da Hungria.

Durante os anos que se seguiram o Anderlecht manteve a superioridade no campeonato belga. Já na Europa a história não foi semelhante e os adeptos belgas tiveram que esperar pela temporada 1962/63 para verem o seu clube a vencer a primeira eliminatória a duas mãos, e logo frente ao colosso espanhol Real Madrid, ao vencerem por 1-o a partida em casa para depois se deslocarem a Espanha para arrancar o empate a 3 bolas ao Real. Ainda assim, o Anderlecht só atingiu a sua primeira final europeia na temporada 1969/70, quando disputou contra o Arsenal a Taça Intercidades que acabaria por perder para os ingleses.

Na temporada 1973/74 o Anderlecht conquista o seu último título nacional da década de 70, compensando então os restantes 5 anos até 1980 ao conquistar 4 taças internacionais. A primeira conquista aconteceu logo em 1975/76, primeiro com a Taça das Taças, numa final vencida ao West Ham United por 4-2. No seguimento deste troféu deu-se a conquista da Supertaça Europeia, numa final disputada a duas mãos frente ao Bayern de Munique que os belgas venceram com um agregado de 5-3. Esta dupla conquista repetir-se-ia então na época 1977/78, quando bateram o Áustria de Viena na final da Taça das Taças (4-0) e o Liverpool na final da Supertaça Europeia com um agregado de 4-3, depois de uma vitória por 3-1 em casa e uma derrota por 2-1 em Anfield Road.

anderlecht vs benfica

Final da Taça UEFA entre Anderlecht e Benfica na temporada 1982/83.

Em 1980/81 o clube conquista novamente o título de campeão belga, qualificando-se mais uma vez para as competições europeias, onde desta vez disputou a Taça UEFA de 82/83 para conquistar mais um título, numa campanha onde eliminaram numa fase mais inicial o FC Porto, tornando-se na partida final nos verdadeiros carrascos dos portugueses ao vencerem o Benfica com um agregado de 2-1. No ano seguinte o Anderlecht fez de tudo para renovar o título de campeão desta prova, incluindo pelo menos um suborno ao árbitro que apitou a semi-final entre o clube belga e os ingleses do Nottingham Forest onde o Anderlecht venceu no final das duas mãos por 3-2.

Apesar de ter falhado a conquista do segundo título consecutivo da Taça UEFA, o Anderlecht conquistou nesse ano o título de campeão nacional que lhes fugia há 3 temporadas, repetindo-o ainda nas duas temporadas seguintes 1985/86 e 1986/87. Depois deste último título o clube perderia alguns jogadores transferidos para ligas mais competitivas, voltando apenas a atingir uma final europeia em 1990 quando deixou os italianos da Sampdoria levarem o título. Depois desta final o futebol dos belgas perdeu o ímpeto que vinha a ter até aqui, sendo mesmo esta a última final europeia do Anderlecht.

O Anderlecht prosseguiu então na sua história virando cada vez mais atenções para os campeonatos nacionais, tendo conquistado 5 títulos durante toda a década de 90. A estes acrescentam-se ainda as 4 Supertaças e uma Taça da Bélgica. Esta superioridade nos campeonatos belgas manteve-se com a viragem do século, tendo o Anderlecht conquistado mais 5 títulos de campeão nacional até 2010, ano em que voltou a escrever história ao ultrapassar a fase de grupos da Liga Europa com 6 vitórias nos 6 jogos realizados, feito único para o clube.

Sendo o Anderlecht um dos clubes mais bem sucedidos da Bélgica, apesar de já não ter a mesma presença europeia que lhe era conhecida nos dourados anos 80 este clube será em qualquer situação um adversário complicado para qualquer equipa.