Menu

Connecticut Sun – New York Liberty (WNBA)

A época da WNBA 2014 abre com um interessante encontro entre duas equipas que materializaram a operação mais surpreendente da pré-temporada, com a saída de Tina Charles das Sun para a equipa de New York. Será sob o símbolo desta troca que Connecticut receberá a nova temporada, já preparada para saudar aquela que chega para ser a substituta de Charles, não só na posição dentro de campo, mas também como imagem da equipa: Chiney Ogwumike, primeira escolha do Draft deste ano e uma atleta a quem se prevê uma longa carreira de qualidade na WNBA.

As Connecticut Sun foram, na passada temporada, a equipa mais frágil da Conferência Este, somando 10 vitórias e 24 derrotas na temporada regular e falhando o apuramento para o Playoff. De alguma forma, a equipa demonstrava, em campo, os problemas que pareciam ir somando-se no balneário e que a treinadora Anne Donovan acabou por confirmar, reconhecendo também a sua incapacidade para lidar com a falta de motivação da sua principal estrela. Assim sendo, terá sido um alívio para a estrutura ver sair Tina Charles, conseguindo algo em troca, que neste caso é uma jogadora também interior, Kelsey Bone, que deverá fazer par com Katie Douglas como novas líderes das Sun. No entanto, foi no Draft que as Sun conseguiram dois reforços de impacto, primeiro com Chiney Ogwumike, que deverá entrar como poste titular, e depois com Alyssa Thomas, uma jogadora bastante completa e que, evoluindo da forma certa, poderá vir a ser um caso sério no basquetebol profissional. Aliás, os números na pré-temporada mostram isso mesmo: a experiência de Katie Douglas e as duas rookies são quem estão em melhor momento para começar a ajudar Connecticut a levantar-se das cinzas.

WNBA

Para as New York Liberty, treinadas pelo conhecido Bill Laimbeer, que chegou a ser campeão da NBA ao serviço dos Detroit Pistons, este poderá também ser um ano de renovação. Na temporada passada, a equipa nova-iorquina também falhou o playoff, tendo somado 11 vitórias e 23 derrotas, apenas mais um jogo ganho do que o seu adversário desta madrugada de sexta-feira. Assim, entrar a ganhar poderá marcar decisivamente a temporada de uma ou outra equipa. Tina Charles, a nova estrela da equipa, não foi utilizada na pré-temporada e está em dúvida, pelo que a responsabilidade de conduzir o conjunto neste primeiro encontro estará nas mãos de Delisha Milton-Jones e Essence Carson, duas experientes atletas na competição. Será de esperar ver em que momento de forma estarão ainda Cappie Pondexter e Plenette Pierson, que são outros dois nomes que contarão, seguramente, para aquilo que as Liberty poderão alcançar esta temporada, sendo que a espanhola Anna Cruz é a única rookie a ganhar lugar no plantel que abre a época.

Os primeiros jogos da temporada revelam sempre um elevado potencial de surpresa, mas neste momento, parece ser o conjunto de Connecticut quem atingiu, já, uma melhor capacidade física. No entanto, a equipa de New York tem muita experiência acumulada e quererá começar da melhor forma possível, até para marcar, desde já, o seu lugar na luta pelo playoff.

A Bet365 oferece-lhe 50€ de bónus para apostar neste jogo: http://bitly.com/50eurbonus

Prognóstico Odd Casa Erro
Handicap: Connecticut -2.5 1.90 Bet365
WNBA Sun
Connecticut Sun
  • País: Estados Unidos
  • Estádio:
  • Cidade:
  • Fundação:

Ver ficha completa

WNBA Liberty
New York Liberty
  • País: Estados Unidos
  • Estádio:
  • Cidade:
  • Fundação:

Ver ficha completa

Luís Cristóvão
Luís Cristóvão
  • Próg. realizados 2800
  • Média Odds usadas 2.16
  • Próg. certos 1319
  • Próg. errados 1442
comments powered by Disqus

Últimos jogos