A gestão de banca é um dos principais aspectos a ter em consideração no que diz respeito às apostas desportivas, principalmente porque a grande maioria dos apostadores menos experientes, tem tendência para cometer erros na forma como gerem o seu capital disponível nas diversas casas de apostas. Independentemente da casa de apostas que você escolha, seja a bolsa de apostas Betfair ou a casa de apostas Bet365, por exemplo, os modelos de gestão de banca são precisamente idênticos e transversais a todas as casas de apostas onde você possa colocar o seu dinheiro. No nosso tutorial sobre Gestão da Banca em Trading, falámos precisamente de algumas dessas estratégias, aplicadas à bolsa de apostas Betfair, sendo que os mesmos princípios poderão ser igualmente aplicados a outras casas de apostas como a Bet365, Bet-At-Home, Dhoze, etc.

Definir o valor da sua banca para apostas é um aspecto muito importante a ter em consideração por forma a assegurar que apostadores iniciantes se colocam na mesma posição e método de operação idêntico a um apostador profissional. Defina concretamente um valor específico de dinheiro que pretende ter disponível para realizar apostas desportivas, durante um período de tempo igualmente específico, e mantenha-se fiel a esse princípio.

Existem diversas formas de definir o valor da sua banca para apostas, sendo que a decisão final será sempre tomada por si, enquanto apostador. Vejamos então 5 formas de você definir corretamente a sua banca para apostas. Escolha o método que mais lhe agrada, e mantenha-se fiel aos seus princípios enquanto apostador.

banca de apostas

Média Semanal

Este método é provavelmente um dos mais fáceis e simples de usar por apostadores menos experientes. Ele funciona através do cálculo do montante que você gastou em média, por semana, multiplicando esse valor para que tenha um resultado anual.

  • Se você por norma investe 50 Euros por semana em apostas desportivas, multiplicando esse valor por 52 semanas, você sabe que à partida o valor da sua banca anual é de 2,600 Euros.

Obviamente, os valores de investimento semanais variam de apostador para apostador, pelo que o essencial é que você consiga perceber concretamente qual o valor de investimento médio por semana que você faz, e depois ajustar o cálculo a essa realidade, para ter disponível o valor anual de investimento.

Média Mensal

Este método é similar ao método semanal, mas caso você saiba concretamente quanto investe mensalmente nas suas apostas desportivas, você poderá multiplicar esse valor por 12 meses e então descobrir o valor do investimento anual que você faz, e manter-se fiel a esse compromisso.

  • Se você investe em média 100 Euros por mês em aposta desportivas, multiplique esse valor por 12 meses, e perceba que o valor da sua banca anual será de 1,200 Euros.

Novamente, não esqueça de alterar os valores para as suas médias, e descobrir concretamente quais os valores anuais com que você deverá trabalhar a sua banca para apostas.

Dimensão da aposta em %

O terceiro método disponível ao nível da gestão de banca e definição dos valores de banca disponíveis para apostas, está relacionado com a dimensão das suas apostas em jogos e eventos, que posteriormente o ajudarão a definir concretamente qual o valor de banca disponível que você deverá ter na sua conta numa determinada casa de apostas. Se definirmos que o valor das suas apostas não será superior a 2% – 5% da sua banca (ou um multiplicador de 20 – 50) a partir do valor que você costuma apostar, poderemos saber concretamente qual o valor da sua banca para apostas. Vejamos:

  • Exemplo: Se por norma você aposta 50 Euros por jogo/evento você deverá multiplicar esse valor por 20 para chegar ao valor 1,000 Euros, que deverá ser a sua banca de apostas. Com estes valores, você nunca irá arriscar mais de 5% da sua banca de apostas.
  • Exemplo: Se por norma você aposta 50 Euros por jogo/evento, mas não pretende investir mais de 2% da sua banca por cada aposta, você terá de multiplicar o valor de 50 Euros por 50 para chegar a um valor de 2,500 Euros, que deverá ser o montante disponível na sua casa de apostas.

Este método relaciona o valor da sua aposta típica, com o valor total da sua banca para apostas, tendo em consideração que você não pretende investir mais de 2% – 5% do valor total da sua banca de apostas. Obviamente, estes valores não são taxativos, uma vez que existem casos de apostadores interessados em arriscar até 10% do valor da sua banca por aposta, pelo que este é um método subjectivo, e que você deverá adaptar à sua realidade/condição. Tenha no entanto em consideração que arriscar mais de 10% da sua banca de apostas pode ser um risco tremendo.

Receita semanal

Este método utiliza como base as suas receitas/lucros semanais, tanto ao nível das apostas desportivas, como do seu emprego e/ou de outros investimentos que você tenha na sua vida pessoal. Com base nas suas receitas, calcularemos o valor recomendável da banca para apostas. Tenha em consideração que este método é apenas um guia sendo que você deverá adaptá-lo sempre à sua realidade, usando sempre factores multiplicadores de 1 até 4 para um período de 12 meses. Vejamos dois exemplos novamente:

  • Se as suas receitas semanais são de 500 Euros (o que dará algo como 26,000 Euros por ano) e usarmos um multiplicador 1, chegaríamos a um resultado de 500 Euros. Ao invés disso, se usarmos um multiplicador 4, chegaríamos ao valor de 2,000 Euros, que deveria ser o valor de investimento anual em apostas online.
  • Se as suas receitas semanais forem de 2,000 Euros (equivalente a 104,000 Euros por ano) você poderá investir em apostas desportivas algo como 2,000 Euros até 8,000 Euros por ano, sem colocar as suas finanças pessoais em causa.

O factor de multiplicação é logicamente variável de indivíduo para indivíduo, sendo que você deverá fazer as devias adaptações à fórmula, para encontrar a solução que melhor se adapta às suas circunstância de vida, sem nunca colocar em causa a sua gestão financeira.

Saúde Financeira

Por fim, este último método tem a ver com a saúde financeira do apostador, mais concretamente dinheiro que o mesmo tenha disponível para investimentos relacionados a apostas desportivas, e tem como base esse valor e uma percentagem dele para ser usada como a banca para apostas. Os exemplos abaixo usam percentagens de 2.5% e 10% sendo que quanto maior for o capital disponível para trabalhar, maior será a segurança e confiança do apostador.

  • Se você tem 20,000 Euros disponíveis para investimento, e pretende colocar 2.5% nas apostas desportivas, o seu investimento será de 500 Euros numa determinada casa de apostas, enquanto que se pretende alocar 10% do valor, você poderá iniciar com uma banca de 2,000 Euros.
  • Se você tiver algo como 1,000,000 Euros disponíveis, você poderá investir entre 25,000 Euros e 100,000 Euros na sua banca de apostas desportivas.

Alguns destes valores podem parecer muito altos e obviamente cada pessoa tem o seu nível de saúde financeira, mas a verdade é que à medida que você trabalha e estuda as apostas desportivas, você irá perceber que em determinados momentos, você está simplesmente a fazer investimentos, como em qualquer outro tipo de negócio, que exigem riscos, mas que têm sempre como objectivo o lucro e rentabilização.

Seguindo um dos métodos acima descritos, você deverá ser capaz de definir concretamente a sua banca para apostas desportivas, sem comprometer as suas finanças pessoais e/ou a sua vida familiar, e então começar a realizar apostas e a fazer investimentos de forma pensada e objectiva.

Tenha também em consideração que os fundos que você define como a sua banca de apostas, deverão ser calculados num intervalo de 12 meses, ou seja, a sua banca de apostas para um ano de atividade. Desta forma, independentemente dos resultados das suas apostas e/ou num cenário extremamente pessimista/negativo, você nunca irá colocar em causa a sua vida pessoal, familiar e financeira.

Boas Apostas!