Menu

Colômbia – Estados Unidos (Torneio de Toulon)

Segunda jornada do Grupo A do Torneio de Toulon com a Colômbia, que bateu a Coreia do Sul na primeira ronda, a defrontar os Estados Unidos, que saíram goleados pela equipa da casa. No frente a frente, os Estados Unidos procurarão pontuar, de forma a ainda poder sonhar com um difícil lugar entre os dois primeiros do grupo, posição onde os colombianos esperam estar no final desta primeira fase.

Ainda assim, da Colômbia esperava-se muito mais do que aquilo que foi capaz de mostrar na partida frente à Coreia do Sul. Apesar de ter sido mais contundente do que os coreanos, os colombianos não conseguiram marcar na primeira parte, permitindo até que o perigo rondasse a sua baliza. Só no segundo tempo, aos 63 minutos, conseguiram o golo da vitória, através de Miguel Borja, avançado saído do banco. Curioso facto, o técnico colombiano esperou 60 minutos para fazer a única substituição da partida, sendo a sua aposta no jogador que valeu o golo. De destacar na equipa sul-americana a dupla de centrais, composta por Aguilar e Vergara, enquanto na frente, o organizador de jogo, Sebastian Pérez e o extremo direito Luís Mena são os jogadores que poderão levar mais perigo ao último reduto da equipa norte-americana.

Onze provável: C. Bonilla – H. Palacios, F. Aguilar, J. Vergara, A. Correa – L. Mena, G. Celis, S. Pérez, B. Angulo – H. Mojica e J. Cordoba.

Torneio de Toulon 2013A seleção dos Estados Unidos prometia ser uma equipa com fragilidades e o jogo frente à França comprovou isso mesmo, tendo saído goleada por 1-4 e apenas dando sinais de alguma competitividade durante alguns momentos na segunda parte do jogo. Cody Cropper, o guarda-redes que pertence aos quadros do Southampton, facilitou imenso no segundo golo dos franceses, ficando marcado numa partida em que a dupla de centrais composta por Payeras e Torre Howell deixou muito a desejar. Sendo de assinalar que o conjunto francês era muito mais poderoso, foi sempre complicado para os norte-americanos conseguirem organizar alguma jogada, com os seus jogadores a conseguirem apenas algum espaço quando a bola era jogada longa e em velocidade, com Daniel Cuevas Granados e Joaquín Hernandez a surgirem na busca do golo. Esse golo acabaria por aparecer na marcação de um livre direto, por Joya Jiménez, capitão de equipa e jogador mais evoluído do conjunto norte-americano. A jogar no Santos Laguna, do México, Joya Jiménez procurou, a espaços, segurar a bola e pensar o jogo de forma a tentar bater a vantagem francesa. No encontro frente à Colômbia, os Estados Unidos terão que demonstrar mais qualidade, na busca de pontos que lhes permitam continuar na luta por um dos lugares no topo do grupo.

Onze provável: C. Cropper – E. Miller, J. Payeras, J. Torre Howell, J. Ocegueda – Joya Jiménez, W. Trapp, C. Martin – Daniel Cuevas Granados, A. Koroma, J. Hernandéz.

Total favoritismo para o conjunto colombiano, que parece ter um ritmo competitivo bastante mais elevado dos que os norte-americanos. Atenção, no entanto, para a velocidade do ataque dos Estados Unidos, que poderão alcançar o golo e dificultar a vitória da Colômbia.

A Bet365 oferece-lhe 50€ de bónus para apostar neste jogo: http://bitly.com/50eurbonus

Prognóstico Odd Casa Sucesso
Resultado final: Colombia 2.00 Bet365
colombia
Colômbia
  • País: Colômbia
  • Estádio:
  • Cidade: Bogotá
  • Fundação: 1924

Ver ficha completa

Estados Unidos
Estados Unidos
  • País: Estados Unidos
  • Estádio:
  • Cidade: Washington, D.C.
  • Fundação: 1913

Ver ficha completa

Luís Cristóvão
Luís Cristóvão
  • Próg. realizados 2880
  • Média Odds usadas 2.15
  • Próg. certos 1352
  • Próg. errados 1491
comments powered by Disqus

Últimos jogos