Menu

Cabo Verde – Guiné Equatorial (Qualificação Mundial 2014)

Depois de terem perdido por 3-4 na Guiné Equatorial, os Tubarões Azuis pareciam ter ficado definitivamente afastados da corrida pela presença no Mundial 2014, no Brasil, num Grupo B onde a Tunísia foi sempre o grande favorito ao apuramento. No entanto, com a decisão tomada esta semana pela FIFA, castigando a Guiné Equatorial por utilização irregular de um jogador não especificado nessa partida, o conjunto cabo-verdiano encontrou razões para ter ainda algumas esperanças nesta fase de grupos.

Para este encontro, Lúcio Antunes, selecionador de Cabo Verde, promoveu algumas alterações na sua convocatória. Por lesão ou opção, consoante os casos, ficaram de fora os defesas Guy Ramos e Fernando Varela, o médio Sténio e os avançados Rambé, Odair Fortes e Ryan Mendes. Zé Luís, depois de ter recusado marcar presença na CAN, parece também definitivamente posto de parte pelo técnico. Entre as novidades, há a destacar o central Kay, do Belenenses, Brito, avançado do Gil Vicente, e o extremo Alex, que tem vindo a destacar-se no Girabola, com a camisola do Inter de Luanda. Ao contrário de convocatórias recentes, e tendo em conta que se disputa, neste momento, o Campeonato Nacional de Cabo Verde, Lúcio Antunes chamou jogadores a atuar no seu país, os jovens Admar, defesa, e o médio Bada. Fock, que regressou a casa, para jogar no Batuque, também está presente nas escolhas. Apesar de tudo, será na defesa que se notarão mais as alterações na equipa dos Tubarões Azuis, com Kay a arriscar uma estreia como titular. Daí para a frente, Babanco, Marco Soares e Toni Varela, na intermediária, Platini, Héldon e Júlio Tavares, na frente, deverão ser as escolhas naturais para defrontar uma equipa da Guiné que se mantém uma incógnita.

mundial 2014Perante o castigo da FIFA, a Guiné Equatorial poderá ter agora algumas dúvidas sobre os jogadores a utilizar. No último encontro, frente a Cabo Verde, esta seleção apresentou um onze composto apenas por jogadores nascidos fora do seu território, lançando bastantes dúvidas sobre a legalidade de algumas das naturalizações. Com um castigo não especificado, apenas podemos especular sobre quem recaíram as suspeitas da FIFA. A lista de convocados de Andoni Goicoetxea inclui vários jogadores naturalizados, onde se vão destacando o guarda-redes Danilo, brasileiro de nascimento, que esteve em evidência na CAN 2012, e o avançado Emilio Nsue, nascido em Espanha, autor de três dos quatro golos guineenses na já referida partida. A eles juntam-se mais quatro brasileiros e o colombiano Jimmy Bermúdez, que reconheceu receber uma elevada soma por cada jogo disputado com a camisola da “sua” seleção. Capitaneados por Juvenal, um experiente médio, nascido em Sabadell mas de inegável ascendência guineense, os atletas da Guiné Equatorial procurarão, uma vez mais, perturbar a caminhada de Cabo Verde, que deverá superar-se para ultrapassar uma equipa bastante reforçada, sobretudo nas posições de ataque.

Num jogo bastante aberto, repetindo aquilo que se passou no encontro disputado em Malabo, Cabo Verde terá que demonstrar maior maturidade defensiva, não se deixando, agora, surpreender pela capacidade ofensiva de Emilio Nsue, de longe o jogador mais evoluído do seu adversário. Se Vozinha conseguir comandar bem a sua linha de defesa, os Tubarões Azuis poderão encontrar aqui uma vitória que os coloque com possibilidade de discutir o primeiro lugar com a Tunísia.

A Bet365 oferece-lhe 50€ de bónus para apostar neste jogo: http://bitly.com/50eurbonus

Prognóstico Odd Casa Sucesso
Vitória de Cabo Verde 1.70 Bet365
cabo verde
Cabo Verde
  • País: Cabo Verde
  • Estádio:
  • Cidade: Praia
  • Fundação: 1982

Ver ficha completa

GUINE EQUATORIAL
Guiné Equatorial
  • País: Guiné Equatorial
  • Estádio:
  • Cidade:
  • Fundação:

Ver ficha completa

Luís Cristóvão
Luís Cristóvão
  • Próg. realizados 2838
  • Média Odds usadas 2.16
  • Próg. certos 1332
  • Próg. errados 1468
comments powered by Disqus

Últimos jogos