Menu

Brasil – Espanha (Taça das Confederações)

E eis que chega o encontro que todos esperavam, o grande confronto entre Brasil e Espanha em pleno Maracana, a seleção que organizará o próximo Mundial de Futebol, e que se vê como eterna favorita para esta grande competição, e a seleção que tem ganho todas as competições em que participou nos últimos anos, somando dois Europeus e um Mundial, faltando-lhe apenas garantir uma Taça das Confederações, que lhe escapou entre os dedos na última edição.

O Brasil de Luiz Felipe Scolari sentiu dificuldades frente ao Uruguai e sabe bem porquê – a equipa celeste pressionou o onze canarinho como nenhum outro adversário havia feito até aqui neste torneio e destapou algumas das carências que a equipa brasileira ainda tem. Mesmo perante esse facto, deverá dizer-se que Scolari está a fazer um excelente trabalho à frente do Brasil, conseguindo voltar a tirar o melhor rendimento possível de um grupo com muito talento mas bastante inexperiente a este nível, sobretudo em competições de seleções. O técnico que já conquistou um Mundial, em 2002, tem a experiência e o controlo do balneário, apontando Neymar como a sua estrela e tentando construir o onze para satisfazer as melhores condições possíveis para o criativo do Barcelona. Defensivamente, a equipa vai sendo bem constante, sendo apenas de anotar algumas fragilidades perante equipas que chegam com bola muito perto da área adversária. Dito isto, percebe-se que a Espanha será um teste bem complicado para o quarteto defensivo, sendo necessário que Luiz Gustavo e Paulinho estejam no seu melhor. Finalmente, Hulk e Fred terão que ser capazes de criar perigo, de maneira a libertar espaço para Neymar e Óscar, jogadores que deverão estar muito mais pressionados pela forte defesa do adversário.

Onze provável: Júlio César – Dani Alves, Thiago Silva, David Luiz, Marcelo – Luiz Gustavo, Paulinho – Hulk, Óscar, Neymar – Fred.

Taça das Confederações 2013Espanha teve que voltar às grandes penalidades para aceder a uma final de uma grande competição, mas La Roja é, hoje em dia, um conjunto que deixa poucas dúvidas sobre a sua capacidade para enfrentar momentos chave, seja num Europeu, seja num Mundial. Nenhum jogador espanhol tremeu no momento de marcar e, mesmo depois de um jogo complicado, onde até foram italianas as principais oportunidades, Espanha chega à final com pleno direito.  De resto, o desafio será sobretudo físico, com Espanha a ter muito menos tempo de descanso do que os brasileiros. Mas, mesmo perante esse facto, será bom de assinalar que a equipa espanhola pode, sempre, descansar em posse, colocando o ónus de perseguir a bola na equipa canarinha. Na frente, Fernando Torres, deu sinais de estar de volta ao seu melhor momento, mas não será de todo descabido ver Soldado recuperar o lugar no onze, se estiver totalmente recuperado da lesão que o deixou de fora nas meias-finais.

Onze provável: Casillas – Arbeloa, Piqué, Sérgio Ramos, Jordi Alba – Sergio Busquets – Pedro, Xavi, Fábregas, Iniesta – Fernando Torres.

Espanha e Brasil encontraram-se, pela última vez, num amigável, disputado em 1999, tendo a partida terminada com um empate a zero. O único jogo oficial que os espanhóis venceram frente ao Brasil foi em 1934, pelo que esta é uma excelente oportunidade para que Espanha possa demonstrar que é um país dominador, na atualidade.

Espanha 0-0 Brasil  Jogos Amigáveis 1999
Espanha 3-0 Brasil  Jogos Amigáveis 1990
Espanha 0-1 Brasil  México 86
Brasil 1-0 Espanha  Jogos Amigáveis 1981
Brasil 0-0 Espanha  Argentina 78
Brasil 2-1 Espanha  Chile 62
Brasil 6-1 Espanha  Brasil 50
Espanha 3-1 Brasil  Itália 34

Partida muito equilibrada. O fator casa dá algum ascendente ao Brasil, mas a qualidade e o estilo de jogo favorecem, a toda a largura do campo, a Espanha. Perante isso, os espanhóis poderão levantar o troféu, mas necessitar de um novo prolongamento, ou mesmo das grandes penalidades, para o fazer. A condição física será essencial para que, mantendo o seu ritmo, os espanhóis mostrem toda a sua superioridade.

A Bet365 oferece-lhe 50€ de bónus para apostar neste jogo: http://bitly.com/50eurbonus

Prognóstico Odd Casa Erro
Resultado final: Espanha 2.80 Bet365
brasil
Brasil
  • País: Brasil
  • Estádio:
  • Cidade: Brasília
  • Fundação: 1914

Ver ficha completa

Espanha
Espanha
  • País: Espanha
  • Estádio:
  • Cidade: Madrid
  • Fundação: 1920

Ver ficha completa

Luís Cristóvão
Luís Cristóvão
  • Próg. realizados 2793
  • Média Odds usadas 2.16
  • Próg. certos 1316
  • Próg. errados 1435
comments powered by Disqus

Últimos jogos