Menu

Boavista – Académica (Taça de Portugal)

O jogo que encerra esta ronda da Taça de Portugal coloca, frente a frente, dois conjuntos da Liga NOS. Mas não é esse o único ponto em comum entre Boavista e Académica. Apontadas a temporadas sossegadas no meio da tabela, quer panteras, quer estudantes, já se viram obrigados a mudar de comando técnico, seguindo agora com os mesmos pontos (10), o Boavista com um pé acima da linha de água, a Académica entre as equipas que estão nos lugares da despromoção. A Taça de Portugal não servirá, nesta instância, para salvar temporadas, acabando este encontro por ganhar outros contornos de face à situação presente: ambas as equipas terão como objetivo, para já, mostrar-se capaz de bater a outra, deixando assim presente a mensagem que importa – ninguém quer descer de divisão.

No Boavista, o ponto de maior destaque é a recente chegada de Erwin Sanchez, que no seu primeiro encontro neste regresso ao Bessa, acabou por conquistar um ponto frente ao Estoril Praia. A situação de Petit tornou-se insustentável, sobretudo, pelas quatro derrotas consecutivas na Liga NOS, para além de uma vitória magra e sofrida frente ao Operário, do Campeonato de Portugal, na Taça de Portugal. A sua substituição pelo boliviano tem impactos imediatos na escolha de alguns jogadores para entrar no onze, ainda que se possa discutir da qualidade dos mesmos para dar garantias no longo termo ao clube do Bessa. Na baliza, Gideão voltou a ocupar o lugar de Mika, não oferecendo mais segurança do que o internacional jovem português. No meio-campo ofensivo, Ancelmo volta a entrar nas contas depois de muito tempo sem jogar. Mas também haverá mudanças ao nível da atitude. Um técnico mais preocupado com o lado estético do jogo, poderá mostrar uma melhor face do Boavista, mas sem grandes garantias de que isso traga melhores resultados. Frente à Académica, Sanchez entrar obrigado a ganhar.

Onze Provável: Gideão – Tengarrinha, Paulo Vinícius, Henrique, Anderson Correia – Anderson Carvalho, Idrissa, Ancelmo – Zé Manuel, Uche, Douglas Abner.

Taça de PortugalA Académica, com Filipe Gouveia ao comando, vem de uma excelente vitória frente ao Belenenses. Mas enquanto o 4-3 poderá dar confiança aos estudantes, o facto de terem jogado na segunda-feira, ao contrário do Boavista que jogou na sexta-feira passada, leva a que a equipa esteja muito mais fragilizada fisicamente do que o seu concorrente. Será, assim, e primeiro que tudo, um exercício de gestão para um técnico que tem como objetivo principal tirar o conjunto de Coimbra dos lugares de aflição. O empate com o Arouca, no final de novembro, já tinha sido um sinal positivo e, depois de derrota com o Benfica, o encontro com o FC Porto do próximo domingo também não deverá constituir oportunidade de pontuar. Assim que deveremos ver algum esforço para continuar na Taça de Portugal, depois de ter precisado das grandes penalidades para ultrapassar o Trofense na eliminatória anterior.

Onze Provável: Lee – Ofori, João Real, Ricardo Nascimento, Iago Santos – Fernando Alexandre, Nuno Piloto – Hugo Seco, Leandro Silva, Ivanildo – Rabiola.

Já esta época, mas com treinadores diferentes, o Boavista foi a Coimbra vencer por 2-0.

Académica 0-2 Boavista Liga NOS 15/16
Académica 0-0 Boavista Liga NOS 14/15
Boavista 1-0 Académica Liga NOS 14/15
Académica 1-1 Boavista bwin LIGA 07/08
Boavista 0-0 Académica bwin LIGA 07/08

O favoritismo volta a estar do lado da equipa da Bessa, a jogar em casa e com mais tempo de recuperação, podendo assim seguir em frente na Taça de Portugal.

Prognóstico Odd Casa Sucesso
Vitória do Boavista 2.10 Betrally
Boavista FC logo
Boavista FC
  • País: Portugal
  • Estádio: Bessa Século XXI
  • Cidade: Porto
  • Fundação: 1903

Ver ficha completa

academica
Académica
  • País: Portugal
  • Estádio: Cidade de Coimbra
  • Cidade: Coimbra
  • Fundação: 1887

Ver ficha completa

Luís Cristóvão
Luís Cristóvão
  • Próg. realizados 2909
  • Média Odds usadas 2.15
  • Próg. certos 1365
  • Próg. errados 1506
comments powered by Disqus

Últimos jogos