Menu

Atlético de Madrid – Rayo Vallecano (Taça do Rei)

O Atlético de Madrid e o Rayo Vallecano medem forças esta quinta-feira no Vicente Calderón, em Madrid, num embate a valer para a 2ª mão dos oitavos de final da Taça do Rei. Na última jornada do campeonato espanhol, o conjunto da casa assegurou a liderança da tabela de classificação geral, chegando agora aqui com ambição de conseguir superar o empate a uma bola na 1ª mão da prova e seguir até à próxima etapa. Já o Rayo Vallecano está em maus lençóis na Liga BBVA, situando-se na zona de relegação e apresentando sinais de poucas melhorias, o que lhes pode sair caro neste encontro.

Atlético de Madrid entrou nesta competição na 4ª Ronda, onde teve apenas que vencer o CF Reus para chegar a esta etapa onde acabou por empatar a 1ª mão, em terreno alheio, por 1-1. Os Colchoneros encaram a Taça do Rei com grande respeito e ambição, tendo já somado no seu palmarés um total de 10 títulos nesta competição, onde o último foi conquistado na temporada de 2012/13 ao eliminar o vizinho Real Madrid na final. Já na Liga BBVA, este conjunto aos comandos de Diego Simeone tem lutado incansavelmente pela liderança da tabela de classificação geral, sem nunca baixar os braços, e foi ao final da 18ª jornada que a turma de Madrid aproveitou da melhor forma o deslize do Barcelona em terreno do Espanyol, roubando-lhes a liderança. Os Indios ocupam então o 1º lugar com 44 pontos, fruto de 14 vitórias, 2 empates e 3 derrotas, com parciais de 27 golos marcados e 8 golos sofridos. Já com uma vantagem de 2 pontos sobre o Barcelona e 4 sobre o Real Madrid, 2º e 3º classificados, os homens orientados pelo técnico argentino dão provas que merecem esta liderança, apresentando a defesa mais organizada, e menos batida, do campeonato e com apenas 1 derrota e 4 empates nos últimos 20 jogos oficiais.

Os Colchoneros conseguiram também um bom registo na Liga dos Campeões, onde começaram por disputar o Grupo C, juntamente com o Benfica, Galatasaray e Astana, tendo sido a turma espanhola a qualificar-se aos oitavos de final como líderes de Grupo, tendo agora o PSV pela frente. Tendo em conta que Diego Simeone rodou 10 jogadores na 1ª mão da Taça do Rei e que esta terminou empatada, o argentino deverá agora utilizar um XI inicial mais habitual, com menos mudanças, aproveitando a grande forma dos seus jogadores para aplicarem o seu estilo de jogo, utilizando passes curtos e dominando a bola no meio campo adversário. Importa realçar que este conjunto tem vindo a apresentar maior facilidade em criar jogadas de perigo, quer através de forma colectiva ou individual.

Nos seus últimos 5 jogos oficiais, o Atlético de Madrid apresenta um histórico de 3 vitórias, 1 empate e 1 derrota. Esta sequência de resultados iniciou-se com uma derrota por 1-0 em terreno do Málaga. Seguiu-se uma vitória por 0-2 em terreno do Rayo Vallecano, uma vitória por 1-0 na recepção ao Levante, um empate por 1-1 em terreno do Rayo Vallecano, em jogo a contar para a Taça do Rei, e na última jornada, uma vitória por 0-2 em terreno do Celta de Vigo. Tiago é a única baixa confirmada para este jogo, por lesão.

Onze Provável: Oblak – Gámez, Godin, Savic e Filipe Luís – Thomas, Gabi, Carrasco e Koke – Jackson Martínez e Griezmann.

taça do reiRayo Vallecano, por sua vez, entrou na corrida pela Taça do Rei na 4ª Ronda onde eliminou o Getafe para chegar a esta etapa da prova. Sem nunca ter vencido esta competição em toda a sua história, o mais longe que os Vallecanos chegaram foram as meias finais da temporada de 1981/82, sendo que nos últimos 10 anos não conseguiram ir além dos oitavos de final. As coisas não parecem estar fáceis para esta turma aos comandos de Paco Jémez, que não prova o sabor da vitória na Liga BBVA já há 8 jornadas consecutivas, o que deixa assim a ocupar o 18º lugar na tabela de classificação geral com os mesmos 18 pontos que 19º Sporting Gijón, fruto de 4 vitórias, 3 empates e 12 derrotas, com parciais de 21 golos marcados e 43 golos sofridos. A 2 pontos de poder voltar a respirar de tranquilidade, o Rayo precisa de trabalhar especialmente nas suas lacunas defensivas, uma vez que apresenta o sector defensivo mais batido de todo o campeonato espanhol, algo que está a contribuir para a sua permanência na zona de relegação. No entanto, na última jornada em terreno do Levante, e apesar de acabarem por sair derrotados, os Vallecanos mostraram vontade de vencer, roubando várias vezes a bola ao oponente e criando situações de perigo através dos flancos e de remates fora de área, num jogo onde atacaram especialmente pelo lado esquerdo e jogaram com profundidade.

Nos seus últimos 5 jogos oficiais, o Rayo Vallecano apresenta um histórico de 2 empates e 3 derrotas. Esta sequência de resultados iniciou-se com uma derrota por 10-2 em terreno do Real Madrid. Seguiu-se uma derrota por 0-2 em terreno do Atlético de Madrid, um empate por 2-2 na recepção à Real Sociedad, um empate por 1-1 na recepção ao Atlético de Madrid, em jogo a contar para a Taça do Rei, e na última jornada, uma derrota por 2-1 em terreno do Levante. Razvan Rat, Toño, David Cobeño e Patrick Ebert estão de fora, todos lesionados.

Onze Provável: Rodríguez – Quini, Tito, Dorado e Martínez – Sánchez, Trashorras, Embarba e Hernández – Guerra e Miku.

Nos seus últimos 8 confrontos directos, o Atlético de Madrid venceu 5 jogos, tendo o Rayo Vallecano vencido apenas 1. Os restantes 2 jogos terminaram em empate.

Rayo Vallecano 1-1 Atlético Madrid
Copa Rey 15/16
Rayo Vallecano 0-2 Atlético Madrid
Liga BBVA 15/16
Atlético Madrid 3-1 Rayo Vallecano
Liga BBVA 14/15
Rayo Vallecano 0-0 Atlético Madrid
Liga BBVA 14/15
Rayo Vallecano 2-4 Atlético Madrid
Liga BBVA 13/14
Atlético Madrid 5-0 Rayo Vallecano
Liga BBVA 13/14
Rayo Vallecano 2-1 Atlético Madrid
Liga BBVA 12/13
Atlético Madrid 4-3 Rayo Vallecano
Liga BBVA 12/13

Dada a discrepância de qualidade entre os dois emblemas, e a jogar com o factor casa, o Atlético de Madrid é favorito a vencer a partida e a seguir até à próxima etapa da prova, apresentando intervenientes de maior qualidade táctica e técnica, e tendo em conta as lacunas defensivas do Rayo, os Colchoneros deverão conseguir visar a baliza adversária mais que uma vez.

Prognóstico Odd Casa Sucesso
Odds Asiáticas: Atlético de Madrid -1 1.83 Betrally
atle de madrid
Atlético de Madrid
  • País: Espanha
  • Estádio: Vicente Calderón
  • Cidade: Madrid
  • Fundação: 1903

Ver ficha completa

rayovallecano
Rayo Vallecano
  • País: Espanha
  • Estádio: Vallecas
  • Cidade: Madrid
  • Fundação: 1924

Ver ficha completa

Fabio Mota
Fabio Mota
  • Próg. realizados 1773
  • Média Odds usadas 1.83
  • Próg. certos 929
  • Próg. errados 755
comments powered by Disqus

Últimos jogos