Menu
  • 17 fevereiro
  • 19:45
  • Betrally

AS Roma – Real Madrid (Liga dos Campeões)

Os Merengues visitam o Estádio Olímpico de Roma para a primeira mão dos oitavos de final da Liga dos Campeões. Desde o sorteio que definiu este embate ambas as equipas passaram por mudanças na equipa técnica. É o décimo nono ano consecutivo em que os Merengues marcam presença nesta fase da competição. Para a AS Roma será a primeira vez desde a temporada de 2010/11. O clube espanhol é favorito mas a motivação de uns Giallorrossi reanimados por Spalletti não deve ser desvalorizada. Será a estreia de Zinedine Zidane, como treinador, na Liga Milionária.

Há cinco temporadas que a AS Roma não se apurava para a fase a eliminar da Liga dos Campeões. Que o tenha feito com um registo fraco agora não importa nada. Os Giallorrossi ficaram em segundo lugar no grupo E, atrás do Barcelona, somando uma vitória, três empates e duas derrotas. Os seis pontos amealhados só foram suficientes porque os Culé foram jogar a Leverkusen, no último compromisso e com a qualificação mais do que garantida, com uma equipa de segundas linhas. O empate na Arena do Bayer deu a passagem aos italianos, que também foram os que mais golos concederam nessa etapa da prova: dezasseis.

Mas muita coisa mudou no clube desde essa altura. Rudi Garcia não resistiu à fraca campanha europeia, mesmo conseguindo um apuramento há muito ambicionado, nem ao facto de não estar a conseguir aproveitar o caos inicial da rival Juventus para se instalar no topo da classificação. Foi despedido poucos dias depois de Rafa Benítez. Para o seu lugar foi chamado um homem que conhece bem a casa, Luciano Spalletti. Apesar de estar há dois anos sem treinar o italiano não demorou a endireitar a equipa. A Roma venceu os últimos quatro jogos e as angústias sentidas no tempo de Garcia para chegar às redes adversárias parecem ultrapassadas. Edin Dzeko voltou a marcar, acabando uma pausa demasiado longa para um avançado da sua qualidade.

Ninguém ligado ao clube conseguirá evitar o fantasma das goleadas sofridas nos últimos anos mas estar nos oitavos de final da Liga dos Campeões também proporciona um tipo de adrenalina que faz com que os jogadores se superem. Ponce, Torosidis e Gyombér estão lesionados. Daniele de Rossi e Francesco Totti devem estar recuperados e prontos a contribuir, talvez não logo de início.

Onze Provável: Szczesny – Florenzi, Manolas, Rudiger, Digne – Pjanic, Nainggolan – Salah, Perotti, Shaarawy – Dzeko.

Liga dos CampeõesO Real Madrid também não escapou à saída do treinador. Benítez foi dispensado apesar da irrepreensível fase de grupos, na qual o clube venceu o grupo o grupo A, deixando para trás os franceses do Paris SG, sem derrotas (5V/ 1E). Os Merengues só perderam pontos no Parque dos Príncipes (0-0) e garantiram uma diferença de golos invejável: dezanove marcados, apenas três sofridos e Cristiano Ronaldo como o melhor marcador, com onze. Mas a nível doméstico as coisas não estavam a ser tão convincentes. Basicamente, o Real não estava sequer perto do poderio evidenciado pelos rivais da Catalunha, e isso deixa qualquer adepto blanco muito ansioso.

A chegada de Zidane veio resolver o mal-estar do balneário. Claramente, os jogadores do Real não gostava nem acreditavam em Benítez. O antigo internacional francês tem a autoridade moral que lhe advém da sua experiência de futebolistas que ganhou tudo e cultiva essa proximidade numa abordagem individualizada com os elementos do plantel. Os jogadores reagiram muito positivamente a essa mudança mas as exibições, sobretudo fora do Bernabéu, ainda não são tão firmes assim. É certo que os resultados continuam a ser positivos e mesmo a lesão de Gareth Bale, que se temeu ser um golpe forte para este ressurgimento dos Merengues, não parece ter afetado particularmente o conjunto.

Pepe e Bale continuam a ser baixas mas aparentemente Marcelo parece capaz de ser utilizado, depois de problemas no ombro. Este é o décimo nono ano consecutivo em que o Real chega à fase a eliminar da Liga dos Campeões e nos últimos cinco aguentou-se pelo menos até à meia-final.

Onze Provável: Navas – Danilo, Varane, Ramos, Carvajal – Modric, Kroos, Isco – James Rodríguez, Benzema, Ronaldo.

Real Madrid 1-2 Roma LC 2007/08
Roma 2-1 Real Madrid LC 2007/08
Roma 0-3 Real Madrid LC 2004/05
Real Madrid 4-2 Roma LC 2004/05

Há quase oito anos que os dois emblemas não se cruzavam e nessa altura, também nos oitavos da Liga dos Campeões, foram os Giallorrossi a vencer as duas mãos.

Prognóstico Odd Casa Erro
Empate 3.80 Betrally
asroma
AS Roma
  • País: Itália
  • Estádio: Olímpico de Roma
  • Cidade: Roma
  • Fundação: 1927

Ver ficha completa

realmadrid
Real Madrid
  • País: Espanha
  • Estádio: Santiago Bernabéu
  • Cidade: Madrid
  • Fundação: 1902

Ver ficha completa

Justa Barbosa
Justa Barbosa
  • Próg. realizados 1826
  • Média Odds usadas 2.21
  • Próg. certos 767
  • Próg. errados 1035
comments powered by Disqus

Últimos jogos