Menu
  • 30 agosto
  • 02:00
  • Bet365

Andy Murray – Ivan Dodig (Open dos Estados Unidos)

Andy Murray está no Open dos Estados Unidos para quebrar um recorde negativo que o vem perseguido há vários anos: ele é o único tenista do top 4 mundial que ainda não conquistou um torneio de Grand Slam. Apesar de já ter conseguido a medalha de ouro nos Jogos Olímpicos, o britânico tem falhado quando o assunto é um dos “Majors” do circuito. Ele já atingiu a final de um torneio desta categoria por quatro ocasiões mas não foi capaz de erguer o troféu principal em nenhuma delas. Contudo, ele tem aqui uma excelente oportunidade de quebrar esse enguiço, visto que o espanhol Rafael Nadal está fora da competição. Mas para isso, o número quatro mundial precisa de derrotar o croata Ivan Dodig na segunda fase. Este será o primeiro confronto entre ambos.

Andy Murray não fez a melhor das estreias no torneio norte-americano. Apesar de ter ultrapasso o russo Alex Bogomolov Jr. em três sets, o tenista britânico viu o seu serviço quebrado várias vezes e em certos momentos do encontro até demonstrou algum cansaço físico. A má performance levou até que atirasse a raquete para o chão algumas vezes. No entanto, ele tem consciência que precisa de ir longe na competição para conseguir ultrapassar Rafael Nadal no ranking ATP e aproveitar a ausência do espanhol. Esta má condições física de Murray pode ser um ponto a ter em conta, visto que ele já abandonou um torneio há poucas semanas e desde a conquista do ouro nos Jogos Olímpicos jamais foi capaz de demonstrar o seu melhor ténis. Contudo, o Open dos Estados Unidos traz-lhe excelente recordações. É que foi aqui que ele atingiu uma das três finais em torneios de Grand Slam. Foi em 2008, quando na altura cedeu frente a Roger Federer

us openPor outro lado, temos um Ivan Dodig numa das suas piores formas de sempre. O tenista croata, que já chegou a ser número 32 mundial, está atualmente na 118ª colocação, o que representa bem os maus resultados que tem conseguido esta temporada. O seu saldo em 2012 é pouco convincente: foram até agora 12 vitórias em 35 encontros disputados, o que representa uma média de quase 33% de triunfos este ano. As suas melhores campanhas em 2012 os quartos-de-final conseguidos em Queen’s e Zagreb, muito pouco para quem começou a temporada no 36º posto. No que toca a participações no torneio norte-americano, esta é apenas a sua quarta presença. A melhor campanha que o tenista de 27 anos conseguiu foi chegar à 2ª ronda em 2010, depois de ultrapassar a fase de qualificação. De resto, foi parado na estreia do qualyfing em 2009 e na 1ª ronda do quadro principal o ano passado, frente ao russo Nikolay Davydenko.

Neste duelo, podemos esperar um Andy Murray um pouco menos ansioso do que na estreia, disposto a limpar a má imagem deixada no jogo de abertura. Contudo, Dodig poderá ter uma palavra a dizer, mesmo não estando a viver um dos seus melhores momentos da carreira. A verdade é que, apesar de estar em má forma, ele já derrotou este ano tenistas como Jo-Wilfried Tsonga e Bernard Tomic.

A Bet365 dá-lhe 50€ de bónus para apostar neste jogo: http://bitly.com/50eurbonus

Prognóstico Odd Casa Sucesso
Total de jogos: menos de 27.5 1.72 Bet365
Andy Murray
Andy Murray
  • País: Inglaterra
  • Estádio:
  • Cidade:
  • Fundação:

Ver ficha completa

Ivan Dodig
Ivan Dodig
  • País: Croácia
  • Estádio:
  • Cidade:
  • Fundação:

Ver ficha completa

Luciano Larrossa
  • Próg. realizados 47
  • Média Odds usadas 1.79
  • Próg. certos 23
  • Próg. errados 21
comments powered by Disqus

Últimos jogos