Menu

Ajax – Rapid Viena (Liga dos Campeões)

O Ajax, vice-campeão holandês, entra para esta segunda mão em vantagem após ter empatado a dois na semana passada, em Viena. Agora, a decisão passa por Amesterdão. Pese embora o favoritimo local, certo é que a resposta dada pelo Rapid no jogo da primeira mão e a vitória deste fim-de-semana diante do Red Bull Salzburg alertam para os perigos que esta formação poderá vir a criar.

Encontro entre vice-campeões holandês e austríaco na terceira pré-eliminatória de acesso à Liga dos Campeões. Na primeira mão, disputada em Viena, registou-se um empate a dois que beneficia naturalmente o Ajax, que jogou fora de portas. Um “bis” de Klaasen coloca os holandeses em boa posição para seguir em frente, confirmando o favoritismo que lhes era reconhecido à partida. Pegando nesse mesmo comproomisso, note-se que ao intervalo o Ajax já vencia por 0-2. Na segunda parte, Kainz reduziu para 1-2 e deu alento aos austríacos que fariam a igualdade -em desvantagem numérica desde os 59 minutos. A jogar em casa e em vantagem, o Ajax tem naturalmente bem mais razões para sorrir que um Rapid Viena que, ainda assim, chega a este encontro em estado de graça…

Liga dos CampeõesO Rapid Viena, que ao contrário do Ajax já se encontra a disputar o campeonato doméstico, vive um bom arranque de temporada. Além da significante recuperação conseguida diante dos holandeses, – algo que tem impacto nomeadamente a nível psicológico – o Rapid venceu os dois jogos já disputados na atual edição da Bundesliga austríaca. Após ter vencido o SV Ried com golos de Kainz, Beric e Schaub na primeira jornada, na segunda, nota para um grande triunfo frente ao Red Bull Salzburg, nada mais nada menos que o atual detentor do título daquele país. O Rapid apresentou-se em Salzburgo como uma equipa compacta, capaz em transição e letal na hora de atacar a baliza contrária. Foi, enfim, a equipa mais esclarecida ao longo da maior parte do jogo e mereceu conquistar os três pontos. Thanos Petsos – de livre – e Stefan Schwab fizeram os golos dos forasteiros. Por agora, o Rapid lidera a competição a par dos vizinhos do Austria de Viena com seis pontos.

Onze Provável: Ján Novota – Stephan Auer, Mario Sonnleitner, Christopher Dibon e Michael Schimpelsberger – Thanos Petsos, Stefan Schwab, Louis Schaub e Florian Kainz – Deni Alar e Robert Beric.

O Ajax de Frank de Boer ainda não iniciou competição a nível interno. Clube com tradição na Liga dos Campeões, um dos objetivos para a nova temporada passa por garantir o acesso à fase de grupos da mais importante prova de clubes à escala continental. Para já, o acesso ao “play-off” parece estar bem encaminhado graças ao empate com dois golos fora de portas. Nos amigáveis disputados, o Ajax defrontou adversários de boa valia (Panathinaikos, Dínamo de Moscovo, Wolfsburg) e deu bom sinal de si. À procura de resgatar o ceptro que agora se encontra na posse do PSV, o Ajax apresenta novamente um plantel competitivo e com capacidade para surpreender no plano internacional. Destaque para as entradas de Sanogo, Younes e Gudelj nas opções de Frank de Boer, não descurando a manutenção de jogadores como Klaasen ou Milik.

Onze Provável: Jasper Cillessen – Tete, Veltman, Riedewald, Boilesen – Gudelj, Bazoer, Klaasen – Fischer, Schone, Milic.

O Ajax está em vantagem e joga em casa. Não há espaço para relaxamento. O Rapid chega motivado, sabe que tem que se chegar à frente se quiser seguir em prova e procurará causar dificuldades desde cedo. Ainda assim, os holandeses são favoritos à conquista da passagem e da vitória neste jogo.

Prognóstico Odd Casa Erro
Vitória do Ajax 1.92 Dhoze
ajax
Ajax
  • País: Holanda
  • Estádio: Amsterdam Arena
  • Cidade: Amsterdão
  • Fundação: 1900

Ver ficha completa

Rapid de Viena logo
Rapid de Viena
  • País: Áustria
  • Estádio: Allianz Stadion
  • Cidade: Viena
  • Fundação: 1899

Ver ficha completa

Afonso Canavilhas
  • Próg. realizados 1501
  • Média Odds usadas 1.79
  • Próg. certos 776
  • Próg. errados 645
comments powered by Disqus

Últimos jogos