Menu

A Betclic oferece-te um bónus de25€ grátis para este jogo!

Ajax – Chelsea (Liga dos Campeões)

O Ajax, grande revelação da última edição da Liga dos Campeões, quer voltar a brilhar no maior palco do futebol europeu. Na terceira jornada da fase de grupos, os “Godenzonen” recebem o Chelsea.

De Ligt e De Jong deixaram o clube, mas o Ajax soube reorganizar-se sem duas peças chave e, para já, está a rubricar uma prestação elogiosa na fase de grupos da Liga dos Campeões. Os “Colchoneros” iniciaram o seu percurso no grupo H da competição com uma vitória clara diante do Lille, por três bolas a zero. Na segunda jornada, os holandeses repetiriam a dose a jogar fora de portas, diante do Valência, assumindo a dianteira do grupo com um impressionante registo de seis golos marcados e zero sofridos em apenas dois jogos. Chegou a hora de medir forças com o Chelsea de Frank Lampard, no plano teórico, o adversário mais forte do grupo, não obstante o momento menos bom que atravessa.

O Ajax de Erik ten Hag está verdadeiramente em estado de graça, dado que ainda nem sequer sabe o que é perder um jogo oficial na presente temporada. Nos últimos dez encontros, venceu nove (só empatou a uma bola na visita ao PSV Eindhoven) e levou a melhor nos últimos cinco compromissos que disputou, em quatro deles por uma margem superior a um golo de diferença. No mais recente desafio, disputado no terreno do RKC Waalwijk, o Ajax triunfou por duas bolas a uma com golos de Tadic e Quincy Promes, sendo que Erik ten Hag não promoveu alterações significativas na equipa a pensar neste embate com o Chelsea, exceção feita à ausência de Neres – ainda assim, “retirou” Ziyech à hora de jogo.

Na Arena de Amesterdão, o Ajax só sabe vencer. Oito jogos, oito vitórias, 26 (!) golos marcados e três sofridos. Ainda que a realidade do campeonato holandês não seja comparável com a do nível de Liga dos Campeões, a quantidade de golos marcados não deixa de ser uma prova inequívoca da qualidade do ataque dos “Godenzonen”. Além a vitória diante do Lille (3-0), o Ajax bateu também o PAOK (3-2) e o APOEL (2-0) na fase preliminar da Champions.

Erik ten Hag tem toda a equipa disponível para a receção ao Chelsea.

Onze provável: Onana, Dest, Veltman, Blind, Tagliafico, Beek, Martínez, Promes, Ziyech, Neres, Tadic

Liga dos CampeõesA crítica não tem poupado Frank Lampard, ainda que o ex-internacional inglês tenha como atenuante o facto de ter visto partir a principal referência da equipas nas últimas temporadas (Eden Hazard) e, impedido de contratar, se veja “obrigado” a apostar na prata da casa, aposta essa que de resto tem sido benéfica, olhando às prestações de jogadores como Mason Mount ou Tammy Abraham. Nesta Liga dos Campeões 2019/20, o Chelsea tem o desígnio mínimo de chegar aos oitavos de final, objetivo que está perfeitamente ao seu alcance. Atualmente, a equipa de Stamford Bridge provavelmente o melhor momento da temporada, dado que venceu os últimos cinco desafios que disputou – goleou o Grimsby Town (7-1) para a Taça da Liga, bateu Brighton (2-0), Southampton (1-4) e Newcastle (1-0) para a Premier League e ainda foi a Lille (1-2) resgatar os três primeiros pontos nesta fase de grupos da Liga dos Campeões, reerguendo-se após o desaire caseiro às mãos do Valência (0-1) na ronda inaugural.

O Chelsea possui o terceiro melhor ataque da Premier League com 19 golos marcados até então, registo que perfaz uma média próxima dos dois golos/jogo. Tammy Abraham lidera a lista de melhores marcadores a par de Kun Aguero. Ainda que tenha visto partir Hazard, o Chelsea conseguiu socorrer-se de Abraham e conta também com Pulisic (contratado antes da proibição) – o que não significa que não pudesse garantir mais recursos para o último terço se não fosse a proibição -, mas parece ser na defesa que a formação londrina apresenta maiores lacunas. Com golos sofridos nos dois encontros da Liga dos Campeões e 14 tentos encaixados em nove jogos na Premier, está claro que algo precisa de mudar em termos defensivos. Para agudizar a situação, Lampard não vai poder contar com N’Golo Kanté, um autêntico “pêndulo” no meio-campo. Loftus-Cheek, Barkley e Christensen também não vão a jogo.

Onze provável: Arrizabalaga, Azpilicueta, Zouma, Tomori, Alonso, Jorginho, Kovacic, Mount, Willian, Hudson-Odoi, Abaraham

O Ajax atravessa um bom momento, está a jogar bom futebol e deverá pelo menos conseguir um ponto num encontro que se perspetiva com golos de parte a parte.

Prognóstico Odd Casa Erro
Ajax ou Empate e Mais de 1.5 Golos 1.54 Betclic
ajax
Ajax
  • País: Holanda
  • Estádio: Amsterdam Arena
  • Cidade: Amsterdão
  • Fundação: 1900

Ver ficha completa

chelsea
Chelsea
  • País: Inglaterra
  • Estádio: Stamford Bridge
  • Cidade: Londres
  • Fundação: 1905

Ver ficha completa

Afonso Canavilhas
  • Próg. realizados 2376
  • Média Odds usadas 1.74
  • Próg. certos 1286
  • Próg. errados 1006
comments powered by Disqus

Últimos jogos