Menu
Eredivisie 1ª Jornada

ADO Den Haag – PSV (Eredivisie)

O campeão volta à ação com uma deslocação a Den Haag. O PSV Eindhoven, vencedor da última edição do campeonato holandês, estreia-se frente ao 13º classificado da pretérita temporada. A estreia oficial correu de feição aos “Boeren”, que conquistaram a Supertaça diante do Groningen por esclarecedores 3-0.

Em relação ao plantel da última temporada, destaque para duas saídas no plantel do PSV, bem mediáticas por sinal. O jovem prodígio Memphis Depay, internacional holandês, rumou ao Manchester United. Também Georginio Wijnaldum, elemento importante no setor ofensivo da equipa holandesa, rumou à Premier League para representar o Newcastle. Destaque ainda para a saída do guarda-redes polaco Tyton, que rumou aos alemães do Estugarda. No entanto, o emblema orientado pelo ex-internacional holandês Philip Cocu prontificou-se a garantir reforços capazes de menorizar as perdas registadas. Gastón Pereiro, uruguaio que brilhou no último Sudamericano sub-20, chegou para o ataque. Andrés Guardado foi garantido a título definitivo e chegou ainda outro atleta mexicano ao clube: O central Hector Moreno, ex-Espanyol. Isimat-Mirin, do Mónaco, também regressa ao PSV para reforçar o eixo. Destaque ainda para o médio Davy Propper, para o talentoso Maxime Lestienne e ainda para Simon Poulsen.

Após quebrar a hegemonia do Ajax de Frank de Boer, o PSV quer prolongar a respetiva senda vitoriosa. Conta efetivamente com um plantel muito interessante. Não tem apenas um bom onze, possui simultaneamente  uma segunda linha repleta de bons valores. Embora a Eredivisie seja uma prova repleta de surpresas, o PSV surge naturalmente como forte candidato à revalidação do título. Num futebol holandês muito ofensivo por definição e tradição, atenção ao poder de fogo deste PSV que, apesar de ter perdido elementos importantes no ataque, reforçou-se muito bem. Sublinhar que o PSV foi, de longe, o melhor ataque do último campeonato com 92 golos marcados em 34 jogos (!), marca incrível.

Onze provável: Zoet – Arias, Isimat-Mirin, Bruma, Poulsen – Hendrix, Propper, Maher – Guardado, Narsingh, de Jong.

eredivisieO ADO Den Haag foi 13º classificado da última edição da Eredivisie. Em 34 jogos, fez 44 golos e sofreu 53. Equipa cujas ambições passam, essencialmente, por fugir à despromoção e se possível ficar a meio da tabela. Em 17 jogos disputados em casa na época passada, perdeu apenas cinco. Três dessas derrotas foram impostas por equipas que acabaram entre os quatro primeiro classificados, nomeadamente PSV, AZ Alkmaar e Feyernoord. Bem ao estilo holandês, só não fez golos em dois desses 17 jogos. Segundo dados do “transfermarkt”, o Den Haag não despendeu qualquer verba em transferências. Garantiu serviços de atletas como Marengo, Schaken e Duplan a custo zero e o empréstimo de Gorré (Swansea). Curiosamente, são os quatro para a frente de ataque, nomeadamente para as alas. No sentido inverso, destaque para a saída de van Duinen.

Onze provável: Hansen – Malone, Wormgoor, Zuiverloon, Ebuehi – Kristensen, Bakker, Alberg – Houtkoop, Schaken, Owobowale.

Em termos de pré-época, realçar o facto de o PSV ter enfrentado adversário fortes como Basel, Lyon ou Mónaco. Chega a este jogo também embalado pela vitória na Supertaça diante do Groningen. É favorito à conquista dos três pontos, sendo no entanto um dado adquirido que não serão favas contadas diante deste Den Haag.

Prognóstico Odd Casa Erro
Vitória do PSV 1.51 Dhoze
ADO Den Haag logo
ADO Den Haag
  • País: Holanda
  • Estádio: Kyocera stadium
  • Cidade: Den Haag
  • Fundação: 1905

Ver ficha completa

psv
PSV
  • País: Holanda
  • Estádio: Philips Stadium
  • Cidade: Eindhoven
  • Fundação: 1913

Ver ficha completa

Afonso Canavilhas
  • Próg. realizados 1495
  • Média Odds usadas 1.79
  • Próg. certos 774
  • Próg. errados 645
comments powered by Disqus

Últimos jogos